domingo, outubro 31, 2010

Moeda ao ar

Não sei que interesse poderá ter para qualquer competição deixar que se jogue um jogo como o que se disputou ontem em Coimbra. Mais vale atirar uma moeda ao ar. Sempre se evitam lesões (que, por acaso, não aconteceram).

master kodro

9 comentários:

dragaovenenoso disse...

Por acaso até acontecerem. O Fernando lesionou-se, mas ao que parece não é grave. A meu ver perdeu-se uma oportunidade de assistir a um jogo interessante de futebol, entre o 1º e o 3º classificado, tudo por causa de um deficiente julgamento do árbitro. Havia partes do relvado que a bola não rolava. Não é razão suficiente para não se jogar?!

dragaovenenoso disse...

Para quem estava a pensar que a temporária aproximação na tabela ia colocar pressão no FCPorto para o jogo do fim-de-semana que vem, o dia de ontem não lhe deve ter corrido de feição. Quem está sob pressão não é o FCPorto, é o segundo classificado. Esse é que tem de vir ao estádio do Dragão e ganhar, para se aproximar do primeiro lugar. Não procurem subverter as coisas.

master kodro disse...

Estava a pensar em pernas partidas, dragão.

Nuno disse...

Para alem de termos uma grande equipa de futebol ontem ficou demonstrado que tb temos uma grande equipa de polo aquatico!

Ricardo disse...

Quem é Diogo Melo? Pareceu-me interessante.

Quanto ao jogo, de acordo: não devia ter acontecido.

master kodro disse...

É um cabrão, no bom sentido, que já marcou ao Vitória, Ricardo...

Ricardo disse...

Gostei muito da exibição desse jovem.

Agora falta-me vê-lo num terreno que não seja pantanoso...

Riga/V-1-Boy disse...

rivardo, nao o viste no jogo da luz? tambem fez uma boa exibição, veio se nao me engano do portimonense.

dragao

acho que nao pode rolar no campo todo, para ser dado como impraticavel, mas junto a uma das areas a bola rolava, a minha duvida era se as linhas eram completamente visiveis, é que têm que ser e mesmo pela televisao, eram dificeis de ver

Deko disse...

São muito ingénuos se não sabem a quem interessava que o jogo se disputasse...

E quanto pior estivesse o terreno, melhor...

Que melão !!