segunda-feira, dezembro 20, 2010

Paços 0 x 3 Porto

Um filme já visto nas últimas jornadas do campeonato: entrada forte do Porto, um golo, várias oportunidades para resolver o jogo antes do intervalo desperdiçadas (ou negadas por um par de grandes defesas de Cássio), quebra na etapa complementar e credo na boca até ao fim.

O Paços de Ferreira fez uma excelente segunda parte, com a dupla Rondon e Pizzi em destaque, mas isso, quanto a mim, não é suficiente para explicar as dificuldades que a equipa portista sentiu nos segundos 45 minutos. Nota-se um desgaste acumulado em certos elementos-chave (factor agravado pelas lesões) que a segunda linha azul e branca não tem conseguido compensar: Walter, apesar do golo e de estar a subir de forma, não oferece o mesmo rendimento que Falcao, James, apesar do seu talento e potencial, ainda está muito «verde» para dar as mesmas garantias que Varela, Guarín, por mais esforçado que seja, não faz esquecer aquele Fernando transfigurado para melhor do início da temporada, e não há ninguém para substituir Hulk. Valha-nos, ao menos, um Otamendi capaz de acrescentar algum perigo aos inofensivos lances de bola parada.

Segue-se um merecido período de descanso, útil (espero) para recuperar forças para a fase decisiva da época.

littbarski

34 comentários:

miguel_canada disse...

Littbarski, na minha opinião o que falhou ontem foi a substituição do James pelo Souza.
Teoricamente, a ideia era excelente e acho que qualquer treinador inteligente a teria tido. O problema é que Souza não rendeu o mínimo esperado e por conseguinte não foi o elemento que iria restituir o equilíbrio no meio campo.
Penso que se tivéssemos tido o Fernando a titular e naquela substituição entrasse o Guarin, a historia teria sido muito diferente.

No resto, subscrevo o que dizes. A equipa parece-me fatigada física e mentalmente e a quebra de forma do Hulk é monumental.

Agora, um bom peru, um bacalhauzinho e umas rabanadas para retemperar e vamos lá arrancar de novo o escudo nacional daquelas camisolas vermelhas.

pitons na boca disse...

Vi finalmente o lance do primeiro golo portista.
Não sei se é falta ou não, essa parte não vi.

O que pretendo não é analisar o lance em si, mas tentar perceber o que se entende pela regra do fora de jogo em si.

Quando o livre é marcado estão 2 jogadores azuis em fora de jogo - penso que isso é indiscutível - e o autor do golo aparece vindo de trás, em situação aparentemente regular.

Se a posição do autor do golo não deixa duvidas, o mesmo poderá ser dito dos outros dois jogadores anteriormente referidos?

É que nas imagens pode ver-se o Falcão com clara intenção de atacar a bola e a enrolar-se com o (único) defesa que poderia chegar à bola (parecendo que agarram-se mutuamente).
Assim sendo, não será caso para dizer que afinal Falcão terá assumido um papel mais activo na jogada, fazendo com que o seu fora de jogo deixe de ser apenas posicional?

Mais uma vez, a minha pergunta não é para atacar azuis, verdes, castanhos, seja de que cor pretendam ver o futebol. Prende-se sim com a leitura que se fazem das regras.

Bom Natal.

Jorge disse...

Pitons:

Nao prestei atencao a movimentacao do Falcao por isso nao vou comentar esse lance.
O que as regras dizem e qualquer coisa como o jogador tomar parte activa na jogada, o que da algum espaco para a interpretacao do lance por parte do arbitro.
Eu por mim, acho que se o jogador se fizesse a bola deveria ser assinalado fora de jogo. E quando digo "fazer a bola" quero dizer movimentar-se na direccao da bola. Ha quem ache que um jogador ao se colocar na posicao de off-side na marcacao de livres esta a tomar parte activa na jogada, mesmo que depois nao se faca a bola. Ai ja discordo porque o papel activo do jogador nesse caso, o de perturbar o posicionamento da defesa, acontece antes de a bola estar em jogo.
O que acontece normalmente e que o fora de jogo e assinalado se houver uma clara intervencao do jogador no lance, nao sendo suficiente que o jogador que estava em posicao irregular se faca ao lance.
E estranho que na aplicacao da lei de mao na bola, os arbitros tenham optado por uma posicao que me parece ser oposta a esta, apitando grande parte dos lances em que a mao vai a bola independentemente de ser intencional ou nao. O lance do penalty no Tottenham-Liverpool (se nao me engano)e um bom exemplo (e semelhante ao que o arbitro achou que viu no jogo do Porto) o jogador da barreira poe o braco a frente da cara para se proteger a bola bate no braco e o arbitro assinala penalty. E ridiculo mas parece que e a "interpretacao" corrente das regras.

Lucifer disse...

Então mas nem uma referenciazinha ao penalty mais ridiculo deste seculo?

Vale tudo pá, vale tudo para garantir a encomenda...

miguel_canada disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
miguel_canada disse...

"Se a posição do autor do golo não deixa duvidas, o mesmo poderá ser dito dos outros dois jogadores anteriormente referidos?"

Pitons, é o chamado fora de jogo posicional. A jogada nao é interrompida porque a bola não leva a direcção do(s) jogador(s) em causa ou estes nao se fazem ao lance.
É frequente veres este tipo de lances na marcação de livres e de cantos.
De resto a explicação do Jorge é correcta e completa.

"Então mas nem uma referenciazinha ao penalty mais ridiculo deste século?"

O Leiria - Benfica da época passada outra vez? Pá...a vida continua!

Hoje não estou muito "conversador". Sinto-me francamente triste pela morte do Poncio Monteiro. Que descanse em paz porque o legado que deixou jamais será esquecido.

miguel_canada disse...

Toma la um presente de natal, Lucifer:

"Terá o FC Porto ganho na Mata Real graças a um favor da arbitragem? Claro, então não é óbvio? Estava a ganhar 1-0 e, já em tempo de descontos, passou a ganhar por 2-0…
E contudo, se recuarmos 12 minutos… Ao minuto 78, Filipe Anunciação faz penálti sobre Hulk?

“No estilo que lhe é muito próprio, Anunciação "chegou" atrasado, pontapeando, assim, o pé de Hulk e não a bola. Grande penalidade que ficou por assinalar.”
Jorge Coroado

“Hulk é tocado no pé, dentro da área, por Filipe Anunciação. Embora não chegue a cair, é uma infracção merecedora de grande penalidade.”
Pedro Henriques

“De facto, Filipe Anunciação rasteira Hulk”
Paulo Paraty"

Bem sei que um erro não elimina outro, mas é só para que não fiques a pensar que o Porto foi beneficiado ou coisa parecida.

Hugo disse...

"Será que a morte do Poncio fez o "Bicho" fazer uma introspecção?
:)"

Isto foi escrito por um habitual comentador chamado Pedro no seu blog. Por aqui se vê o nível desta gente

miguel_canada disse...

Eu acho é que a morte do Dr. Poncio devia provocar uma introspecção no Pedro...
O Dr.Poncio morreu devido a um acidente vascular cerebral, coisa que nunca poderia acontecer ao Pedro porque a diarreia que ele tem dentro do crânio dificilmente cria coagulos.

N. disse...

"Pitons, é o chamado fora de jogo posicional. A jogada nao é interrompida porque a bola não leva a direcção do(s) jogador(s) em causa ou estes nao se fazem ao lance.
É frequente veres este tipo de lances na marcação de livres e de cantos."

Vale a pena discutir futebol com quem diz tamanho disparate? Pensa lá bem se isto acontece frequentemente na marcação de cantos.

pitons na boca disse...

O que questiono é se a acção do Falcao não será suficiente para influenciar a defesa. O jogador procura a bola, prende consigo o único defesa que poderia atacar a bola e em momento algum se desinteressa do lance.
O ângulo de visão do arbitro assistente não permite saber se a bola vai cair ao centro da baliza ou ao segundo poste.

Por isso a questão: a acção do Falcao não seria suficiente para deixar de ser fora-de-jogo posicional? Nas imagens, parece que sim.


nota: fora-de-jogo num canto?? hehehe
Bela gralha... espero eu. :)

Jorge disse...

Pitons:

De acordo com as regras:
"A player in an offside position is only penalised if, at the moment the ball
touches or is played by one of his team, he is, in the opinion of the referee,
involved in active play by:
• interfering with play or
• interfering with an opponent or
• gaining an advantage by being in that position"

Se a ultima parte depende da movimentacao do jogador os dois primeiros pontos introduzem muita subjectividade e fazem as decisoes dependerem demasiado da interpretacao do arbitro.

Lembro-me de ha uns anos um ex-jogador entao comentador para um canal ingles dizer "if a player is not involved in active play what the heck is he doing on the field?"
Da perspectiva de um defesa qualquer jogador na sua area e tomado em consideracao e afecta o seu comportamento, por isso fazendo-se ou nao ao lance, pode-se considerar que qualquer avancado interfere no lance, pelo menos indirectamente e estara em "active play."
Mas a interpretacao que se observa ultimamente e que a nao ser que haja interferencia directa e clara o fora de jogo nao e assinalado. Nao acho que crie grandes problemas desde que haja consistencia.
Em minha opiniao e bem pior a posicao que esta por detras do penalty, em que mesmo que a bola toque no braco do jogador o lance e claramente de bola na mao. Parece que os arbitros deixaram de ter em conta movimentos naturais dos bracos, na corrida e no salto, e o posicionamento defensivo dos bracos (para proteger a cara e os testiculos por exemplo).

pitons na boca disse...

Sem duvida, Jorge. Concordo em pleno. Nao estou a dizer que a acção do Falcao seja facil de analisar ou descarada, ou mesmo escandalosa. Mas que é susceptivel de discussão, sem duvida.

master kodro disse...

Gostava de transpor esta conversa sobre o fora-de-jogo para um post. Mas já que aqui está, aqui seguirá. Tenho um exemplo de um jogo de há uns anos. Um jogador em ataque faz um passe para a frente e para a sua esquerda para um jogador que está fora-de-jogo, mas o passe é cortado por um defesa - que marcava à zona o gajo fora-de-jogo - e a bola sobra para o passador que segue isolado para a baliza e marca o único golo do jogo. Na altura, nem se discutiu, infelizmente.

Sérgio_alj disse...

LOOOOOL

Master!

Por acaso lembro-me bem dessa. Acho que o jogador chamava-se Caceres e jogava no Celta de Vigo.

O jogo ficou 1-1 na Luz, dias depois daquele...descalabro...

master kodro disse...

Não, Sérgio. Este jogo ficou 1x0. Com aquele golo. Não interessa quem é.

MM disse...

O descalabro de Vigo?
Correu tão bem aquilo ... ficaram 7-0 como podiam ter ficado 13, muita sorte teve o Carnide porque se não fosse o Bossio não sei não ...
7-0 pode parecer descalabro mas não, foi um resultado natural. É preciso lembrar que o Benfica nesse ano tinha uma equipa muito boa e um treinador campeão europeu mas nessa eliminatória com os Galegos apresentaram-se muito desfalcados:
Rojas, Machairidis, Chano, Luís Carlos, Sérgio Nunes, Tote, Porfírio e Toy estavam todos indisponíveis portanto quer dizer, não há milagres ...

Sérgio_alj disse...

MM? Natural? Natural foram os 7-1 e 5-0 frente ao Bayern Monchique...

N. disse...

Olha outro artolas...
O guarda-redes do Benfica contra o Celta de Vigo chamava-se Robert Enke.

Nem sabem gozar. :)

N. disse...

MK, por momentos achei que estavas a falar do primeiro golo deste jogo. Se (por acaso) acertei, olha que ficou 3-1 e sim, em meu endenter seria fora de jogo.

http://www.youtube.com/watch?v=pF2gWiOsZ7w

MM disse...

Boa piada Sérgio. Só mesmo um perfeito benfiquista para desvalorizar o Bayern Munique. Olha a sorte do Sporting, tivesse sido com o Celta e com o Olympiakos e estaríamos bem tramados certamente ...

low desert puke disse...

"Esse" Celta de Vigo semanas depois também espetou quatro á Juventus.

Só mesmo um perfeito sportinguista para desvalorizar somente o Benfica portanto.

miguel_canada disse...

"Vale a pena discutir futebol com quem diz tamanho disparate? Pensa lá bem se isto acontece frequentemente na marcação de cantos."

Não te passou pela cabeça a marcação de "cantos curtos", pois não? É um canto também, não é?
Sugiro que alargues os horizontes antes de disparar bordoadas.

pitons na boca disse...

MK,

a questão fulcral no que falo não se prende com a posição do avançado mas na sua acção na jogada/interacção com os adversários. No caso que apontas (sem saber especificamente qual é, mas tendo uma ideia da acção) dá-me a sensação que não há nenhuma - o avançado está lá quieto, o defesa por natureza também. No caso que falo, há acção do avançado.


De resto, peço desculpa não alongar mais a conversa.
Depois de alguns comentários (e de um personagem em particular, que já "conheço" de outro blog) vejo-me na obrigação moral de não continuar a conversa desta caixa de comentários.

Jorge disse...

MK:

Se o lance a que te referes e o do video que o N. colocou aqui, a acho que nesse lance nao se deve assinalar fora de jogo, o avancado que esta em fora de jogo tem uma accao muito passiva, o defesa nao so avanca para o colocar em fora de jogo como para atacar a bola. Ha uma falha do defesa ao tocar na bola sem cortar o lance e muita sorte do avancado.

Procurei nas leis da FIFA e fiquei mais esclarecido sobre as regras ja que eles definem os conceitos (ao contrario da liga):

“Interfering with play” means playing or touching the ball passed or touched by a team-mate
“Interfering with an opponent” means preventing an opponent from playing or being able to play the ball by clearly obstructing the opponent’s line of vision or movements or making a gesture or
movement which, in the opinion of the referee, deceives or distracts an opponent
“Gaining an advantage by being in that position” means playing a ball that rebounds to him off a goalpost or the crossbar having been in an offside position or playing a ball that rebounds to him off an opponent having been in an offside position"

Sendo assim no lance que descreves nao ha fora de jogo.

Jorge disse...

Pitons;

Vi a repeticao do lance no YouTube acho que a tua interpretacao e valida.
A analise destes lances e tao dificil que tenho a impressao que a linha amarela que os tipos da televisao colocam supostamente ao nivel do penultimo jogador do Pacos antes da linha, foi colocada ao nivel do antepenultimo... Parece-me que o defesa que aparece ao pe do Falcao esta para la dessa linha escondido atras do Falcao.
Nao so o fiscal de linha nao tem a possibilidade de parar o lance e por uma linha mas mesmo assim ha possibilidade de erro, por isso nao consideraria isto uma decisao errada, em caso de duvida deixa-se seguir.

miguel_canada disse...

Pitons... faço doer? Ooohhh!

pitons na boca disse...

Os mosquitos não conseguem ser tão importantes.

miguel_canada disse...

Lá isso concordo...

Rearviewmirror disse...

Fodasse Miguel, não vales mesmo nadinha.
Se não acresentas nada á conversa, como é normal, resume-te á tua insignificância.
É dificel de entender?
Se não percebes, vais ás leis da FIFA. Futebol
Anormal.

Lucifer disse...

fdx, andam a discutir o fora de jogo ou não, nem dos lances mais escandalosos pá. Escandaloso é o lance em que o defesa do porto defende a bola com a mão, e o penalty marcado por o jogador do paços ter jogado a bola com o pé dentro da area. O que dizem as regras da fifa sobre isso? Arranjem lá uma desculpa para isso!

miguel_canada disse...

Lucifer, não preferes antes falar do penalty cometido pelo Anunciação sobre o Hulk que não foi assinalado?
Ou o golo do Sporting em fora de jogo?
Ou a expulsão do Maicon em Alvalade por teatro do Liedson?
Ou a expulsão perdoada ao Maniche por agressão bárbara ao Moutinho?
Do penalty a favor do Setúbal a dois minutos do fim por falta cometida fora da área?
Ou o penalty cometido pelo David Luiz sobre um jogador do Paços de Ferreira que ficou por assinalar?
Ou do golo limpo anulado a Olhanense?

Credo... és tão convenientemente selectivo!

Rearviewmirror, o que acre5centa5 tu a conver5a?
O que percebe5 tu de futebol?
Que 5ignificância pen5a5 tu que ten5?
Em que esquema joga o benfica?
Como defende o FCPorto?
Postiga é avançado ou ponta de lança?
E Cardozo? e Hulk?
Quais são os movimentos de ataque mais utilizados por Saviola quando Aimar não joga?
Fernando é um trinco, um Pivot ou um médio defensivo? E Javi Garcia?
Quem e o defesa direito do Portimonense?

Qual é a tua prece55ão do futebol? Que o glorigo5o é o maior e o re5to é corrupção?
Pega lá na tua caixinha e mete un5 10 de uma vez e não demore5 muito tempo a pen5ar porque o Pai Natal deve e5tar qua5e a chegar a tua chaminé.

Bom Natal a todos.

Offshore disse...

Pitons,
Face ao teu 1º comentário, o 2º nesta caixa, como vês a forma como o defesa do Paços impede Falcao de chegar à bola nesse lance.

Offshore disse...

.