domingo, fevereiro 15, 2009

De proscrito a salvador

Com um golo e uma assistência, Vukcevic - a meias com Postiga - tirou da cadeira eléctrica a candidatura do Sporting ao título. Não deixa de ser irónico que o montenegrino vista a pele de salvador, face ao castigo que sofreu, mas já não é a primeira, segunda nem terceira vez que contribui directamente para a vitória. Haverá sempre quem veja no seu rendimento a prova do mérito de Paulo Bento porque há malucos para tudo. A verdade é que Vukcevic demonstra jogo a jogo a inexistência de critério técnico para o manter na bancada. Não sei se ele disse que era melhor do que os colegas ou se disse apenas que queria ser titular. Em qualquer caso, nada justifica um exílio de quatro meses. Do que não restam dúvidas é que Vukcevic é melhor do que os outros. Muito melhor, mesmo.

kovacevic

(act.)

Lê-se n'O JOGO: "inaceitável, a título de exemplo, a forma como Miguel Veloso abdicou de ajudar Polga no lance do tento de Marcelo".

Veloso não está onde devia - a fechar o lado esquerdo da defesa - e é por isso que Polga fica no um para um com Saulo. A seguir, Veloso à entrada da área, no centro, retribuindo a cobertura de Polga. Depois, Polga é papado por Saulo como foi nos golos de Renteria, Nené e Tarik, só para não ir mais longe do que as últimas semanas. Saulo cruza e Marcelo - sozinho - cabeceia para o golo. Por que é que Marcelo está sozinho? Porque o outro central - Daniel Carriço - em vez de o marcar corre para onde está Polga. E porque Pedro Silva está parado, ao contrário de Adrien, o trinco. O falhanço de Miguel Veloso é óbvio. Mas, displicência? E só de Miguel Veloso?

Ficam os vídeos:

golo do Belém


golo de Rentería


golo de Nené

10 comentários:

João disse...

Parece-me que o Vukcevic hoje tem de dividir o título de salvador com Postiga, que também fez um golo e uma assistência, e em muito menos tempo de jogo.

Em relação ao tempo de exílio do montenegrino, Paulo Bento já disse montes de vezes que não o convocava porque ele demonstrava pouca disponibilidade para o trabalho, não teve nada a ver com critérios técnicos. E, ao contrário de Stojkovic, Paulo Bento nunca mostrou interesse em que Vukcevic saísse, sinal claro de que acreditava nele.

Mas o que hoje me saltou mais à vista foi que o meio-campo do Sporting não sentiu nada a falta de Moutinho, como eu defendo à tempos. Tirando os 10/15 minutos a seguir ao golo do Belenenses, em que a equipa parecia em choque, o Sporting dominou sempre o jogo e criou situações suficientes para uma vitória mais folgada. Acho que o meio-campo do Sporting será mais forte quando Moutinho sair de vez.

FIL disse...

Kova,

Eu acho que Vukcevic tb é uma vitória de Paulo Bento e ainda não estou maluco...se me permites, a tua análise parece-me muito leviana e não imagino como seria se o mesmo jogador tivesse um rendimento médio que fosse ou jogasse a espaços. Talvez um dia, mais experiente, Vukcevic agradeça a Paulo Bento, talvez não. O processo de crescimento tambem passa por saber ser contrariado numa birra imatura, reconhecer o erro e lutar para merecer confiança. Estamos perante o caso tipico do "preso por ter cão..." e é tendenciosa essa visão de fora e sem conhecimento de causa do que realmente se passou (e que ficará para os dois intervenientes) até porque alguma coisa resultou bem, ou não?

João,

Essa do Moutinho, jogador que podes acusar de tudo menos de uma qualidade, entrega e profissionalismo à prova de bala (espelhada na fasquia alta com que jogou mais de 80? 90? jogos consecutivos) é no minimo peculiar.

Contra muita coisa, inclusivé a contingência com que o Sporting se apresentou no Restelo e dps de estar a perder injustamente na 2.ª parte, o Sporting venceu justamente. Acho que há mais jogadores a merecer esse crédito, mesmo que não o queiram dar ao treinador.

João disse...

FIL, quantidade não é qualidade e de há uns dois anos para cá que estou convencido de que Moutinho prejudica mais do que ajuda a equipa do Sporting. É assim uma espécie de nova versão do Sá Pinto. Gostava de conhecer as estatísticas dele, nomeadamente de golos, assistências e recuperações de bola. Tenho a certeza de que outros médios do Sporting, com menos jogos do que ele, têm números bem mais interessantes. Para já não falar da total falta de personalidade dele para ser capitão de equipa. Mas prontos, o baixinho caiu em graça, o que se há-de fazer? Pela minha parte, apenas esperar que se pire o mais cedo possível.

leaoconselheiro disse...

A questão do Vukcevic nunca foi o rendimento. Acho que nem o próprio Vukcevic teve tanta dificuldade em engolir este sapo...

JLC disse...

Repetindo o que já foi dito anteriormente

Vukcevic nunca ficou de fora por falta de qualidade. PBento sempre disse que ele tinha qualidade, e que seria util ao sporting... se treinasse como os outros.

Não sei como há quem queira ignorar a importância dos treinos, ou simplesmente partir do principio que sabe mais do caso, do que o treinador que o acompanhou, e de outros jogadores (como o derlei) que confirmaram a falta de entrega do vuk.

Qualquer que seja o jogador, eu não quero ser representado em campo, todos os fins de semana, por quem ache que durante a semana não precisa de trabalhar. A falta de entrega nos treinos, não é nada que estrague um jogador de uma semana para a outra, é uma coisa que arruina um jogador a longo prazo.

Há quem goste de repetir todas as semanas que o vuk sentou o rabinho durante uns meses, eu gosto de acreditar que isso o salvou do destino que teve nos clubes anteriores, onde possivelmente não teve quem lhe tenha puxado as orelhas com força suficiente.

Também convém não ignorar que o vuk não fez nenhuma exibição de encher o olho. Marcou um e deu outro, tal como o Postiga.

Grande esforço, de todos os jogadores, que viraram e comemoraram, no fim.

PS: Impressão minha, ou um apertozinho no cu não faz mal a ninguém? O Veloso parece jogar com a vontade que mostrou quando chegou à equipa principal do Sporting.

FIL disse...

O post scriptum do JLC acaba por ajudar ao meu comentário, obrigado JLC...quer dizer, o Peseiro era mole e agora este é um monstro pidesco??? Bom-senso rápido!

@leo@ disse...

Boa vitoria do Sporting e dos jogadores do sporting.

Não concordo com as criticas as prestações do Moutinho, na minha óptica são irrisórias.

Penso que a diferença no meio campo esteve no Adrien silva.

Uma vitoria totalmente justa conquistada com muita vontade de vencer.

O próximo jogo é importantíssimo...

Ricardo disse...

O Adrien está a crescer a olhos vistos...

Alguma sorte do Sporting nesta vitória. Mas aceitável.

Nuno disse...

Kova, o Vukcevic é um jogador formidável. Até aí tudo bem, mas a presença de Postiga tem sido claramente o factor decisivo neste Sporting. Ontem, uma vez mais, mostrou porquê. E não falo apenas na classe do golo. Postiga e Vukcevic fazem a melhor dupla de ataque deste Sporting. Inegável...

Quanto ao lance do Veloso, o facto de ele não estar na esquerda é normal. O Belenenses ataca rápido e o lateral ainda está em recuperação. Depois, Polga é papado por Saulo. Ainda que não o seja de forma clara, é necessário dizer que Polga está horrível, tendo em conta o que foi não há muito tempo atrás. Neste momento, Tonel e Carriço estão claramente melhor. Agora, dizer que o Carriço deveria estar a marcar o avançado e não deveria ter-se aproximado de Polga é uma parvoíce. Defender à zona implica sucessivas coberturas, implica não haver marcações ao homem, implica dobras. Carriço posicionou-se em função do posicionamento de Polga, isto é, atrás dele, a dar-lhe cobertura. Não há nenhum erro do Carriço.

rearviewmirror disse...

Eu digo o que já venho a dizer á muito:
O Moutinho é um jogador feito pela comunicação social, e que caiu nas boas graças do Paulo Bento, por ser da CAntera. "eu lanço jogadores da formação, só tenho estes jogadores para trabalhar, logo faço um excelente trabalho por rentabilizar estes jogadores"
Cantera esse que ele vem defendendo intransigentemente, mesmo que pra isso tenha que queimar Stojckovic, Tonel, Grimi, etc

O nosso seleccionador nacional Carlos Queiroz já percebeu isso, e muitos sportinguistas já começam a abrir os olhos tb.
É claramente uma "vaca sagrada", que em 80% das suas acções, recebe a bola e passa para o lado, ou para trás, não contribuindo em nada para o jogo atacante e fluido que o Sporting deveria ter.

E ainda querem comparar este miudo com o titular do meio campo da JUventus (ex-Benfica, chelsea e Lyon)...