quinta-feira, novembro 05, 2009

O cronista do Titanic

Começa a ser redundante citar o cão de fila do situacionismo leonino, mas ele supera-se sucessivamente e hoje brinda-nos com mais duas explicações para a instabilidade em Alvalade:

- os fracos maldizentes
- os adeptos cegos pela paixão

Concordo. Estes tolos com opiniões são uma maçada para as elites iluminadas. E a bancada? É calar essa gente tolhida pela emoção. Calar de vez. E podemos começar logo por JEB. Não é ele o presidente-adepto?

Não creio que a crítica em geral, jornalistas e não só - os adeptos gravitam noutra esfera, em que impera a paixão, que cega a razão -, tenha uma particular apetência vampiresca. Por vezes, a fome de sangue pode levá-lo a pensar, mas a questão não é tão genética, nem tão íntima, é cultural. Fomos assim ensinados: como os presidentes, jogadores, adeptos e treinadores. Paulo Bento, pela forma anormalmente sofrível com que a equipa tem evoluído esta época já merecia ter sido despedido pelos menos duas ou três vezes. Não nos está no sangue, mas é como se estivesse, está nos cânones e só os fracos não pensam assim. Ou então, os que têm a fraqueza de não se guiar por cartilhas obsoletas, arcaicas e dogmáticas. Porquê? Porque sim. Os que não têm a força e personalidade bastantes para resistir a pensar pela própria cabeça e ver que poucos ou nenhuns benefícios viriam por abraçar a convicção de cartilhas alheias. Bettencourt e Bento são corpos estranhos nesta vampiresca teia. Eu também tenho as minhas fraquezas...
(o jogo, 5.11.10)


kovacevic

6 comentários:

Leão de Alvalade disse...

"Isto" é mais uma tirada do catecismo do inefável MD. À semelhança do que a equipa de futebol vai fazendo, este cronista consegue fazer sempre pior do havia feito.

Parafraseando ao autor do post, a cave não é o fim da viagem, não senhor.

NUNO RAMOS disse...

Entre aqueles que temos mandado embora desde que o Paulo Bento chegou ao Sporting e a aqueles que temos ido buscar, bom... é cá um défice de conjunto, não lembra o diabo! Hoje o Paulo Bento fez umas mexidas visto que estamos apurados, e, com estes ovos... nem mexidos!!!! Este ano deram ao Paulo Bento o Matigol (desilusão), o Bébé proveta, Angulo, André Marques. E com isto Paulo Bento tens de ser campeão.... ahahah

http://armazemleonino.blogspot.com/

Miguel Pereira disse...

É normal que os adeptos do Sporting estejam irritados com a situação mas sabem eles, de verdade, como arrancaram para esta época?

Com estes ovos como pode o PB fazer melhor? Estamos a falar de um técnico que foi o único que conseguiu bater com regularidade nos duelos directos o FCP de Jesualdo Ferreira conquistando um bom par de trofeus e levando a equipa, pela 1 vez, aos oitavos da CL. Um tecnico que ajudou a potenciar a formaçao e a estabilizar um colectivo em constante mutaçao.

Se a direcçao ou a sad nao querem investir um centimo na equipa e tudo o que trazem, ano apos ano, ou sao sobras de outros tempos (rochemback, angulo), ou jogadores com muito nome no seu mercado particular mas poucos resultados praticos (caicedo, matias), isso nao é o seu problema.

PB pode cometer erros tacticos mas nao tem jogadores para um estilo de jogo mais dinamico. E creio que poucos técnicos fariam diferente. O problema de Portugal é que é um país sem cultura futebolistica para aguentar um treinador largos anos. E nao estamos a falar de um técnico que andou com o clube nas ruas da amargura. Estamos a falar de um vencedor de trofeus, com 4 segundos lugares consecutivos com uma equipa que nao tinha condiçoes em muitas das vezes para ir mais longe.

Pensem nisso.

um abraço

Miguel Lourenço Pereira
Em Jogo

kovacevic disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
kovacevic disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rebello disse...

Continuo a pensar que Paulo Bento é um treinador competente, mas a meu ver o seu ciclo no SCP acabou no fim da época passada. É a conversa, que já se falou aqui, sem "ovos" não há milagres. E alguns milagres já PB fez.

Mas há um pormenor que me parece decisivo, se o Benfica tivesse os mesmos ou menos pontos do que Porto, a contestação dos adeptos seria muito, mas mesmo muito inferior.
E sem essa contestação não sei se o desfecho serio o mesmo.

Cumprimentos