segunda-feira, novembro 26, 2012

A tal pontinha de sorte...

... De que se queixou a concorrência e que faltou a Otamendi, naqueles minutos iniciais em que o Porto encostou o Braga às cordas, chegou no último minuto, quando o remate de James foi desviado por Douglão e deu uma palmadinha nas costas de quem já sonhava com o Benfica isolado na frente.

Poder-se-á falar de uma certa injustiça porque, a partir dos 15 minutos, a equipa da casa equilibrou o jogo e obrigou Helton a mostrar que há vitórias que começam na baliza. Mas esta é a vantagem de ter um grande guarda-redes. E, claro, o melhor marcador da Liga, que desta forma exemplar colocou um ponto final na partida.

Sexta-feira há mais.

littbarski

30 comentários:

Unmasked disse...

E a outra pontinha de sorte? A habitual pros lados do dragão? Braço? Penalti? Nãããã. Lembram-se o que é que aconteceu a 6 de Novembro do ano passado, precisamente no mesmo estádio?
http://2.bp.blogspot.com/-VEgQ1GGOUKM/T3rf5Gbbr_I/AAAAAAAAASU/wCSzAKSeGtU/s320/Braga+1+SLB+1.JPG

Pois é...

.:GM:. disse...

Tinha que vir a gentinha do costume. Se formos a avaliar pelos "costumes" Portugueses, seria efectivamente penalty, pois foi assim que o Benfica ganhou o campeonato em 2004/05 e desde então deixou de haver bola na mão para só haver mão na bola, principalmente quando a equipa que comete estas "faltas" não equipa de vermelho...

De resto, esta memória selectiva é tramada pois esqueceram-se de faltas e cantos marcados ao contrário, de outras nem marcadas e cartões amarelos que ficaram no bolso ou outros incorrectamente mostrados, etc, etc.

Pedro disse...

hahahahahahahahaha

.:GM:. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
.:GM:. disse...

Eu também tive vontade de rir depois de ler isto:

"Na Luz, golo limpinho perdoado a Cardozo no jogo em que conquistaram o único ponto contra os três "grandes". Curioso. E ainda nos atacam com tudo o que têm."

Quando a maioria dos árbitros disse isto:

“Cardozo, na área de baliza, salta e no movimento descendente toca com a perna direita nas costas de Beto. Golo vem invalidado.”

“Lance bem anulado, pois Cardozo saltou de forma a carregar e a impedir Beto de ir à bola, já dentro da sua área de baliza.”

E as imagens, ao contrário das legendas, mostram perfeitamente o Cardozo a saltar para cima do Beto e a tocar em primeiro lugar com a anca neste, e em segundo ainda a esticar a perna direita para limitar a acção do guarda-redes. É a tal memória selectiva ou cegueira pura, neste caso.

http://www.youtube.com/watch?v=vU3hE8ZI0-c

Joao disse...

O árbitro é incompetente. Mas isso já todos sabemos, e qualquer jogo com este árbitro acaba sempre com uma quantidade absurda de más decisões...

GOD disse...

Já se sabe que o Xistra vai ser o novo Proença dos lampiões...Bom,bom é o Duarte Gomes. Esse sim, um grande "visionário" conforme provou o ano passado contra o Guimarães, onde peito e cabeça se transformaram em mão. Na minha opinião é um lance que pode ser decidido com a marcação ou não da grande penalidade...conforme tem sucedido tantas vezes. De resto, um Peseiro que é como o Mamede, falta lhe sempre aquele bocadinho final.

Rearviewmirror disse...

A pontinha de sorte aconteceu aos 20 min.
ALgo que se esperava, a única coisa que se pode achar estranho nisto tudo é o peseiro vir falar do penalty (claro) que não foi marcado...Normalmente costumam ser mais submissos.

E o Porto jogou tanto, que a partir dos 15 min, a equipa esfumou-se.
Chamem-lhe estrelinha de campeão, eu digo que o BRAGA foi xistrado.
Como arbitro é horrível, isso já se sabe. O critério disciplinar é horroroso, por exemplo ontem n mostra amarelo a Alex Sandro numa jogada em que Alan está a entrar na área, e passado 2 mim mostra a Custódio numa "falta" sobre James a meio-campo, num lance igual ao ocorrido antes.

Rearviewmirror disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joao disse...

Um bom jogo de futebol, um péssimo árbitro e como sempre o destaque para muitos vai para uma (má) decisão do árbitro da partida...

miguel_canada disse...

O rear viu um jogo que mais ninguem viu... o costume! Tivemos uma pontinha de sorte, pois tivemos mas a sorte conquista-se e o Porto lutou os 90 minutos por ela. O penalty para ser penalty falta-lhe a intencionalidade do Alex em jogar com a mao mas... tornou-se numa coisa tao relativa.
O arbitro e fraquinho mas sempre foi

miguel_canada disse...

O rear viu um jogo que mais ninguem viu... o costume! Tivemos uma pontinha de sorte, pois tivemos mas a sorte conquista-se e o Porto lutou os 90 minutos por ela. O penalty para ser penalty falta-lhe a intencionalidade do Alex em jogar com a mao mas... tornou-se numa coisa tao relativa.
O arbitro e fraquinho mas sempre foi

Pedro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro disse...

hahahahahahahahahahaha

Com a anca...com a perda direita...

LOLOL

A seguir metem um vídeo dos penaltys contra o Guimarães onde se vê que foram bem assinalados...

LOLOL

littbarski disse...

Eu já estava à espera de ver o lance do Alex Sandro transformar-se na estrela do jogo. Também não me surpreende que alguém utilize o lance do Luisão, de um Braga x Benfica da época passada, para defender que o do Alex Sandro é penalty, mesmo que o do Luisão não seja. Como é evidente, para quem defende isto, há mil e uma diferenças entre os dois lances. Eu vejo essencialmente uma: vermelho é diferente de azul.

Isto resulta do aproveitamento da confusão que os próprios especialistas de arbitragem fazem (enquanto apregoam que a lei é simples e clara) da chamada deliberação de jogar a bola com o braço. Porque, numa grande parte dos casos, é possível defender duas coisas distintas. No caso concreto do Alex Sandro, pode-se defender que o jogador tinha o braço esticado, em posição não natural e que portanto houve deliberação de jogar a bola com a mão. Mas também é possível defender o contrário, alegando que o remate foi à queima, que o Alex Sandro protegeu a cara e que estava de costas voltadas para a bola, na altura em que esta lhe bateu no braço.

Lembro-me de um lance muito semelhante, da segunda jornada do campeonato, que também não foi assinalado (não sei se com ou sem surpresa, os benfiquistas que resolvam esta questão) e em que também é possível defender a decisão do árbitro e o seu oposto.

No fim, no meio desta confusão de braços fora do sítio, a fazer firme e de movimentos de autodefesa, perante remates ou centros à queima, que nos lances seguintes se transformam em gestos deliberados que aumentam área de acção do corpo, vale a interpretação do árbitro. Que hoje é uma e amanhã é outra (e vice-versa).

littbarski disse...

Eu disse Luisão, mas é Emerson. Vai dar no mesmo.

Carlos disse...

Sorte foi o lance do Otamendi ao poste.

Em relação ao penalty há que recordar a brilhante defesa a duas mãos do Cardozo
http://1.bp.blogspot.com/-RUvBfu735ig/UEpXYFR8XKI/AAAAAAAAA2o/Fb7sE-Udg9M/s320/penalty-cardozo_foto1.jpg

Ou o penalti assinalado por este mesmo artista numa das várias noites de festa no estádio da Luz:
http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=QK3nfTOok2k

Joao disse...

Independentemente deste jogo creio que toda a gente têm a mesma opinião em relação a este árbitro. Está a mais no futebol...

Rearviewmirror disse...

A proteger a cara lit? Não deves ter visto bem o lance.
Só se ele tiver a cara num sitio bem diferente de onde deveria estar. Não custa nada admitir que foram beneficiados outra vez, são coisas do futebol.
É estranho é que vocês são beneficiados nos jogos mais complicados, e para contra-balançar vão buscar erros em jogos contra equipas bem mais fracas, em jogos onde dão 4 ou 5.

Como está na moda dizer, ele aumenta a área do corpo, colocando o braço numa posição não natural.

Foi um lance que poderia ter mudado o rumo do jogo (um penalty não é sinónimo de golo) mas como é natural, a "estrelinha" aparece sempre nestas alturas.

Mr. Shankly disse...

Este é o tipo de lance "a-favor-do-meu-clube-é-penalty-contra-já-não-é". Toda a gente consegue ir buscar lances semelhantes que foram ou não foram marcados. É mais uma cretinice da UEFA que não clarifica como devem ser ajuizados estes lances. Não quero discutir isto, e nem vi o jogo, ando aqui a fazer o quê? Só para dizer que a frase seguinte demonstra bem o pouco que o lttbarski percebe de bola:
"Eu disse Luisão, mas é Emerson. Vai dar no mesmo."

littbarski disse...

Shankly, certamente percebeste que o lttbarski (que é meu primo em segundo grau e também tem as pernas tortas) não se quis referir à qualidade dos jogadores mas sim ao facto de ser irrelevante o nome do jogador para avaliar se um lance é deliberado ou não.

Mr. Shankly disse...

claro. E tu percebeste que o shankly (que só partilha o nome, e não a genialidade com o ícone do Liverpool) estava a brincar, certo?

littbarski disse...

Sim, claro. Por isso, também brinquei.

littbarski disse...

Rearview, eu dei o exemplo de um lance que me parece muito semelhante ao do Alex Sandro e que foi decidido da mesma maneira. Portanto, o problema não está na cor das camisolas. Está na interpretação aleatória de uma lei dúbia.

Se eu achasse que havia motivos para contrabalançar o que quer que fosse e o quisesse fazer, tinha dado o exemplo da placagem de Luís Carlos a Kléber, em Barcelos, ou do derrube de Nivaldo ao mesmo Kléber, em Vila do Conde, dois jogos em que o Porto perdeu pontos.

.:GM:. disse...

Pedro,

pala
nome feminino
1. peça geralmente rígida na parte dianteira e inferior de um boné, que resguarda os olhos da claridade
2. porção de tecido que tapa um olho ou peça de material plastificado colocado sobre uma lente, cujo objetivo é proteger a vista em situação de lesão ou corrigir um defeito de visão
3. (no automóvel) peça retangular, móvel, situada na parte superior interna do para-brisas, que pode ser baixada para evitar a incidência direta de luz solar
4. parte do sapato que cobre o peito do pé
5. peça que se prende na carroçaria de um veículo, por trás das rodas, para impedir a projeção de água, lama, etc.
6. engaste de pedra preciosa
7. cartão ou tela com que o sacerdote cobre o cálice
8. popular peta; mentira
9. regionalismo empenho; proteção
10. regionalismo abrigo natural
11. regionalismo bebedeira
12. embarcação oriental
13. HERÁLDICA barra ou faixa que divide o escudo de alto a baixo;
à pala de à custa de, a pretexto de;
bater a pala fazer continência;
meter/ferrar a pala mentir, pregar uma peta
(Do latim pala-, «pá», pelo castelhano pala, «assento de metal para pedras preciosas»)

Agora escolhe e passa bem.

Pedro disse...

O único problema do Pedro benfiquista é ter sido violado pelo tio portista em criança.

miguel_canada disse...

Littbarski... e o que dizer do Vitor Pereira? Depois de tantas vezes o ter desancado acho que devo (devemos) reconhecer que o homem tem evoluido brutalmente como treinador e ontem foi mais do que evidente que numa altura em que o Braga ja se contentava com o empate Vitor Pereira continuou a apostar forte na vitoria e a entrada do Kleber foi com essa ideia. Por outro lado a equipa ja joga com outra alegria e com uma dinamica muito mais fluida.

MC disse...

Que o Braga ia ser sodomizado "comme d'habitude" já todos estávamos à espera, agora o que eu não esperava era ver o Douglas a apontar o "pincel" do James, e o Leandro a meter a vaselina...

Mas isso agora não interessa nada...

littbarski disse...

Miguel, eu confesso que ainda tenho algumas reservas em relação a Vítor Pereira e espero que eles as desfaça ao longo da época, nomeadamente quando chegar a altura das grandes decisões.

Ontem, pela primeira vez, desde a sua saída, lembrei-me de Hulk e do jeito que ele faria naqueles lances de um contra um, perdidos para a bem organizada defesa do Braga. Mas o Incrível já era e há que seguir em frente, com as soluções que temos, o que Vítor Pereira tem conseguido com sucesso.

De facto, depois de um arranque de temporada algo periclitante, a equipa subiu de forma e está mais consistente e confiante, o que aumenta a probabilidade de, nos momentos difíceis, as coisas serem decididas a nosso favor, como aconteceu ontem. Veremos o que nos reserva o futuro.

Costa disse...

Sorte, é verdade sorte...

Sorte termos o Helton;
Sorte termos o Otamendi;
Sorte termos o James;
Sorte termos o Jackson;
...

Enfim, sorte temos nós em sermos PORTISTAS.

PS1. Andei por aqui a fazer contas com a máquina e não consegui ver como um penalty que deveria ser assinalado pode valer 2 ou mais golos.

PS2. Os 'rasteirinhos' têm a certeza que se o Xistra marcasse penalti, o mesmo era convertido e o FCP não marcava os 2 que marcou...
Eu se tivesse assim tantas certeza jogava no €uromilhões e ganhava-o todas as semanas.