quinta-feira, dezembro 23, 2010

Curtas

1. Confesso que pensava que esta gestão desportiva do Sporting já não me surpreenderia. Couceiro. Estava enganado. (e eis que alguém na plateia se levanta e grita: eu vi, eu vi o dossier do futuro do Alverca do Couceiro!) Esqueçam.

2. Uma gestão fabulosa. Não sei qual é o número mais impressionante: se o 322; se o 156; ou se o 216. Mas são todos muito bons...

3. Um bom Natal para todos.

master kodro

46 comentários:

MM disse...

O Benfica deve mais do dobro do que os outros 2 somados.
Porém, gera mais receitas.
Logo, a sua situação é menos preocupante.
Desse modo, ainda bem que o Benfica consegue gerar tantas (mais que os outros) receitas.
Senão, em vez de dever o dobro estaria a dever o quíntuplo.

Isto é um misto de matemática lusa com o modo habitual de ver o mundo por parte de uma galinha:
Geramos muito mais receitas mas, devemos mais.
É preocupante? Não, porque geramos muito mais receitas.
Então se geram mais receitas, porque é que devem tanto mais? Porque somos o Glorioso, e porque vivó Mantorras certamente ...

low desert puke disse...

Coça mais um bocado que isso passa.

Pedro Almeida disse...

A Italia deve muito mais dinheiro que Portugal, a Alemanha então nem se fala.
Porque é Portugal então que está com a corda na garganta e não estes países?

Perceberam a analogia?
Ou o anti-benfiquismo não deixa formular raciocínios elementares?

Hugo disse...

Bom Natal para todos

Mário Rui Oliveira disse...

MM

gera mais receita, claro que sim ... a julgar pelo que se vê por aí , com o falhanço na Liga dos Campeões, têm meia equipa em venda ! Carlos Martins, Aimar, Cardozo, David Luiz, Fábio Coentrão ... vai gerar uma receita muito boa ... equipa é que nem vê-la !

e sim gera mais receita ... tipo o contrato da Sagres de 40 milhões para 10 anos que foi tudo gasto no primeiro ano, através de um empréstimo bancário tendo este contrato como garantia. uma gestão de sonho !

isto tudo, claro, a contar com uma participação milionária na LC ... mas como até o Braga ganhou mais dinheiro, agora é sirenes por todo o lado na Luz ...

Mário Rui Oliveira disse...

Pedro

essa analogia é simplesmente idiota ... mas bom natal ... quando em Janeiro ficares sem o David Luiz ou o Coentrão por metade do que ofereceram em Julho tenta tb fazer analogias com as finanças dos países ...

Deus...anteriormente conhecido como... disse...

Lool. Fazer comparações entre activos de clubes e paises só poderia vir de génios da segunda circular...ao nível dos 18 milhoes de contos pelo Mantorras apregoado pelo Vieira.
Mas espero que a agremiação brumelha prossiga este caminho, até porque tenho a esperança de os ver fechar as portas antes de morrer.

Mr. Shankly disse...

"essa analogia é simplesmente idiota "
Claro que é. O passivo da Galp certamente que é menor que o do café aqui da esquina, que está falido. Ou não?

A mim o número que mais me impressiona é o 92.

master kodro disse...

Mas parte do 92 vai ser transformado, outra vez e outra vez e outra vez, no 216. Passará a ser 300, é certo, mas alguém está a contar (pagá-lo)? Fica para os próximos, que vão dizer deste o que este disse do outro.

MM disse...

Mário R. Oliveira,
Aquilo não é muito diferente dum quartel dos bombeiros mas sirenes é coisa que duvido que por lá exista. O Kodro no post remete para o Couceiro e apesar de fazê-lo de forma negativa pode muito bem acontecer ser o Peyroteo a ajudar a desbloquear o problema. Não é difícil. Ou melhor a resolução do problema é difícil mas a apontar da via que o vai resolver, essa, não é. É conhecida por todos e o Couceiro ontem na apresentação já falou dela. A partir de 1 ou 4 de Janeiro poderemos ver se ele o vai resolver ou não, porque há sinais que se percebem desde cedo. A solução do problema financeiro do Sporting não passa pelo gabinete do presidente do Sporting mas sim pelo do Couceiro, a partir de agora. São opções desportivas aquelas que irão resolver, manter, ou agravar o problema. Desportivas, não reestruturações, planos de dívida ou alterações virtuais ao funcionamento das várias sociedades do Clube. E isto serve para o Sporting e serve para tudo: uma organização ou sociedade viverá de forma mais ou menos saudável consoante a boa ou má gestão da sua actividade. E a actividade do Sporting é desporto / futebol, nenhuma outra.
Mas Mário, não existem sirenes. Acreditemos que o Couceiro será parte da solução, temos de esperar para ver, mas não existem sirenes nenhumas. Relacionar a gestão fabulosa que o post fala com o Alverca e o Couceiro não é errado, mas seria uma relação ainda mais certa se apontasse um bocadinho mais alto: quem é que deixou o Alverca de rastos? Não foi o Couceiro mas sim aquele que hoje em representação outra compra guarda-redes por 9 milhões e meio de euros em Madrid a troco sabe-se lá de quê. Uns falam em construção imobiliária, outros em empresas de transporte e outros em pura incompetência. Acredito mais nas primeiras, porque por norma não fumo sem fogo.
Dito isto MRO, alguém ouve as sirenes? Não, é mais fácil agarrarem-se - como sempre - aos lugares comuns: "devemos mais do dobro do que os outros 2 juntos mas, geramos mais receitas". E nesse caso perguntamos novamente: se geram muito mais receitas, porque é que devem mais? Indo à parcela da pergunta: o que é isso de gerar muito mais receitas?, quando o Porto faz todos os anos um volume absurdo (no bom sentido) de negócio que o faz encaixar receita como mais nenhum clube da Europa porventura consegue.
O Benfica faz mais receita que o Porto? Só se for na fantasiosa mente de uma galinha.

Galinhas, dêem-lhe espaço porque ele deixar-vos-á na mesmíssima situação em que deixou o Alverca e nesse dia podem pegar nessa receita toda que geram e acordar para a vida. Havia um tempo onde Bancos, seguradores e uns quantos mais nunca fechavam portas mas, mesmo em Portugal - onde nada acontece da mesma forma que nos outros sítios - esse tempo não é mais.

Saudações levezinhas.

ratogoleador disse...

MM,

Não sejas assim eu explico-te com um caso practico para melhor compreenderes:

O meu patrão tem BMWs, Porches, Vivenda com piscina e várias empresas

Eu devo ao banco a minha casa, sabes quem tem mais passivo? E quem vive a grande e quem vive mais ou menos, sabes? Para mim basta ficar sem emprego para cair ele já caiu e levantou-se sempre e cada vez melhor.

(Não posso ser mais explicito)

Em relação ao ter prejuizo, é simples andamos ainda hoje a pagar erros do passado as contas do clube ficarão equilibradas com os novos valores dos direitos televisivos e outros projectos na manga que os outros clubes copiarão depois de criticar.

Rearviewmirror disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rearviewmirror disse...

O Roberto já vai em 9,5M€? Não chegamos aos 10? Vá, que só falta meio milhão.

Já agora, o negócio James Rodriguez não merece uma notazinha?
É que lembro-me de um negócio feito, em moldes idênticos á cerca de 4 meses que foi uma vergonha, um escândalo, que o presidente desse clube não sabia negociar...
Agora como isto foi feito pelo FCP, nem piu...
Aliás, não me lembro (sinceramente) de um jogador de um dos chamados 3 grandes, que não fosse emprestado, em que o seu clube tenha apenas 35% do seu passe.
Salvo erro o FCP tem 45% do Hulk, devido a negócios previamente acordados com o Juan Finger.

Em relações a Passivos/activos de clubes, etc, relembro que desde 2003, o FCP só em receitas de vendas de jogadores/Liga dos CAmpeões, facturou um valor em torno dos 300M€, fora receitas de Mechandising, bilheteira e publicidade. E ainda com a oferta de um centro de estágio pelo meio.

E mesmo assim, as suas contas estão negativas, quando deviam estar positivas por largos milhões de euros.
Das duas uma, ou os gestores do FCP são piores do que aquilo que parecem, ou então andam a mamar muito, mas mesmo dinheiro á custa do nome/empresa FCP.

Jorge disse...

Os niveis absolutos da divida nao dizem muito mas para vender jornais e melhor falar nos trilhoes de dolares da divida do governo dos EUA do que dizer que sao 70% do PNB americano. Por outro lado o Japao tem uma divida perto dos 200% do seu PNB e estao moderadamente preocupados. Ou seja nao ha um so numero que capture todos os aspectos que sao necessarios ter em conta para avaliar a situacao de endividamento de uma instituicao/pessoa.

LMGM disse...

Master Kodro, quem se devia preocupar com isso não o faz, a actividade desportiva está perfeitamente desregulada.

No final quem vai pagar serão os contribuintes, tal como já foi antes, instituições de determinada dimensão pura e simplesmente não podem fechar.

E não estou a pensar nos três grandes. Estou a pensar na forma como funciona em termos de organização o desporto em Portugal.

MM disse...

Rato Goleador,
Com a ressalva de que o artigo versa e compara Sporting, Carnide e FC Porto. 3 clubes desportivos que desenvolvem a mesma actividade. Não versa nem compara um assalariado com um patrão. Nem versa nem compara uma grande empresa com o café falido lá da esquina, como um de vós ontem adiantou, também em exemplo. Compreendes? Estamos a falar de 3 casas que fazem todas mais ou menos a mesma coisa porque têm as 3 a mesma actividade, e 3 casas em que 1 delas deve mais do dobro do que as outras 2 juntas.

Agradeço no entanto o exemplo "practico" e a explicação, não duvidando que ela vos sirva ... compreendo que sim, serve, e desejo que assim continue durante muitos e bons anos.

Pedro Almeida disse...

MM,

Aquilo que não queres compreender, ou porque não tens capacidade para isso ou por estado de negação, é que quer FC Porto quer SL Benfica estão num nível desportivo e financeiro a que o Sporting não conseguirá chegar nem nos próximos 10 anos.

Na realidade a tendência é para o Sporting se aproximar cada vez mais de clubes como Braga e Guimarães, do que dos verdadeiros dois grandes de Portugal.

E se queres exemplos práticos:
Porque achas que o Sporting não consegue comprar jogadores da maneira que os grandes de Portugal conseguem?
Porque a banca ou não lhes empresta dinheiro ou então empresta mas a uma taxa de juro insuportável, muito maior da que oferece aos grandes de Portugal.

E porquê esta diferença da banca?
Porque o Sporting é um clube estagnado, sem perspectivas de crescimento e sem capital, que está a empobrecer lentamente.
A banca sabe que o risco de empréstimo ao Sporting é muito maior do que aos dois grandes de Portugal.

Da mesma forma que os bancos internacionais emprestam dinheiro à Alemanha a 3%, mas a Portugal já só emprestam a 7%.

Ser-se grande não é para quem quer, é para quem pode.
E por acaso os dirigentes do teu clube até já perceberam isso, nem se importam de vender o capitão da equipa aos rivais, tal como um Boavista faria.

Jorge disse...

MM

Se gerem mais receitas usando mais activos e sensato que devam mais.
O que eu gostaria de ver seriam racios apropriados para analizar a situacao financeira dos clubes. Para isso seria necessario avaliar os activos dos clubes o que nao e facil por ter uma componente humana muito elevada.

MM disse...

Pedro Almeida,
Aquilo que eu não consigo compreender nunca me aflige, felizmente, porque sei que ao fim do dia um benfiquista elucidar-me-á de forma sempre perfeita. Estamos no entanto de acordo, e isso alegra-me muito:
Porque é que devemos mais?
Porque somos o Glorioso.
Faltou-te a parte do vivó Mantorras mas de resto está aí tudo.

Jorge,
Que activos? Que activos tem o Benfica a mais que os outros não tenham, equipa de futebol? A falta de hábito é tão grande que os negócios Di Maria e Ramires valem pelos 15 anos passados, certamente. Ou têm 2 estádios, talvez. Ou têm 2 academias, talvez. Ah já sei, a marca. Óbvio. Devem mais do dobro porque a televisão paga-vos mais do dobro? Na volta é isso. Ou devem mais do dobro porque vendem mais do dobro das camisolas. É possível, no Carnide tudo é possível. Fazem mais do dobro de tudo (numa proporção de 6 milhões para ... 1 Belém), e isso tudo que originam em dobro (eu acho que é o quádruplo) e aplicam nas mesmíssimas coisas que os outros todos aplicam faz-vos também dever ... em dobro, lol. Está certo. Está descoberto um novo paradigma de boa gestão. Pode o Vieira pousar a chave de rodas, o pneu e o Roberto para abrir uma Faculdade de Gestao.
E eu se fosse aos dirigentes do Sporting mandava fechar já a Academia porque é notório que as receitas em 11 anos geradas pelas vendas do Simão, Quaresma, Ronaldo, Hugo Viana, Nani, Moutinho ou Veloso, só estas, não chegam certamente ao que outros fazem em 11 anos de camisolas, bandeiras, cachecóis, luvas e alpista. Nem sei também porque é que o Porto factura 25 a 30 milhões de euros por época nos últimos 10 anos em transferência de jogadores, porque é evidente que o grosso de receita azul-e-branca deveria fazer-se na Loja Azul, ou na bilheteira.
Jorge, eu acho que o Real ou o Chelsea deviam enviar já emissários a Lisboa para aprender com o Benfica como é que um clube deve governar-se exponenciando as suas receitas de televisão e merchandising. O vosso termo de comparação devia ser esse, acho.

Mr. Shankly disse...

"Estamos a falar de 3 casas que fazem todas mais ou menos a mesma coisa porque têm as 3 a mesma actividade"

Não gostaste do exemplo por causa da actividade? Então toma lá: o Getafe e o Real têm actividades diferentes? Quem está melhor financeiramente? Quem tem mais passivo?

O que Jorge escreveu é perfeito. Podias aprender umas coisas. Ou pelo menos, se não queres dar-te ao trabalho (e pelo que escreves, eu acho que não queres), podias admitir que não sabes tudo e que não é por escreveres "o Carnide" e larachas sobre alpista, o Mantorras, galinhas e pneus que convences alguém.


LMGM, mas qual é a dúvida? Já é assim há anos. Somos nós que pagamos os estádios, os centros de estágio, os pavilhões polidesportivos que o Dr. Chico Zé constroi e inaugura 1 mês antes das eleições. O Desporto, seja ele amador ou profissional, não anda sem o Estado. E sinceramente só não sei se isso é bom ou mau.

Rearviewmirror disse...

"porque é notório que as receitas em 11 anos geradas pelas vendas do Simão, Quaresma, Ronaldo, Hugo Viana, Nani, Moutinho ou Veloso, só estas, não chegam certamente ao que outros fazem em 11 anos de camisolas, bandeiras, cachecóis, luvas e alpista."

A brincar a brincar disseste uma verdade.

Jorge disse...

Shankly:

O desporto amador ou profissional nao precisa do Estado para nada.
Se o Estado obtiver retorno atraves do aumento de receitas fiscais ou provisao de infraestruturas desportivas que considere essenciais para o bem estar social e nao sejam disponibilizadas pelo sector privado deve considerar investir senao e melhor baixar os impostos.

Ricardo disse...

Eu, se não quisesse um Sporting forte, até estaria feliz por ver adeptos como o MM desvalorizarem aquela que é a situação penosa em que vive o Sporting. Como quero, resta-me esperar que dentro do clube haja quem leve a coisa mais a sério.

E, sim, a chegada do Couceiro a Alvalade não indicia nada de bom. Se aquilo estava mau, pior ficou.


Quanto às dívidas dos 3 grandes, por mais receitas que os clubes tenham é uma situação preocupante. E, pensando exclusivamente no meu clube, há coisas que não se compreendem numa situação difícil como esta. Começando por gastar 8,5 milhões de euros num GR pior que o titular que foi mandado embora, passando pela compra de um júnior do Real Madrid por 6 milhões de euros que foi enviado de empréstimo para inglaterra e acabando na provável compra de mais dois ou três gajos em Janeiro, quando a qualidade do plantel (e de mais alguns emprestados) garante total confiança e qualidade. E seguramente não será (apenas) incompetência. O que deixa no ar a preocupação de ver o que fica no final da era Vieira. Como dizes e bem, Kodro: "Fica para os próximos, que vão dizer deste o que este disse do outro". E isto serve para os 3. Sendo que, e isto é óbvio para qualquer adepto atento e sem grandes palas nos olhos, o Sporting está numa situação bastante mais delicada que os restantes.

MM disse...

Shankly,
Há muita gente que chama o Benfica de Carnide apenas para faltar-lhe ao respeito. Não é o meu caso. Entendo é que o SL e Benfica pertence tanto ao bairro de Benfica como ao bairro de Carnide, ou ao bairro da Luz. Portanto se te incomoda troca se quiseres o Carnide por Clube de Bairro, porque assim satisfazemos de uma assentada gregos e troianos e estaremos a ser geograficamente justos. Podes também se quiseres trocar alpista por milho, o Mantorras pelo Akwa, as galinhas por galos galegos, e os pneus por outra coisa qualquer que melhor te convenha.
Pela minha parte procede à gentileza, é para o lado que durmo melhor e tenho a certeza que o Clube de Bairro não ficará melhor ou pior servido por isso, de certeza.
Abraços.

low desert puke disse...

Cinco comentários cheios de nada. Ou cinco tentativas goradas de dizer alguma coisa? Ou, somente, cinco exemplos em como o MM nao sabe viver sem o Benfica.

Quão bom é assistir gratuitamente a estes devaneios circences.

Carrega (e continua!) palhaço.

Pedro Almeida disse...

O melhor a fazer ainda é ignorar estes adeptos adolescentes do Boavista de Lisboa.

Mr. Shankly disse...

MM, obrigado. Foi uma excelente ilustração do que eu tinha escrito acerca de ti. O pior é que te deves achar engraçado.

Jorge, o meu objectivo não é discutir se o desporto precisa ou não do Estado. Na minha opinião o amador deve ser subsidiado, porque considero o desporto parte importante do bem-estar social. O profissional acho que não, mas com o meu comentário expressei o que acho que é a realidade e não o que é desejável: o Estado subisidia forte e feio todos eles.

littbarski disse...

Eu também não percebo muito bem como é que o Benfica pode dar-se ao luxo de dever mais do dobro do muito que Porto e Sporting devem em conjunto. Mas deixo isso para os especialistas de gestão. Seja como for, eu acho que há motivos para estarmos optimistas. Afinal de contas, o Sporting vai ter finalmente o pinheiro que Paulo Sérgio tanto desejava; o Benfica perdeu a águia Vitória (consta que não conseguiu adaptar-se ao clima do túnel da Luz), mas mantém o tradicional peru de Natal; e se, por absurdo, o Porto não conseguir vender o Hulk por 100 milhões menos 1 euro, põe-se o Mariano a vender bolos-reis, que sempre deve dar algum. Portanto, bom Natal e portem-se bem.

MM disse...

Shankly,
Nada que se compare ao Roberto é verdade, ou à cómica trilogia "Vigo, Atenas, Hapoel", mas um bocadinho sim, acho-me um bocadinho engraçado tenho de confessar ...
E tu, também tens sentido de humor?
Ou nem por isso?
Vá lá Shanky, anima-te.
Rir é uma qualidade.
O Levezinho tem sentido de humor Shankly.
Até o Artur e o Edmilson entram na paródia.
Como é mesmo?, lol.
Mau, já chega vá ... calma Hulk, calma.

Feliz Natal.

Saulo disse...

MM, um feliz Natal e que recebas o dobro daquilo que desejas aos outros.

Leão de Alvalade disse...

Boas Festas!

Rearviewmirror disse...

MM, tu a escrever sobre coisas sérias e coerentes, não vales nadinha. Dois neurónios não dá pra mais, não?
Dedica-te ao stand-up.

FEliz Natal para os restantes. Até pró Miguel CAnadá, esse pobre coitado lunático.

miguel_canada disse...

Obrigado retro...
Apesar de seres uma anta, devo confessar que te acho piada, porque nunca vi uma anta que não fosse capaz de dar uma opinião sobre futebol a serio e que passe tanto tempo a desclassificar as opiniões dos outros que aparentam ser muito mais inteligentes do que tu no que ao futebol diz respeito.

Todos os teus posts se resumem a dizer que este ou aquele só dizem disparates, que não valem nada, que somos uns palermas mas esqueces-te constantemente de dar a tua opinião que para que a gente também possa avaliar a tua estupidez e palermice.

Bem sei que cada um luta com o pouco que tem mas vir a luta com tão pouco chega a ser deprimente.

Um bom natal para ti também.

MM disse...

Miguel Canadá,
Essa, se repararmos - e reparamos - é uma das mais vincadas características do degredo encarnado, do benfiquismo e dos adeptos do Benfica. Na sua generalidade, maioria, quase totalidade. E observamos este fenómeno em qualquer caixa de comentários blogoesfera fora.
Basicamente acontece assim:
I - O Benfica não tem qualidade. Não a tem. O Benfica, a maioria dos benfiquistas e tudo o que com aquilo se relacione. Esta falta de qualidade manifesta-se em tudo. Manifesta-se entre outras coisas na inexistência de espaços onde possam entre si falar e trocar opiniões e, é por isso que os vemos um pouco por toda a blogoesfera leonina. Não sei se pela portista isso acontece mas na nossa sim, acontece. E isto pode parecer estranho mas não é: porque é que eles - acusados de não ter qualidade - procuram interagir com a qualidade? Simples: tem que ver com aquela faceta esquisita dos adeptos do Benfica em que mostrando-se ao mesmo tempo uns ignorantezecos sobre toda e qualquer coisa acham-se o contrário. São pobres de espírito sim, mas muito vaidosos, também. E esta mistura esquisita tem consequências:
II - Na sua procura por qualidade com quem é que se deparam? Não comigo mas, com todo um conjunto de textos e versos - escritos por sportinguistas (mais uma vez não sei sobre a blogoesfera portista) - que ao mesmo tempo satisfá-los mas, irrita-os, porque ler as verdades dói muito. Sempre lhes dói. E isto o que é que provoca? Um misto em que consoante a incapacidade de reagir (remissão ao I; a sua falta de qualidade e ignorância extrema) e responder às verdades que vão bebendo limitam-se não a versar sobre o que é dito mas, a (tentar) versar sobre quem diz.

O fenómeno é basicamente este.

MM disse...

Miguel C.,
Eu sou um anti-benfiquista, com orgulho, sempre. Odeio coisas más, fazer o quê? É um defeito estou certo. Abomino a vaidade, a ignorância, a mistura das 2, o crime, a exploração intelectual e moral por parte de um desterro de maus costumes que abunda pelo Benfica e pelos adeptos do Benfica. Preocupar-me-ia se tudo isto não me incomodasse e causasse nojo mas, ainda bem que assim é. Agora Miguel Canadá, eles gostam muitos do Benfica e claro, isso é muito natural: as moscas gostam de lixo, lixo aqui no bom sentido, porque literal. Não significa que sejam maus bichos ou animais mais desconsiderados mas, isso não quer dizer que eu ou tu tenhamos que conviver e gostar do lixo, não é? Portanto a elas faz-lhes confusão o que lêem do Benfica: lógico. Mas como no seu íntimo sabem que lixo é lixo (embora seja o seu habitat) no lugar de procurarem embelezar a lixeira o que fazem elas? Viram-se aos ecologistas, a nós, nós que tentamos despoluir a lixeira.

Corolário de tudo isto:
Eu (falo por mim), sou anti-benfiquista.
Eles, são anti-eu. Lol. É isso que tu falavas, e quem diz eu diz tu ou diz outro ecologista qualquer.
Eu vim aqui e falei do Benfica.
Eles responderam falando de mim.
Eu respondi-lhes continuando a falar do Benfica, porque estou-me um bocadinho nas tintas para eles.
Quem é que no meio de tudo isto vale nada, pouco, ou muito? Eles não sabem responder à pergunta, mas eu sei ... o Rennie (a falta de originalidade é outra das suas características) por exemplo, se pensasse um bocadinho antes de escrever, no lugar de responder aos ataques / verdades que do seu clubeco digo com o "não vales nadinha", perguntar-se-ia "e eu valho o quê?, quando o que aqui faço é atacar nicks", lol. Miguel, mas isto eles não compreendem. É como o Shankly quando diz "deves pensar que tens piada". Não, o triste é ele pensar que eu penso que tenho piada. E por aí fora ...

É o benfiquismo na sua habitual, inútil e inconsequente expressão. E é por isso que é importante que existam ecologistas. Eles na sua ignorância e complexada pequenez falam em "inveja" mas não ... é mesmo para despoluir. Ninguém vai à lixeira passar procurar praia e sol, é mesmo para limpar o degredo.
Feliz Diz de Natal e feliz Ano Novo, véspera de Natal ultrapassada.

low desert puke disse...

"mostrando-se ao mesmo tempo uns ignorantezecos sobre toda e qualquer coisa acham-se o contrário. São pobres de espírito sim, mas muito vaidosos, também."

"porque ler as verdades dói muito. Sempre lhes dói. E isto o que é que provoca? Um misto em que consoante a incapacidade de reagir"

"Corolário de tudo isto:
Eu (falo por mim), sou anti-benfiquista."

Deve ser por isso que nao conhecias a história europeira do teu clube, e eu ensinei-te. "O sporting é a unica equipa portuguesa a participar sempre nas competiçoes da uefa desde a sua (delas) criaçao", dizias tu.
Ou quando demonstraste nao saber nem o ano de fundaçao (ou idade, porque correlacionada), do teu clube, e eu ensinei-te.
Ou ainda, quando cegamente e numa tentativa desesperada de ironizares os planteis do tempo de Vale e Azevedo, fizeste consideraçoes a jogadores do Benfica que afinal...tinham feito parte do plantel do sporting. E, mais uma vez, eu (e outros) ensinámos-te coisas sobre o teu clube.
Inúmeros exemplos existem.
E o corolário qual foi? Gratuitamente dissertares sobre a minha mae ou sobre a mae e pai do pitons na boca.
Porque tu nao pessoalizas.

Isto está tudo "gravado" no blog O banco da mexicana, e para quem quiser confirmar a pequenez do MM, é favor ir ao histórico. Este pedaço de nada começou a frequentar o blog algures em abril e a partir daí todos começámos a ter um pouco mais de pena do adepto sportinguista médio. Não quero generalizar, até porque muitos sentem realmente vergonha em contar com um elemento destes entre as suas fileiras. Mas é só para concluir com a mentira que este senhor é.

No geral falate bem, amigo simplório, pois a capacidade que tens em descrever a tua própria ignorancia é simplesmente notável.

MM disse...

Correcção desocupado,
Nunca versei sobre a mão do PintosNaBoca. Versei 1º sobre a tua, e depois sobre a de um outro que nem lembro mais o nick.
Assim é que é. Mais rigor filho, por favor, aconselha-se.

Zezé disse...

olá!

Chamo-me José Borges e era colaborador regualar do Visão de Mercado. Assinava pelo nome de A.Borges e assinava os post sobre análises a jogadores, campeonatos, equipas, assim como realidades do desporto-rei.

Gostava de poder contar contigo para promover o blog e usufruir dos teus comentários :)

abraço

Zezé disse...

olá!

Chamo-me José Borges e era colaborador regualar do Visão de Mercado. Assinava pelo nome de A.Borges e assinava os post sobre análises a jogadores, campeonatos, equipas, assim como realidades do desporto-rei. Decidi agora cirar o meu próprio blog, cujo link é:

www.doutor-futebol.blogspot.com

Gostava de poder contar contigo para promover o blog e usufruir dos teus comentários :)

miguel_canada disse...

Para quem gostar do género, sugiro vivamente o Granturismo5. É espectacular! Desconfio que vou andar muito menos vezes por aqui :)

Rearviewmirror disse...

GRAÇAS A DEUS!!! ;)

miguel_canada disse...

Devias fazer o mesmo oh tótó... Já saiu o pokemón five também e és daqueles, que pela falta de teor argumentativo mais valia dedicares-te ao gameboy.

Como diria o MM: "É o benfiquismo na sua habitual, inútil e inconsequente expressão."

miguel_canada disse...

Mais uma amostra da excelente politica de observação e captação de novos talentos patenteada pelos grandes clubes da nossa primeira liga (onde poderemos talvez excluir o Sporting que foi capaz de descobrir o Salomão):

"O site da FIFA publicou um fórum com o objectivo de escolher o jogador nascido a partir de 1991 que terá o melhor futuro à sua frente.
Na lista apresentada aparece o nome de um português: João Reis. Para muitos, um desconhecido, uma vez que milita no Louletano, clube da II Divisão B, mas, aos 18 anos, e quando cumpre a segunda temporada na equipa sénior o jovem prodígio prepara-se para prestar provas no Inter de Milão."

No Inter de Milão????????? Aloooooooo!!!! Porto???? Benfica????? Braga?????

low desert puke disse...

"Para quem gostar do género, sugiro vivamente o Granturismo5. É espectacular!"

"Devias fazer o mesmo oh tótó... Já saiu o pokemón five também"

"Como diria o MM: "É o benfiquismo na sua habitual, inútil e inconsequente expressão.""


Sintomático no mínimo...

MM disse...

Continuas única e exclusivamente a comentar comentários de outros.
Isso é sintomático de quê:
Complexo encarnado?
Generalizada incapacidade vermelha?
Ou uma limitação muito tua?
Não respondas porque a pergunta leva rasteira. É de todas.

Feliz Ano Novo, voyeur ...

low desert puke disse...

Um dia chegarás a ser alguém. Neste momento estás ainda bloqueado na tua "fase camarão". Continua portanto a treinar até adquirires alguns comportamentos que se assemelhem aos doshumanos.

Para quem nao sabe os camarões têm o intestino ligado directamente ao cérebro. No entanto duas diferenças saltam á vista: a primeira é que essa bosta que tens a boiar entre as orelhas está ainda longe de ser considerado um cérebro; a segunda, é que os camarões não vivem na ilusão que aquilo que dizem é importante, ou, minimamente racional.

Os camarões não sabem que são ignorantes. Tu sabes que o és e insistes em demonstrá-lo para gáudio de todos nós.

Por favor, continua!