quarta-feira, setembro 24, 2008

Bookmarks # 2 - Miguel de Cervantes (1547-1616)

Título: "Dom Quixote de la Mancha" (2005)

Original: "El Ingenioso Hidalgo Don Quixote de la Mancha" (1605/1615)

Tradução: Miguel Serras Pereira

Ilustrações: Salvador Dalí

Editora: Dom Quixote, aqui, de onde saiu a foto



"- Que gigantes? - disse Sancho Pança.
- Aqueles que ali vês - respondeu seu amo - com os braços compridos; que soem alguns tê-los de quase duas léguas.
-Olhe Vossa Mercê - respondeu Sancho - que aqueles que ali se mostram não são gigantes, mas sim moinhos de vento, e o que neles parecem braços são as aspas, que volteadas pelo vento, fazem andar a pedra do moinho.
- Bem parece - respondeu Dom Quixote - que não és versado nisto de aventuras: são gigantes
(...)
E dizendo isto (...) bem coberto com sua rodela, de lança em riste, arremeteu a todo o galope de Rocinante e investiu contra o primeiro moinho que lhe estava diante; e dando-lhe uma lançada na aspa, devolveu-lha o vento com tanta fúria, que fez a lança em pedaços, levando atrás de si o cavalo e o cavaleiro, que foi rolando muito maltratado pelo campo."

Com a ponta de uma lança se iniciou mais um combate contra moinhos de vento, também aqui. Não seria mais prudente questionar a razão por que um ponta-de-lança joga numa ponta e não ao meio, até porque, partindo da mesma fonte, a wikipédia, isto é uma lança e não um tridente (ora aí está outra adaptação feliz do futebolês de Portugal), e muito menos as suas pontas... Mas este, apesar de ser o ponto de partida, não é o modelo, porque este acabou exemplarmente.

Mas e os outros combates contra moinhos de vento que dilaceram lanças? Ontem voltei a ler que o meu clube foi prejudicado porque se aliou ao Benfica e Miguel Sousa Tavares "avisou" que o Vitória ia pagar por isso, o que é extraordinário porque veio não de um adepto do meu clube mas de um adepto de outro. Feliz de quem, como eu, tem um companheiro de clube que pensa como eu, aqui, e que escreve coisas como "Expulsões provocadas por agressões, sem bola, a adversários em lances de meio-campo são uma falta de respeito para com o clube e os adeptos. Nestas alturas, o clube tem de ter mão pesada para com os prevaricadores. Quanto aos adeptos, é curioso que depois de uma exibição paupérrima do Vitória tenham libertado a sua "fúria" para com a equipa... de arbitragem."

Esta teoria da conspiração (tal como a outra da "vingança da UEFA", quando, em 3 jogos europeus, o Vitória já beneficiou de 2 penalties) sofre de um problema de base. É que, seguindo o modelo preconizado, o Benfica teria que ser o primeiro prejudicado pelas arbitragens, da mesma forma que o Vitória o teria sido, este fim-de-semana, segundo os defensores da teoria. O problema é que, este fim-de-semana, até há lances semelhantes para análise e sabemos como foram julgados, não sabemos?

Não estarão a escolher mal os combates? E a gastar lanças?

master kodro

18 comentários:

Capucho disse...

Só um pequeno reparo - porque no resto concordo em tudo - beneficiamos de 2 penaltis em 3 jogos, é certo, mas suurupiaram-nos outros 2, num jogo só!

Pedro disse...

O teu colega de clube diz algo bem diferente do q tu dizes. A tua frase diz q os teus centrais foram expulsos em lances onde sofreram falta. O teu colega de clube diz q qd alguem é expulso por agressões a meio campo está a ofender (concordo) o clube e adeptos. Até podes pensar como ele mas a tua frase não tem esse sentido.

E claro q o Benfica não precisa de ser prejudicado ( dois penaltys em duas jornadas não chegam?) para o Vitória ser "punido" por tal "aliança". Prejudicar o Benfica não dá qqr "punição" ao Vitória. Prejudicar o Vitória e com isso tirar-lhe pontos já é "punição".São coisas distintas.

Se concordas com elas ou não é outra questão.

luis disse...

O SLB foi o primeiro a ser prejudicado, na primeira jornada, com a não marcação de pénalti claro.

pitons na boca disse...

Pergunta para os portistas (não todos, mas muitos dos que andam por aí): então se o Guimarães está a sofrer o castigo de uma suposta aliança com o Benfica, isso quer dizer que vocês estão a admitir que há algo estranho a rodear o mundo do futebol e que é o vosso clube que trata dessas coisas, certo?

Obrigado, não precisam responder... há muito que já deu para perceber a vossa maneira de (não) pensar.

nelson_oliveira16 disse...

pitons, não penso como aqueles que andam por aí, mas acho que posso responder.
Penso que eles querem dizer que os jogadores emprestados pelo Porto tinham mais qualidade dos que os que foram emprestados pelo Benfica, o que é estúpido pois os jogadores emprestados (ou o que for) ainda não jogaram pelo Vitória. Concordo com o segundo parágrafo mas não com o primeiro...
Não penso que nós pensemos nisso da aliança numa forma negativa...

master kodro disse...

Vou tentar mais claramente, Pedro: os lances das expulsões de jogadores do Vitória foram semelhantes ao lance do Nuno Gomes.

Para terminar, mais claramente, passo a passo: claro que punir o Benfica não pune o Vitória; mas se existe uma conspiração universal para punir o Vitória por o Vitória se ter aliado ao Benfica, é natural que o prejudicado original seja o Benfica. De outra forma a aliança com o Benfica não teria qualquer significado, nem seria razão para que os maus punissem o Vitória.

Mais claro que isto é impossível.

Pitons, eu pelos portistas não posso responder. Mas garanto-te que é diferente ter o Alan (ou o Luís Aguiar, por exemplo) de ter o Luís Filipe ou o Nuno Assis. Principalmente lesionados.

Littbarski disse...

Eu não sei se faço parte dos não todos ou dos muitos que andam por aí (esses malandros que não querem fazer nenhum), mas quer-me parecer que o castigo que o Guimarães está a sofrer pela aliança com o Benfica, para além de ter de aturar o erudito presidente da "instituição", é levar com o departamento médico do SLB, com o departamento de comunicação do SLB, com o departamento jurídico do SLB, etc...

O que há de estranho a rodear o futebol não é assim tão estranho. Na prática é mais do mesmo: Porto prejudicado em Vila do Conde (certamente, castigo de alguma aliança obscura), Sporting beneficiado em Braga, Benfica beneficiado em Paços de Ferreira. Na comunicação social, o silêncio cúmplice do costume, o Nuno Gomes é um herói nacional e nunca os árbitros foram tão humanos. Aguardemos pelas primeiras páginas desses mesmos jornais e pelo que dizem os adeptos pensantes, todos com as cores de Portugal, na primeira vez que o Porto for beneficiado...

nelson_oliveira16 disse...

Aí está, littbarski...

Filipe disse...

MK, o Vitória está, apesar de tudo, à frente do Braga, que tem os tais Alan e Luís Aguiar (quanto a mim isso explica-se por não terem ainda jogado os "reforços" vindos do Benfica).

Eu contra o Vitória só tenho o facto de não terem querido Edcarlos, Zoro e Makukula.

Já agora... Então não é que o Portsmouth deu em levar cabazadas? 10-0 nos dois últimos jogos é obra!

LionHeart (o autêntico) disse...

littbarski,

Esse exercício de só puxar à memória aquilo que interessa tem um nome: cegueira.

Ao citado "Porto prejudicado em Vila do Conde (...), Sporting beneficiado em Braga, Benfica beneficiado em Paços de Ferreira", poderíamos perfeitamente contrapor:

Sporting prejudicado com o Trofense, Porto beneficiado com o Belenenses.

Assim de repente, dá que pensar.

LC disse...

Melhor, melhor, só o Sp. Gijon, 13-2 em 2 jogos.
6-1 do Barcelona e mais 7-1 do Real Madrid, é só facturar.

pitons na boca disse...

Ah bom, assim está melhor. Quer dizer que quando se fala em:
- expulsões;
- critérios de expulsões;
- golos mal anulados;
- penalties por assinalar

e os portistas respondem com "é o castigo por estarem aliados com quem estão" afinal referem-se aos jogadores emprestados dos clubes em questão.
Folgo por ficar a saber. :D

Ricardo disse...

A discussão interessa-me muito pouco. Já o livro é genial. E a edição, de luxo.

joaoscp78 disse...

ahaha, o Sporting beneficiado em Braga...
Como é que isto já está!?

Pedro Santos disse...

Pois, como alguém escreveu atrás: cegueira. Aquele penalty nítido sobre o Meyong que o sr. do apito marcou ao contrário beneficiou quem?!?!?!

Littbarski disse...

Pedro, será que não ver que, no Porto-Belenenses, o Sapunaru estava em jogo por uns bons dois metros se enquadra naquilo a que chamas cegueira?

Littbarski disse...

A mim pouco me importa. Desde que não ponham os jogos em que o Porto é beneficiado nas primeiras páginas dos jornais e omitam outros como o Sporting-Belenenses (obrigado, lionheart), tudo bem.

master kodro disse...

Filipe, em três jornadas depois de o Braga jogar com o Sporting...

Pitons, só posso responder por mim. Como te disse, pelos portistas, não. Para mim, o que Sousa Tavares escreveu tem a lógica que te expliquei.