sexta-feira, setembro 07, 2012

Vitória, Sporting, Porto, Benfica

Vitória Em ano de contenção e aposta na juventude própria, saem duas lesões de vários meses para João Amorim e Dinis. Entretanto Bruno Teles também foi para a Rússia, mas por 300.000 euros, porque pelos vistos só 30% do seu passe era do Vitória. Mais dois meses de Emílio Macedo e ficávamos a dever o Afonso Henriques ao António Salvador.

Sporting Estava a testar uma tese, olhando para a equipa do Sporting na primeira jornada da época passada (uma defesa com João Pereira, Polga, Rodriguez e Evaldo), mas desviei a atenção para o ataque: o Sporting jogou com Postiga e Djaló. Foi uma pena que o Benfica não tivesse emprestado Djaló ao Nice.

Porto Com a saída de Hulk, James Rodriguez pensa que vai finalmente ser titular. Mas na cabeça de Vitor Pereira ainda há Atsu, Varela, Kelvin, um juvenil de primeiro ano, e um tratador de relva que faz maravilhas à linha... Iturbe mantém o objectivo de ser convocado uma vez por mês.

Benfica Não vejo grandes razões para tanta preocupação com a falta de médios defensivos. Qualquer jogador que esteja lá e a quem seja permitido o que deixavam fazer a Javi Garcia sem sanção é mais do que suficiente.

master kodro


20 comentários:

Riga/V-1-Boy disse...

vitoria: quando fazem um negocio do caraças só têm 30% do passe?

sporting: o nice ficou traumatizado com djalo

porto: o iturbe consegue nem ser convocado para a equipa b, naqueles jogos em que so existem 17 jogadores disponiveis

benfica: para jogar na tactica 2-0-8 precisas de medios defensivos para que?

Filipe disse...

vitória: Se fosse um titular indiscutível, para receber 300 mil euros mais valia deixar o jogador até final da época. Descer de divisão custa mais que os 300 mil. Parece-me no entanto que há no Vitória jogadores razoáveis para esse lugar, pelo que terá sido a melhor opção.

sporting: pelo menos tinha 1 golo marcado à segunda jornada. A grande questão neste momento é quando é que o Sporting marcará para o campeonato.

porto: O Ramés foi titular em 20 jogos do campeonato passado, o Hulk em 24. Tudo serve para dizer mal do VP mas há limites.

benfica: Riga, se o Luisão apanhar um castigo será 1-0-9

Pedro disse...

HAHAHAHAHA

Seria engraçado fazer uma contagem às vezes que falaste do que era permitido ao Bruno Alves...☺☺☺☺

Riga/V-1-Boy disse...

o jseus veio dizer á dias que nao é impossivel ganhar ao barcelona.

com o primeiro jogo cá, é preciso ter medo que ele resolva jogar no sistema kamikaze que ele utiliza nos jogos em casa.

( é que jogando o meio campo do barça como joga, tou curioso para ver quem ele vai la colocar para andar a correr atras da bola e a tentar tira´-la aos jogadores do barça, é que fora o matic, quem é que anda ali que tenha vontade para defender?)

master kodro disse...

O problema do Vitória é que é preciso pagar salários e dívidas todos os dias (já nem digo todos os meses). O milagre que se espera não é a manutenção na primeira divisão, é a existência do clube.

O Ramés devia ser titular em 32 jogos de 30 possíveis. Mas agora é o Atsu.

A maioria dos medleys do Bruno Alves que a nação benfiquista passa repetidamente em todo o lado mostram lances em que ele para além de espetar pitons nas costas do adversário joga a bola de cabeça. Mostram lances animalescos (como com o Nuno Gomes) em que ele é obviamente expulso.

Os lances do Javi - tirando o do Alan, que é a excepção, porque houve sanção apropriada - são de animal puro, de maldade inequívoca. São cabeçadas e patadas sem bola, são pontapés na cabeça de jogadores caídos no chão. Dois foram com jogadores meus. Talvez alguém devesse fazer a mesma coisa sobre o Javi. Tinha a sua piada.

Rearviewmirror disse...

Resumir a carreira de Bruno Alves a dois lances, um deles que corresponde á sua única expulsão em jogos contra o Benfica, é no mínimo algo minimalesco.

Mas pronto, ficámos a saber que desde que se toque na bola, é permitido por-se os pitons nas costas dos adversários.

Está certo.

miguel_canada disse...

So um anormal pode comparar o javi garcia ao bruno alves!

master kodro disse...

Não foi isso que foi escrito, rearview, e se foi isso que percebeste é porque não sabes ler.

Proponho-vos algo: todas as pessoas que escreveram mil posts e comentários a chamar assassino, porco e animal ao Bruno Alves devem fazer o mesmo (pelo menos o mesmo) quando escrevem o nome de Javi Garcia. Topam?

Joao disse...

Todas as equipas precisam de um gajo que seja um bocado "violento" de vez em quando. Serve para pôr em sentido a equipa contrária e algumas vezes a própria equipa...

Filipe disse...

Eu achava piada era ao Luisão, algumas vezes em que o Javi se «excedia,» a chamá-lo e com ar exasperado tentar dizer-lhe para não fazer aquilo. O espantoso do BAlves e Javi é que nem originaram tantas lesões graves como isso.

O Javi e o Bruno Alves são passado, por isso mais vale deixarmo-nos disso. De certeza que há novos na calha. Devia ser um dos prémios 442 a taça da liga AlvesGarcia para o jogador que consegue mais vezes agredir um adversário sem ser expulso.

EK disse...

Doença. Conhecer e defender Bruno Alves e depois ter a coragem de chamar assassino a Javi. Cada dia descobrem-se novas doenças.

Rearviewmirror disse...

A táctica do "não percebes o que eu disse", é mais que usual pelo blogger cicerone, portanto nem vale a pena continuar a "conversa". Fica lá com as tuas insinuações para os "Saramagos" interpretarem da maneira que bem quiserem.

Só sei que o "lance animalesco" deu direito a 2 jogos de suspensão, apesar da violência do lance, das agravantes que o homem tinha, etc.
Levou tantos jogos de castigo como o Aimar a época passada.

Mas uma coisa é certa, eles já cá não estão. Um está no campeão inglês, outro no campeão russo.

master kodro disse...

Chamar assassino ao Javi? Defender Bruno Alves? Mais um que tem dificuldades.

É português simples, rearview. Não são precisos Saramagos para perceber português simples. Só é preciso que limpem a merda dos preconceitos que têm e que assumam que era bonito que se chamavam assassino a Bruno Alves, deviam chamar assassino a Javi Garcia. Eu não chamo assassino a nenhum, mas condeno os comportamentos animalescos dos dois (apesar a falta de capacidade de um ou outro leitor para perceber português os impeça de perceber isso).

A minha esperança - vã - é que consigam chamar ao Javi o mesmo que chamaram ao Bruno.

Pedro disse...

Gostava de um dia perceber de onde vem esse ódio todo ao SLB que te leva a dizer essas barbaridades...

master kodro disse...

Tu chamas assassino a um jogador do Porto e sou eu que tenho ódio ao SLB?

Consegues chamar assassino ao Javi ou as agressões dele são toleráveis ao contrário dos comportamentos animalescos - palavras minhas - do Bruno Alves?

GOD disse...

Mk, que continuas a lutar contra moinhos de vento...todos sabemos que são sempre os outros os culpados. O gajo do Nacional que tentou agredir a mão do Jasus com a cara, o gajo da Olhanense que tentou agredir os pitons da chuteira do Aimar com a coxa, o tipo do Guimarães que tentou agredir a cabeça do Javi com o peito e tantos mais...sempre os outros, pá. Como aliás podes verificar pelos comentários que aqui correm.

-=amadorjp=- disse...

EU n sei não, mas ainda na última jornada vi um acto de fair play do Hulk que adorei... em vez de devolver a bola que cordialmente o Olhanense colocou fora para a assistência a um jogador do Porto, saiu a jogar e rematou à baliza... mas tb me lembro de ver o Pratas a fugir da equipa do Porto, ou do Deco arremeçar uma bota ao árbitro (até há escutas a falar disso!), ou das entradas do Bruno Alves, ou das canas do nariz partidas pelas cotovelados do Paulinho Santos, ou do árbitro assistente agredido pelo João Pinto... mas podemos ir às modalidades onde o Barcelona saiu da meia final da Taça CERS escoltada pela polícia com PEDRAS e cadeiras sobre eles, ou do Benfica ser insultado por ter ganho campeonato de basquete no Dragão Caixa (e não venham com imagens do Porto canal manipuladas ou com a histórias das meninas que não estavam na bancada!), ou das pessoas agredidas à 2 anos antes do Porto-Benfica, onde o autocarro do Benfica ficou com 3 vidros partidos, ou das estações de serviço vandalizadas, roubadas e destruidas pelos Super Dragões devidamente identificados...

Podia continuar com jonalistas agredidos, jogadores agredidos (perguntem ao Adriano), treinadores agredidos (perguntem ao Co Adriance e ao Jesualdo por exemplo), ameaças (Mourinho que o diga!)...

G. disse...

Eu pensava que já tinha visto o cúmulo da estupidez, mas depois vi o comentário do amadorjp....

Pedro disse...

O benfiquista típico, faz lembrar o julgamento de Nuremberga.

Matei Judeus?! Matei! Mas o Hitler também. E ele é que era mau.

O Anti Lampião disse...

Saudamos a coragem de quem não se deixa amordaçar pela agremiação corrupta e não deixa de evidenciar num órgão de informação nacional o que é evidente para aqueles que pugnam pela verdade desportiva.

Pena que a maior parte da comunicação social se continue a mostrar subserviente à agremiação corrupta.

http://oantilampiao.blogspot.pt/2012/09/bruno-prata-nao-deve-ir-ao-colombo-nos.html