sábado, abril 30, 2011

Paços 2 x 1 Vitória

Já li relatos de um jogo (quase) de sentido único. É estranho, no mínimo, perceber-se, neste contexto, a quantidade de oportunidades criadas pelo Vitória, inclusivamente, na segunda parte, durante a qual jogou sempre com menos um, mas essa desvantagem numérica quase nunca se notou. São leituras subjectivas.

Tão subjectivas como as outras, de que Manuel Machado e Emílio Macedo se queixam. E que são apreciadas da seguinte forma no Jogo e em Record:

Jogo: "Péssima actuação de Bruno Esteves. Esteve bem no capítulo disciplinar, especialmente no caso de Faouzi, mas devia ter assinalado penálti quando o marroquino foi rasteirado na área (34'). Já o penálti assinalado a Cléber (45'+1') foi um erro crasso, pois o jogador vitoriano desarmou Leonel Olímpio de forma limpa."

Record: "Que aflição na área pacense! Excelente iniciativa de Faouzi, Ozéia tira em cima da linha e o lance perde-se. O marroquino queixa-se de falta na área, mas o juiz da partida nada assinala. Parece, no entanto, ter existido falta para grande penalidade...(...) Penálti para o Paços de Ferreira! Cléber parece cortar o esférico, mas Bruno Esteves decide assinalar falta sobre Leonel Olímpio..."

São assuntos que me interessam menos do que outros, como a atitude e a coragem dos jogadores do Vitória durante toda a partida, ou como as pessoas que normalmente se queixam destas situações se esquecem do que dizem relativamente a estas matérias (e das consequências que esses alegados prejuízos têm no rendimento de uma equipa, mas como estamos perante um treinador "maldito" são assuntos que só são válidos na hora do protesto e não nas avaliações da qualidade do trabalho deste treinador).

Mesmo no campo da arbitragem há outros assuntos que me interessam mais, como as regras e respectiva interpretação e os critérios. Na maior parte das vezes, quem se dedica à análise destes lances cai sempre na frustração de não ter um lance idêntico para analisar do outro lado, analisado no mesmo jogo, pelo mesmo árbitro (caindo invariavelmente em especulações de pouco interesse). Neste jogo, contudo, houve momentos comparáveis e não foram bonitos.

Aos 45 da primeira parte, o Vitória estava a ganhar 0x1 e Faouzi foi expulso, depois de driblar o guarda-redes do Paços de Ferreira e de, na opinião do árbitro, ter simulado um penalty. Viu o segundo amarelo por simulação e foi para a rua. Primeira pergunta: quantas vezes viram uma expulsão por segundo amarelo por simulação? Tem cobertura legal. Siga para a próxima pergunta. Faouzi já vira o primeiro cartão amarelo por simulação, na opinião do árbitro. Quantas vezes viram um jogador ser expulso por dois amarelos por simulação? Há cobertura legal. Não houve qualquer tipo de interpretação que pudesse tolerar a ideia de que podia haver um desequilíbrio, um toque inadvertido ou não passível de ser marcada grande penalidade (ou uma falta, obviamente). Não, simulação pura, só. Siga. Segunda parte, Vitória reduzido a 10 e já empatado a 1, depois do penalty acima descrito.

Mário Rondon cai na área do Vitória e protesta uma grande penalidade. O árbitro não marca. Para além de não marcar, não a considerou uma simulação, nem achou que os protestos do avançado pacense fossem razão para um amarelo. Mas havia cobertura legal. Pouco depois, Mário Rondon remata depois do jogo parado, por fora-de-jogo. Vê amarelo, com cobertura legal. Mais um pouco e Mário Rondon cai na área do Vitória e o árbitro acha que não é penalty, mas não mostra amarelo. Desta vez, Rondon não protesta (tal como Faouzi no seu segundo amarelo, talvez porque nem tempo teve...). É importante dizer que esta decisão é aceitável, isoladamente considerada, porque há contacto e mesmo que não haja falta, um jogador não é obrigado a ficar de pé, porque se pode desequilibrar. Mas depois do que passou na primeira parte, estas duas decisões...

E assim, com estes critérios, no mesmo jogo, é obrigatório falar.

master kodro

26 comentários:

low desert puke disse...

Olhando para a classificaçao, eu acho que também é obrigatòrio falar sobre quem é o maior beneficiado depois deste jogo.

N. disse...

Onde está o MK que nunca fala de arbitragens?

Jorge disse...

MK

O cartao amarelo e uma advertencia e se o comportamento for repetido resulta logicamente na expulsao. Raramente vi um jogador ser expulso por dupla simulacao mas isso tera a ver com a resposta dos jogadores ao primeiro amarelo, poem-se mansos, excepto o Crouch que voltou a repetir exactamente o mesmo erro.

Nao vi o jogo, mas sou da opiniao que o arbitro so deve intervir quando esta seguro na sua avaliacao dos lances. Nessa logica so devera assinalar um penalty se o vir claramente (em vez de adivinhar que ha falta) e so devera punir um jogador por simulacao se estiver certo que houve simulacao, e parece que neste jogo houve erros em duas destas situacoes.

No entanto, vejo muita gente ligada ao futebol incluindo ex-arbitros que quando um jogador cai na area dizem que ou e penalty ou o jogador tem de ser punido com um cartao amarelo. E um atitude estupida, em primeiro lugar o jogador pode cair sem simular e sem ter sofrido falta, em segundo lugar o jogar pode ter caido por ter sofrido falta, mas nao estando o arbitro certo que tenha havido falta (pode nao ter visto) nao deve punir o jogador duas vezes, ao nao assinalar a falta e ao mostrar o cartao. O amarelo ao Hulk no jogo contra o Villareal parece-me ser um desses casos dubios que o arbitro deveria ter deixado passar.

Ah pois disse...

O maior beneficiado deve ser aquele clube que defronta adversários que no jogo anterior leva vermelhos incompreensíveis ou acumulação de amarelos para ficarem de fora. E se isso não resultar assina-se contrato no dia do jogo.

low desert puke disse...

Nao confundas as coisas, ah pois.

Estou a falar do sporting e do guimaraes, numa disputa por um lugar importante na classificaçao final. E nao das jogadas entre o teu presidente e os amigos do Nacional, Leiria, Setubal ou Olhanense.

Voltando ao assunto, este despique faz-me lembrar a época 07/08. Em que o sporting teve que ultrapassar os vimaranenses na recta final à pala de um "penalty" do Ronagnoli contra o Maritimo e um "livre" contra o Paços. Um, arbitrado pelo Lucilio e outro pelo Paixao. Lembro-me também que depois de cada um desses jogos os sportinguistas jà nao queriam chamar pela Judiciària...

E tenho a certeza que o vimaranense kodro saberà obrigatoriamente ainda mais pormenores sobre isto.

Jota Pê disse...

MK,

Tu que gostas tanto da massagem testicular ao clube regional, agora queixas-te das arbitragens??

Foda-se, não há quem te entenda...

Ah pois disse...

Fala-me este vómito em jogadas. A lata.

João disse...

Lembras bem puke, nesse final de época houve também arbitragens habilidosas em Coimbra e no Restelo a prejudicar o Vitória, mas são águas passadas.
A arbitragem de ontem foi um escândalo e os maiores beneficiados foram o Sporting(que ganhando garante no mínimo o 4º lugar e um inicio de época mais tardio para preparar a remodelação do plantel) e o Nacional. O Paços sempre se inscreveu para as competições Europeias?

Ah pois disse...

http://tv-benfica.blogspot.com/2008/04/polcia-judiciria-devia-entrar-em-campo.html

Sim, quem tem o hábito de chamar a policia é o Sporting sem dúvida.

Infante disse...

João, o Guimarães já tem a Liga Europa assegurada e se vencer a Taça entra no Playoff independentemente da sua classificação final.

E tendo em conta que o clube só esteve uma vez na uefa nos últimos 5 anos, é quase certo que vai encontrar um clube de ranking superior nesse playoff.

Se existe de facto uma conspiração contra o Guimarães, é de facto a conspiração mais inútil e desinteressante de todos os tempos...

master kodro disse...

Eu só tenho pena que a maior parte das pessoas não percebam o que está escrito no texto, mas tudo bem. Se não compreendem a diferença entre falar de arbitragens (de regras e de critérios) e discutr lances de um lado e esquecer os do outro, negar o óbvio e, consequentemente, insultar os adversários para justificar resultados, também não me interessa muito discutir seja o que for.

Jorge, não podia estar mais de acordo contigo. E acho que se o árbitro entendeu que Faouzi simulou duas vezes, fez muito bem em expulsá-lo. Considerou-o como comportamento anti-desportivo e fez o que está nas regras. Voltou a fazê-lo com o remate de Rondon depois do apito. Só não o fez quando Rondon caiu na área duas vezes e, numa delas, protestou penalty (que também é comportamento anti-desportivo). É uma escolha do árbitro. Espero que ele não apite jogos de outras equipas que me estão aqui a passar pela cabeça.

João disse...

Infante, não é conspiração contra o Vitória, fosse outro qualquer clube a estar na nossa posição acontecia o mesmo e o que interessa é dar tempo ao Sporting para formar o seu novo plantel e ter uma pré-época sossegada.

Este árbitro não hesita quando é para marcar penaltis contra o Vitória, foi o mesmo do jogo em casa com a Naval.

master kodro disse...

Falta um pormenor no rol da luta contra o anti-desportivismo do árbitro: dois jogadores do Vitória viram amarelos por protestos. Os do Rondon foram mais doces, felizmente.

N. disse...

Comparar os casos do Faouzi e do Rondon é "discutir lances" ao passo que comparar a mão do Miguel Vítor na Luz contra o Nacional e a mão do Rolando no Dragão contra o Sporting é falar de arbitragem!

Estou esclarecido.

Petinga disse...

Tres coisas.

1- Nao vi o jogo, e lendo o relato do MK so posso ficar estupefacto porque de facto nao me lembro de muitas expulsoes com duplo amarelo por simulacao. Acho ridiculo e so demonstra que o arbitro e pouco competente e nao impos a sua autoridade no jogo.

2- Quanto a "conspiracoes anti-Guimaraes para beneficiar o Sporting", deixem-me rir. Hoje mesmo, o Ivanildo esbraceja e vocifera contra tudo e todos e ve um amarelo. O Joao Pereira diz "Vai pro caralho" e leva vermelho directo. Granda conspiracao pa! O Duarte Gomes queria fazer descansar o Pereira para os proximos jogos, nao e? Faz lembrar o vermelho directo ao Juskowiak aqui ha uns valentes anos por colocar as maos a frente dos olhos fazendo de um par de oculos. Como escreveria o MK, "ha cobertura legal". Pois ha. Mas nao deixa de ser ridiculo. Isso e as teorias da conspiracao - leiam o que escreveu o Infante, se nao estao a par dos processos de apuramento para a Liga Europa.

3- Puke, curioso como em 2007-2008 se empurrou o Guimaraes tanto para baixo mas nem assim o Benfica conseguiu ficar em 3o lugar.

low desert puke disse...

Em 07/08 nao se empurrou o guimaraes para baixo. Deu-se foi ao sporting aquilo que dao sempre ao Benfica - colinho.

low desert puke disse...

Jà agora...

" Petinga disse...
Rearview

Adorei como num post sobre o FCP consegues vir falar do Sporting."

O00oops!

Zé Luís disse...

MK, vi´só os lances em resumo e a isto chama-se um roubo. Puro e simples.

Agora, já que ninguém fala disso, se aceiares teoria das conspirações e compensações, lembra-te do mesmo árbitro a dar um penálti ao Benfica frente ao P. Ferreira na 1ª volta quando este amaçava empatar... Foi o Caientrão, houve um desarme limpo mas o jogo acabou ali com penálti e 2-0.

Entretanto, como é árbitro, creio, da associação sadina, tá explicado o proteccionismo da casa Carlos Valente aos clubes da capital.

Nisto das arbitragens e cruzamento de interesses não há inocentes.

Sérgio_alj disse...

Lol Zé Luis, grande heroi que saiste...

"Nisto das arbitragens e cruzamento de interesses não há inocentes."

Descobriste isso depois do Paços-Guimaraes?

Mr. Shankly disse...

"Entretanto, como é árbitro, creio, da associação sadina, tá explicado o proteccionismo da casa Carlos Valente aos clubes da capital."

A melhor do ano. A associação sadina a beneficiar os clubes da capital.

Zé Luís disse...

Os parolos assobiam para o ar...

A admiração é filha da ignorância.

Mas falam de tudo em toda a época. Como se soubessem tudo, inclusive algo de há 10, 15 e 20 anos, contudo nem lembram a palha que comeram ontem.

De facto, nunca se viu tal, da associação sadina beneficiar os clubes da capital.

low desert puke disse...

Chuta exemplos, Zé Luis.

master kodro disse...

N, não estás esclarecido porque não queres estar. Não discuti em momento algum se foi penalty sobre o Faouzi ou não. Discuti o critério do árbitro em mostrar cartões por comportamento anti-desportivo a uns e não a outros e a um ter acontecido duas vezes.

Relativamente às mãos do Miguel Vítor, do Rolando, ou da mãe deles, estou sempre aberto para discutir a regra, nunca para discutir que perderam ou ganharam o jogo por causa de como se analisou essa mão e garantir, por isso, que uma das equipas é corrupta por isso e porque empatou um jogo com o Beira-Mar, há 7 anos. Se é disso que queres conversar, há sítios mais apropriados, certamente.

N. disse...

Discutir o critério do árbitro não é discutir arbitragem. Certíssimo...

Discutir o critério do árbitro é como discutir se ele conduz um Citroen ou um Peugeot, ou se ele gosta mais de Coca-Cola ou Pepsi.

Estou esclarecido, a sério. :)

Petinga disse...

Puke

Vou explicar devagarinho, para tu perceberes. Entao num post todinho sobre o Guimaraes o primeiro comentario de todos, e teu, e puxa logo o Sporting ao barulho e ainda me vens dar licoes de moral por te responder??

Es ainda mais ridiculo do que eu pensava.

Petinga disse...

A conspiracao anti-Guimaraes para dar colinho ao Sporting continua: o Joao Pereira foi suspenso por 2 jogos. Deve ser porque no fundo no fundo obrigar o treinador a colocar o Abel e um imenso beneficio para o Sporting.

Duarte Gomes - ha anos a gozar descaradamente com o Sporting e a precisar de um correctivo a serio.

http://www.youtube.com/watch?v=wqaqvfAimlY&feature=player_embedded