domingo, agosto 30, 2009

Parece impossível

Um Sporting sempre superior conseguiu um óptimo resultado em Coimbra, graças a uma exibição bem interessante, num estádio tradicionalmente difícil para os leões.

Não se lembrem agora de escrever que o pior arranque de sempre se deveu apenas à crise de golos do Levezinho.

Parece impossível, uma vitória.

Paulo Bento mexeu bem no xadrez, criando condições para a equipa chegar ao golo, mas voltou a contar com a colaboração decisiva de um mal-amado (Vuk) no lance que abre caminho para os três pontos.

O segundo veio todo da formação, com amor. Saleiro, Djaló, bola na rede.

Gostei principalmente de Veloso, Carriço - está a crescer, a crescer, a crescer - e Djaló, que provavelmente anda a ser tratado pelo Dr. Phil e se comporta agora em campo como se fosse o melhor jogador do mundo.

Matias tem invulgar qualidade na recepção, no passe e no drible -- mas a sua influência na equipa continua a ser escassa.

kovacevic

16 comentários:

JLC disse...

Gostei menos do jogo que tu... mas ganhamos.


O Liedson deve ter apanhado uma malha ao intervalo, porque começou a passar bolas.

O Djalo corre e remata. Não lhe pessam é para receber bolas sem ter 10 metros livres à frente. Passar? Esqueçam.

Pereirinha é, dos jogador com capacidade física e técnica, o jogador mais inconsequente que vi passar pelo sporting. Parece ser capaz de fazer muito, mas raramente faz mais do que um passe de 3 metros.

Moutinho está na pior forma desde que começou a jogar pela equipa principal.

Veloso e Carriço continuam a ser os melhores.

Vuk mal amado? É o jogador mais aplaudido em todos os jogos em casa...

F.Leitão disse...

O matias e todo aquele meio campo sujeita-se a contrair um torcicolo daqueles difíceis de curar, de tanto olharem para o ar a ver os chutões dos defesas para os avançados.
o PB deveria adoptar um táctica do tipo 3x0x7. O médios neste sistema não são necessários

João Melo Alvim disse...

Fugindo ao tema, deixei-vos um desafio no meu blog.

JNF disse...

"exibição bem interessante, num estádio tradicionalmente difícil para os leões."

??

1 - exibição banal

2 - campo tradicionalmente difícil? ganham lá sempre!

Ben Az disse...

Boas.

Gostei do vosso blog. Querem trocar de links?


Análise táctica do Manchester 2 - 1 Arsenal em


http://discutir-futebol.blogspot.com/



Abraços

MarcoAJLopes disse...

A vitória não me convence.
A primeira parte foi horripilante. E a mania de jogar à distrital e meter a bola longa para os (gigantes) liédson e djaló já mete nojo.

O veloso está formatado para nunca meter a bola no matias fernandez. NUNCA! Sempre que pode construir uma jogada de ataque, opta por um passe para o lateral ou para o liédson, apesar de o chileno lhe oferecer constantemente linha de passe (o que mais ninguém faz na equipa).

A mania dos intocáveis já devia ter acabado há muito, o facto de Polga, Moutinho e Liedson terem jogado os jogos todos da época até aqui é de rir para não chorar de raiva.

Valdemar disse...

Chorem antes vocês: o Sporting ganhou.

E sim, vão ter que levar com riscos ao meio por mais uns tempinhos, e não por um gajo qualquer besuntado de gel.

Já se falava no Quique.

Dasse!

master kodro disse...

Ora aí está um argumento que merece reflexão, Valdemar. Principalmente para quem está de fora.

Estás a sugerir que os sportinguistas querem que o Sporting perca porque o Paulo Bento é o treinador?

Não posso dizer que não me espanta porque já vi esse argumento ser utilizado relativamente à selecção. Mas achas que isso faz algum sentido?

Valdemar disse...

Faz tanto sentido como pedir que saia por estar há 4 anos na liderança da equipa.

Master Kodro,

tens dúvidas que há Sportinguistas que neste momento torcem pela desgraça da equipa, para ver o treinador e directos desportivo saír pela porta pequena?

master kodro disse...

Tenho a certeza que nenhum desses sportinguistas escreve em blogs, Valdemar.

master kodro disse...

Se existirem, claro.

Valdemar disse...

Master kodro,

LOL. Ah pois não...

Só têm programas na SicNotícias.

E bloguistas também há.

kovacevic disse...

De facto, no tempo em que não havia blogues e o Rui Santos escrevia sobre as selecções jovens era muito mais fácil ganhar campeonatos.

Santa paciência...

master kodro disse...

Aponta um, Valdemar.

ricardo disse...

Kova, nao concordo quando dizes que o scp fez uma exibição bem interessante. No final da primeira parte eu estava desesperado perante tanta falta de ideias, não houve UMA jogada de jeito. O problema do SCP não é o orçamento nem a juventude. O problema é que pratica um futebol previsivel e que ja todas as equipas conhecem. Não há rasgos de génio, é tudo muito certinho, os jogadores não arriscam nada. E se por um lado, não havendo erros individuais, defensivamente as coisas correm bem, por outro lado ofensivamente somos uma desgraça. E isso Paulo Bento é que tem de resolver. Custa ver Matias perdido em campo, pois já deu para notar que se trata de um bom jogador, mas que raramente toca na bola. Pode ser ele a chave do problema, desde que tenha mais bola, se calhar jogando mais atrás, não sei. O que sei é que é deprimente ver o SCP a jogar, e não é de agora, nos outros anos foi a mesma coisa. Este ano nota-se mais porque maior parte dos jogadores ou estão fora de forma, ou querem mesmo queimar o treinador.

N. disse...

Domingo, 16 Outubro 2005
Sporting 0 – 1 Académica
Marcel, 29m


Não sei quem se recorda deste jogo, mas a nação sportinguista não se ralou muito com a derrota porque marcou o fim da era Peseiro à frente do Sporting.

Acredito que o mesmo possa acontecer actualmente com o Paulo Bento.