terça-feira, agosto 21, 2012

O Rui foi a Málaga

É notícia em actualização: o Rui foi a Málaga. E o Modric afinal não está em Madrid. O Luisão também foi defender o minino. O Álvaro Pereira continua a desvalorizar. Quase toda a gente empatou, até no Beira-Mar x Académica, com um bis de Edinho (?!?). Posso continuar de férias descansado, não posso?

master kodro

12 comentários:

Infante disse...

Sempre achei que o Edinho, com uma época inteira a jogar no mesmo clube - português - tinha tudo para ser um dos melhores marcadores do campeonato. Acho-o bem melhor do que o pintam e bem melhor do que Saleiro ou o próprio Éder.

(lembram-se quando andávamos a dizer que o Saleiro devia ir à selecção e que o Éder devia ser titularíssimo da mesma? Jasus!

LDP disse...

A tua equipa jogou pah. Penso que um comentàrio é merecido. Principalmente porque conseguiram nao perder, tendo a pior equipa dos ultimos anos, contra o melhor sporting dos ultimos campeonatos.

slb1958 disse...

continua, continua.... nós agradecemos!

Infante disse...

O que é mais giro no Guimas é que andaram com a história de "vamos fazer uma revolução, apostar na cantera, juventude, mudança, blá blá blá", deixaram os jornais a masturbar-se com a aposta nos jovens portugueses da cantera "oh, que maravilha, finalmente compreenderam que é o melhor caminho, são um exemplo a seguir".

E depois, vai-se a ver e... 3 jogadores portugueses no onze inicial, um deles com 32 anos. E quase todos os titulares já lá estavam do ano passado.

A sério, ter boa imprensa faz maravilhas...

Rui Silva disse...

Estar no plantel e jogar regularmente vai um mundo de distância. Que o diga o Nelson Oliveira o ano passado. Mas podemos comparar a equipa tipo do Vitória das duas épocas e reparar nas diferenças:

Vitoria - Sporting 2011-12 / 2012-13

Nilson / Douglas

Alex
João Paulo / Defendi
Freire / Ndiaye
Bruno Teles

El Adoua
Renan / André
Nuno Assis / Barrientos

Faouzi / Ricardo
Edgar Silva / Soudani
Maranhão / Toscano

8 mudanças em 11 jogadores. Isto sem contar com a presença regular em campo de Pedro Mendes, João Alves, Olímpio, Paulo Sérgio, Edson Sitta e que já cá não estão.

master kodro disse...

Infante 1, eu não me lembro de dizer nada disso, Infante...

LDP, estou a ficar um bocado cansado de comportamentos animalescos. Se eu não vi o jogo (nem o kovacevic, que estava comigo) queres que escreva sobre o quê?

slb, realmente já têm muito para agradecer. Há anos que sou insultado por dizer mal do Vieira, por ele ser incompetente e por manobrar a comunicação social (a dele e a outra) a espalhar a mensagem que vocês querem ouvir. Realmente já mereço um ou outro agradecimento.

Infante 2, eu continuo a masturbar-me como os jornais: Marco Matias e Ricardo (18 anos) no fim de um jogo com o Sporting que acaba 0x0? Depois de mandar embora o João Paulo, o João Alves, o Pedro Mendes e o Nuno Assis (e mais uns poucos)? Um luxo. Os outros saltam mais tarde ou mais cedo. Por exemplo, assim que o Alex encostar, tens o João Amorim prontinho. E mais e mais.

Infante disse...

MK, a questão aqui é que depois de toda a conversa sobre como o Guimarães ia ser um exemplo maravilhoso, sobre como ia mudar a maneira dos clubes pequenos/médios construirem planteis depois das suas louváveis apostas em portugueses da casa - e acredita, até eu fui na cantiga -, depois de tudo isto, começar o jogo com 8 (OITO) estrangeiros, tens que admitir que isto merecia, pelo menos, que alguém fizesse uma referenciazinha.

Fosse isto um clube menos simpático (um dos da Madeira, por exemplo) e já estavam a levar nas lonas.

Óbvio que não andei a ler os jornais/sites todos depois do jogo, mas era giro verificar se algum deles reparou nisto (se isto fosse tipo ESPN já havia 500 artigos com estatística e tal).

Mas claro, como dizes, ainda há tempo para meter mais jovens e tal (já o "mais e mais", veremos, espero que tenhas razão). Mas em que é que o Guimarães é diferente do Paços, por exemplo, que teve apenas 4 estrangeiros nos 18 convocados? Eu se fosse do Paços também ia querer a minha campanhazinha masturbatória na imprensa...

Filipe disse...

O «Guimarães» é diferente porque como as coisas estão o Vitória é bem capaz de ser obrigado a declarar falência a muito curto prazo.

master kodro disse...

Eu percebo o que queres dizer, Infante, mas só me sinto defraudado com os Lalkovic's, mais nada. Não defendo que se deva entregar o onze a ex-juniores, defendo que, no limite, o onze suplente deva ser de onze ex-juniores. Mas também não era possível mandar a equipa que já lá estava embora. E o maior problema do plantel (deste plantel específico) eram trintões inacreditavelmente caros, que por acaso eram portugueses. Daí esses três portugueses no onze.

Filipe, não é novidade nenhuma. Quando se fazem negócios tão ruinosos como o que não levou o Targino para a Luz... Não achas algo de extraordinário? O Benfica adiantou um milhão e tal pela compra do Targino. Comprando-o, portanto, presume-se. O Targino lesionou-se e já não foi para o Benfica porquê? Passou só a dívida? Também devemos dinheiro ao Porto. A propósito de quê? Não se compreende. Aliás, compreende-se... Já aconteceu a muitos.

Filipe disse...

Mk, as transferências só se consideram efectuadas após exames médicos numa data agendada. A dívida ao FCP é ao basquete.


Estou muito mais curioso ao ver na lista de credores a Ourivesaria Madre Deus e o Seminário Missionário do Verbo Divino.

master kodro disse...

E há pagamentos sem transferências efectuadas? Queres fazer negócios comigo, Filipe?

A dívida ao Seminário é do Manuel Machado, de certeza - verbo divino é com ele.

A dívida à ourivesaria foi pagar aos árbitros, conforme acusações lançadas na Liga pelo presidente do Benfica, quando andámos a lutar por lugares com uma equipa de milhões. Mas o nosso ex-presidente esqueceu tudo e fez grandes negócios com o seu amigalhaço.

Filipe disse...

MK se ao avançar imediatamente esse milhão e meio para uma emergência tua, me tirares três milhões ao preço final, não me importo de negociar contigo. É tramado estar com a corda na garganta.