segunda-feira, janeiro 30, 2012

O Red Slam do Marítimo

Apareceu depressa o primeiro deslize do Marítimo. Os insulares também completaram o Red Slam, um poker de expulsões decisivas contra os clubes que competem um nível de qualidade acima, no campeonato português: jornada 12, 0x0 até à expulsão de Olberdam aos 47 minutos, derrota 0x1 contra o Benfica com golo de Cardozo aos 84 minutos; jornada 13, 0x0 até *a expulsão de Roberge aos 41 minutos, derrota 0x2 contra o Porto com golos de Rodriguez aos 80 e Otamendi aos 83 minutos; quartos-de-final da Taça (com uma ligeira nuance), expulsão de Igor aos 55 minutos, 7 depois do 0x1 de Carrillo e 5 do 0x2 de penalty de Wolfswinkel, derrota com o Sporting por 3x0; hoje, 1x1 até à expulsão de Robson aos 64 minutos, derrota por 1x2 contra o Braga, com o golo da derrota marcado por Nuno Gomes aos 75 minutos. Sejam justos ou não, aparecem sempre e foram quase sempre decisivos. Esta é uma fronteira difícil de ultrapassar. Ainda mais sem Baba.

master kodro

Sem comentários: