domingo, setembro 27, 2009

Só duas perguntinhas...

Sobre o Porto-Sporting de ontem, de quem viu o jogo à distância: são Duarte Gomes e Vítor Pereira os culpados de Polga, um jogador num período de forma catastrófico, ser sistematicamente titular?

Sobre o discurso de Paulo Bento, de quem ouviu à distância: qual é a probabilidade estatística de o Sporting perder um jogo e o seu treinador não se queixar da arbitragem?

Obrigado pela vossa atenção.

P.S. Antecipando a enxurrada de insultos sobre a arbitragem (e porque amanhã não venho à net), gostava de dizer o seguinte: golo do Porto resulta de falta evidente; penalty é evidente; expulsão do Polga é evidente; Veloso é mal expulso, mas estávamos no minuto 92. Sim, Raul Meireles devia ter sido expulso. Esta gritaria toda - que envolve análises de lances ocorridos há dois anos - deve-se a isto? A sério? Imaginem só o que teria acontecido se o Porto tivesse ganho com um penalty assinalado por bola no peito...

katanec

11 comentários:

Marco Morais disse...

Bem, zero comentários, à hora que leio o teu post. Deve querer dizer algo. (deve significar que estás certo)

CoCoNuTs disse...

A falta para o 1º golo não é assim tão evidente....mas sim tens razão o sporting deve a si proprio tal resultado.

Não foi pelo arbito, muito pelo contrário, que perdemos este jogo!!

Talvez tivesso.mos jogado de inicio com o Tonel no lugar do Polga e muito possivelmente o resultado teria sido outro. Há que trar conclusões destes erros.

miguel_canada disse...

Coconuts, as probabilidades são infinitas. Se em vez de Polga fosse o Tonel, poderiam ter entrado outros golos...
Este jogo, criou obviamente o histerismo nas mademoiselles do costume mas toda a gente sabe que está no ADN Sportinguista este vício incontrolável da choradeira.
É a herança genética na sua forma mais simples.
O FCPorto, sem ser brilhante, foi muito superior ao Sporting, dominou a imensa maioria do jogo, teve muito mais ataques, mais remates, mais posse de bola e só pecou por falhar uma mão cheia de ocasiões flagrantes de golo.
Triunfo mais do que justo e sem contestação.

JNF disse...

Para a semana não há Polga. Que sorte a dos sportinguistas.

Luciano Rodrigues disse...

Não percebo as críticas. A arbitragem foi boa, a deixar jogar de parte a parte, as expulsões e penalty correctos (o Veloso fez falta claríssima para amarelo, logo foi bem expulso).

Quanto ao resto, o Falcao enche-me as medidas enquanto homem de área. Grande, grande, grande golo, numa movimentação a lembrar Jardel (com as devidas distâncias, que isto é tipo comparar Bentley com um carro xuning), daquelas que matam um defesa.

No entanto, o Sporting surpreendeu-me, bom futebol, não tremeu ao sofrer o golo a abrir e mesmo em desvantagem numerica e no marcador assumiu durante largos períodos o jogo.

Littbarski disse...

Eu gostava de saber o que é que o Liedson tem de fazer para levar cartão. Protestou com os árbitros (ele e vários jogadores do Sporting), chutou a bola para a baliza, depois de o árbitro ter interrompido o jogo, e ainda teve tempo para uma entrada bem durinha. Por algo semelhante a isto, o Hulk ficou dois jogos na bancada.

Para os defesas: podem voltar a cortar bolas com o pé à altura da cabeça do adversário. Aquilo, na semana passada, foi só uma experiência.

O Porto ganhou bem. Beneficiou de uma grande exibição de Hulk, de um oportuno Falcao (grande golo) e de uma defesa do Sporting que mais parecia as pernas do Aimar, sempre que um adversário ameaça aproximar-se dele.

Luís Viegas disse...

"golo do Porto resulta de falta evidente"

Heein ? Viste o jogo com uma tripe de ácido, só pode. Evidente só se for na tua cabeça, porque é TUDO menos evidente.

Pedro disse...

Falta evidente????????

rui disse...

Entao o que é uma falta evidente? Nao joga na bola, toca no hulk, impede que este progrida que mais é que voces kerem?

Ruibonga

pedro disse...

Ah, claro... 3 cartões amarelos na 1ª parte mal mostrados (Abel, Polga e M. Veloso), dois deles resultaram em expulsões na 2 parte... ficar a jogar com menos 1 quando, desde a 1ª parte, ainda, devíamos ficar era a jogar com mais 1... ah, mas isso é complexo de inferioridade, ou de calimero... Está bem, é deste futebol de merda que vocês gostam, fiquem com ele...
Ah, e, caso não saibam, o penalty do peito deu o 2 a 2.. mais importante, para a recuperação nesse jogo, era ter sido assinalado o da mão na bola quando estava 0 a 2! ah, mas isso tb não interessa para nada... é como diz o chefe da Mafia (o Vitor Pereira), é tudo normal....

saint disse...

CACAnec,

Estás a ser desonesto com os leitores. A bola no peito que dá penalti a favor do Sporting é óbvio que não era penalti... mas não referes o penalti anterior não assinalado por mão do Miguel Garcia... já para não falar no empurrão do Bruto Alves ao Liedson no dragão, ou ainda da grande defesa do "GR" Moisés do Braga em pleno estádio de Alvalade.