sexta-feira, abril 02, 2010

Benfica 2 x Liverpool 1

Excelente jogo, vivo, envolvente, com ritmo, emoção e golos. Péssima entrada do Benfica, desconcentrado e nervoso (creio que pela primeira vez esta época), permitindo um golo impossível (ninguém pode ter aquele espaço na área, na sequência de um livre). Bela resposta, porém, com várias ocasiões (ainda antes da expulsão de Babel, como sublinha e bem o Luís) e muito desperdício (Cardozo outra vez perdulário). A toada ofensiva manteve-se na segunda parte - óptima condição física dos encarnados - sendo premiada com dois golos que mantêm a eliminatória em aberto.

Embora agradado com a exibição, fiquei algo decepcionado com Jesus nesta partida. Pareceu haver pouca preparação mental para a abordagem ao jogo (compensada pela crença posterior na reviravolta) e alguma inconsistência táctica (Gerrard e Kuyt tiveram imenso espaço). Por outro lado, as substituições foram erráticas e não trouxeram nada de bom à equipa: Ramires a lateral (antes fora médio-ala esquerdo com igual insucesso...)?; Nuno Gomes não tem pernas para esta fase da época (por que não Kardec?); saída de Martins e Aimar tirou de campo quem poderia pensar o jogo. Um dia mau para o técnico.

Arbitragem dificílima, perante tantos casos. A expulsão é excessiva, mas Babel pôs-se a jeito (e nem todos são Jorges Sousas...). Luisão e David Luiz deveriam ter ido para a rua, tal foi a recorrência a jogo faltoso. Insua também (faltou segundo amarelo no penalty sobre Aimar). As duas grandes penalidades são inequívocas. E ainda faltaram mais duas (mão + golpe de Karaté de Carragher), mas reconheço a quase impossibilidade de marcar quatro penalties num só jogo para a mesma equipa. Muito trabalho, muitas más decisões.

P.S. Para se perceber como está a ser penoso este final de temporada para os sportinguistas, leiam por favor este post de António Boronha. Exemplar!

katanec

15 comentários:

Homem Aranhão disse...

Por acaso não reparaste que o árbitro sueco mostrou por duas vezes o cartão amarelo a Luisão? Vê o primeiro na altura da agressão a Torres e
na sequencia do seu desentendimento com o inglês é mostrado vermelho a Babel e
...amarelo a Luisão. E continuou em campo.

ilustre.anonimo disse...

Homem Aranhão:

Eu estava a metros do lance e não vi nada disso, mas se tu hajas assim... o que se pode dizer!

Muito mau comportamento da claque do Benfica, o que pode custar claque ao clube. Lindo quando a bancada onde estava se indignou e começou a chamar palhaços à claque. Exemplo de que a maioria das pessoas vai ao estádio para ver apenas futebol.

PS: Torres é muito, mas muito bom jogador. Melhor ao vivo que na TV.

ilustre.anonimo disse...

o que pode custar caro ao clube.

Ricardo disse...

Quanto ao jogo, foi mais uma demonstração de capacidade futebolística desta equipa. Mesmo quando não é brilhante (e ontem esteve longe disso), cria 6 ou 7 oportunidades de golo frente a uma equipa como o Liverpool. Aliás, acho que tem sido pouco falada a fraca capacidade, em termos percentuais, que o Benfica tem na zona de finalização. Como a equipa cria muitas, acaba por marcar golos (algumas vezes em número substancial) mas a eficácia deixa muito a desejar. Um ponto a melhorar por Jesus, especialmente com Di María, que é um caso extremo de um jogador que não sabe rematar à baliza.
A expulsão do Babel ajudou a acentuar ainda mais a diferença entre a sofreguidão ofensiva das duas equipas.
O Benfica ganhou bem, teve muito mérito na forma como superou o golo sofrido (já em Marselha assim foi...) e continua a deliciar os espectadores. Pela garra, pela qualidade, pela luta, pela fome de golos, pelos destaques individuais, pela organização colectiva que tem. Como li no Sector, acima de tudo o Benfica ontem deu 90 minutos de bom espectáculo a quem viu o jogo. Nós agradecemos.

Quanto às substituições, percebo a tua ideia mas não concordo na íntegra. Acho que o Nuno Gomes, embora seja verdade que se nota a diferença de ritmo, entrou bem e poderá vir a ser importante neste final de época. Nem sei se o não poria agora frente à Naval, no lugar de Saviola.

Quanto à arbitragem: a "favor" do Benfica: a expulsão pareceu-me claramente exagerada (foi expulso por meter a mão na cara do adversário? bom, então todos os jogos acabariam com 4 ou 5 jogadores em campo), o David Luiz devia ter sido expulso pela sucessão de faltas; a favor do Liverpool: no golo de Agger, parece-me que há um jogador que interfere directamente com a posição do Júlio César e está em fora-de-jogo (mas aceito que passe); dois penalties evidentes por marcar contra os ingleses; ínsua deveria ter levado o segundo amarelo no lance do primeiro penalty sobre Aimar.

A eliminatória está em aberto e a vantagem é crucial para a forma como o Benfica se vai apresentar em Anfield Road. Em vantagem, vai obrigar o Liverpool a ter de entrar para marcar, o que facilitará e muito o futebol de procura de espaços que a nossa equipa faz como poucas. Acredito que o Benfica marque em Liverpool. Se o fizer primeiro, a eliminatória estará ganha.

luis disse...

A eliminatória está em aberto, sem dúvida. Todos sabíamos que assim iria ser.

O SLB fez mais um excelente jogo, pese embora a vantagem mínima.

Este fim de época promete aumentar (ainda mais) os shares dos jogos do SLB. Toda a gente vê os nossos jogos, é impressionante. Muitos torcem para que percamos, isso é natural.

Já pouco natural é a angústia que as nossas vitórias proporcionam. Incrível.

E mais impressionante é a necessidade que têm de apontar todos os erros dos árbitros, para justificar as vitórias, nem que para isso omitam e mintam sobre o que realmente se passou.

Reconheces que seria quase impossível o árbitro marcar 4 pénaltis. Eu também.

Mas o interessante é assistirmos à completa negação de muitos adversários sobre o facto de realmente terem acontecido. Como se queixassemos de mais dois pénaltis só porque sim.

Pedro disse...

"Luisão e David Luiz deveriam ter ido para a rua, tal foi a recorrência a jogo faltoso"

Como é que é??? Nenhuma das faltas q DL fez merecia sequer o amarelo e já o querem expulsar?

Mr. Shankly disse...

"creio que pela primeira vez esta época"
Por acaso não. Com o Marselha foi igual, mas não sofremos golo.

As saídas do Martins e do Aimar eram previsiveis, não têm pernas para o jogo todo. Aimar mesmo assim aguentou salvo erro 85m. Nuno Gomes entrou mal, mas não se pode criticar quando não entra e também quando entra. Para mim continua a ser uma opção mais válida que Kardec por exemplo, simplesmente Jesus não tem contado com ele.

A minha única crítica é à entrada de Airton quando o que se pedia era continuar a carregar para fazer o 3º, contra 10.

Quanto à arbitragem, é demasiado penoso ler que por um lado só ganhámos por causa do árbitro (quando o golo do Liverpool é irregular, fica um penalty por marcar (não estou a ver o outro, se calhar existiu), Insua por expulsar. Por outro lado, achar que o Benfica foi beneficiado quando a expulsão de Babel é exagerada também é estranho. Nem tanto ao mar nem tanto á terra, mas surpreende-me (quem é que quero enganar? Não me surpreende nada!) a paixão que um jogo europeu do Benfica desperta nos adeptos de outros clubes portugueses.

Infante disse...

Beneficiados ou prejudicados, todos os clubes são.

Mas depois do Porto-Arsenal da primeira mão (o 2º golo do FCP) e do jogo de ontem, e de jogos tipo Estugarda-Barça (mãozinhas locais na área alemã), acho que os portugueses, qualquer que seja o clube, já não têm muita moral para virem com a treta de que os "poderosos" são sempre protegidos pela UEFA e tal. Como se tem visto, isso está muito longe de ser verdade.

Cumps.

Filipe disse...

Em vez de focar as análises nos árbitros prefiro notar que com esta são cinco vitórias sobre clubes ingleses esta época. O nosso futebol não é tão mau como o pintam.

camarao disse...

Surreal, o lance de Artur Soares Dias, o filho do árbitro corrupto... Não apita, deixa rematar e depois porque a bola vai ao lado, marca penalty... Surreal.

Rearviewmirror disse...

Artur Soares Dias a dar espetaculo em Braga

Diego disse...

http://www.youtube.com/watch?v=352R9OhOnqo&feature=player_embedded



ilustre anónimo,tavas a metros e???Tipico lampião arrogante...

ilustre.anonimo disse...

Típico??? Ainda bem que fui esclarecido por um 'adepto' não arrogante e atípico. Obrigado Diego, sinto-me muito melhor.

Obviamente sem arrogâncias...

Homem Aranhão disse...

"ilustre".anonimo, o Diego já provou que eu tinha razão. O Luisão viu por duas vezes o cartão amarelo e continuou em campo. Tens algo a dizer sobre isso?

Homem Aranhão disse...

Dá-me gozo ver a cambada apreciar ceros lances, demonstrando não perceber patavina das regras mais elementares do futebol.
Ó camarão, escolheste esse nick por causa da caca que esses crustáceos têm na cabeça?