quinta-feira, março 19, 2009

Braga 0 x 1 PSG

O domínio foi todo do Braga, mas foi um domínio consentido pelo adversário (Le Guen poupou ainda mais titulares do que na primeira mão) e quase nunca fez mossa na defensiva contrária. Só me lembro de uma jogada inteiramente conseguida, entre Alan e João Pereira, no início da segunda parte. O Braga está em perda neste fim de época. Mas fez uma excelente época, com momentos de grande futebol, independentemente do que acontecer até ao fim. Até pode ser que volte a melhorar, agora que a UEFA desapareceu dos planos e das preocupações de Jesus.

Não percebo os instintos medievais de João Pereira, nem percebi a ideia de Jesus de colocar Stélvio em campo no fim de jogo (abandonada depois do golo de Hoarau). Mas tenho que voltar a um assunto que já abordei: agora já posso (voltar a) dizer que o Eduardo me preocupa e que me faz lembrar Ricardo nas saídas aos cruzamentos?...

master kodro

19 comentários:

jose disse...

O Braga está de parabéns pela campanha feita até aqui. Faltou-lhe experiência mas isso só se consegue com o Tempo.
Também digo que o Eduardo parece o Lusiaves e devia fazer melhor no lance do golo.

condor disse...

Ao Braga como à esmagadora maioria dos tugas faltou-lhe um bocadinho assim...

Vimaranes disse...

Foi uma campanha notável do Braga nas competições europeias, há-que reconhecer.
Esta noite, contudo, e perante mais um desolador número de espectadores nas bancadas (16 mil apenas comprovam que a cidade está desligada por completo do clube), o Braga não foi capaz de derrotar a segunda linha do PSG.
Jesus achava curtos os quartos e ficou-se pelos oitavos. E Eduardo, o tal guarda-redes que é melhor do que Beto por ser mais alto, foi hoje baixo demais para o cruzamento decisivo.
Creio que o PSG estava ao alcance do Braga, mas o 0-0 fora continua a ser extremamente perigoso como se viu.
Não conseguiu assim o Braga tornar-se no segundo clube do Minho a chegar aos quartos-de-final da Taça UEFA.

Mr. Blue disse...

Posso ser acusado de oportunismo, mas quem me conhece sabe que este "super" Braga nunca me convenceu, nem tão pouco JJesus.
Acho que falta ali muita coisa, atendendo ao potencial do plantel, e são inúmeros os jogos em que o Braga jogou mal este ano. Ou então sou eu que tenho azar e perdi os melhores (vi na Amadora e em França e em nenhum deles notei evolução em relação ao que considero serem as lacunas da equipa desde o início da época).

Hoje, tendo visto o jogo, notei mais do mesmo:
- Alguns bons pormenores individuais e pouco mais...
- Uma equipa, pareceu-me, a jogar para o 0-0 (acompanhado nesse aspecto pelo PSG);
- Pouca garra/atitude para jogo tão decisivo;
- Pouco dedo de Jesus nas substituições (Alan era dos menos maus)
- Eduardo a dar, por completo, razão ao MK. E já agora a mim, que considero Beto superior.
- Um público que não vai atrás da equipa. Vá-se lá saber porquê...

Contudo, há que dar os parabéns a esta equipa pelo bom (nada mais que isso) percurso que fez na Uefa deste ano.

PS- O Queiroz meter o Eduardo contra os calmeirões suecos deixa-me bastante apreensivo...

Fredy disse...

"Esta noite, contudo, e perante mais um desolador número de espectadores nas bancadas (16 mil apenas comprovam que a cidade está desligada por completo do clube)"

se calhar falta saber os preços dos bilhetes..mas para um vimaranes isso não deve interessar..o que interessa é dizer mal!

ao menos sempre fez MUITO MELHOR que o guimarães..mas isso nos ultimos anos não é muito dificil lol

master kodro disse...

Este (o dos últimos jogos) não é o Braga que tanto elogiei ao longo da época, Mr. Blue. Talvez seja cansaço, não sei. Mas está muito longe do que já foi (basta que te lembres dos jogos contra os grandes, deves ter visto esses).

Vimaranes disse...

Caro Fredy, está a falar de preços entre 2,5 euros e 15 euros para sócios do clube?
Parece-me dentro do normal para jogos das competições europeias. Isso explica alguma coisa?

E como terá reparado eu elogiei a campanha do Braga, apenas critiquei aquilo que foi unânime também na CS que acompanhou o jogo. O pouco público para um jogo de tão grande importância. Por isso a sua última frase é apenas... idiota.

Mr. Blue disse...

Dos jogos com os grandes vi o Braga-Porto, apenas (e metade do jogo na Luz).
Sobre esses dois jogos retenho o seguinte:
- Do jogo da Luz vi um Braga superior, mas o Benfica é uma equipa frágil para mim;
- No Braga-Porto vi um Porto a dar 10 min ao Braga (sem sofrer perigo) até se adaptar, e depois a ter as melhores oportunidades do jogo (sim, o 1º golo nasce de fora de jogo). No final o Porto facilitou um pouco mas nem aí (tirando um lance de cabeça do Orlando Sá) o Braga criou grande perigo.

E sim, o Braga foi prejudicado nos 2 jogos, mas num mereceu perder (Porto) noutro, do que vi, não merecia.

Mas, se este Braga fosse assim tão forte, nos jogos do "seu campeonato" não dava as "borlas" que eu já vi dar.

Mas eu sei que sou dos poucos que pensa assim. Talvez seja eu que ande a ver mal.

luissm disse...

Hei! Também quero ter razão nas críticas ao Eduardo :)

Sempre disse que era daqueles guarda-redes valorizados pela pouca expressão mediática e consequente menor exigência.

Já agora, imagino o que se diria do Bento, do Quique e do Jesualdo se fizessem as substituições que fez hoje o JJ.

Já para não falar das páginas e páginas de jornais que já teriam sido escritas a proposito do caso Meyong.

MRV disse...

A questão do Stélvio era exactamente a mesma da primeira-mão: entrar para marcação homem a homem a Hoarau.

O facto é que quando Le Guen colocou a 'torre' em campo, Jesus não reagiu tão depressa como em Paris e, nesse entretanto, Eduardo deu uma ajuda.

O problema mesmo é termos demasiados guarda-redes razoáveis, sem que possamos eleger entre eles um acima da média para assumir a titularidade.

Para mim, Patrício não deve ainda assumir esse posto mas será a melhor opção para o próximo Europeu. Há um Mundial antes? Vamos a ver...

Pedro disse...

O q fez o João Pereira?

JLC disse...

Eu acho que o Braga está a fazer uma campanha bastante modesta em portugal, e não sou dos sportinguistas que andam a esfregar as mãos a ver se conseguimos apanhar o Jesus.
Pelos vistos também há muita gente do porto a pensar que encontrou substituto para o Jesualdo.

Não só devia estar melhor no campeonato, como fez bastante pouco nas taças.

Na europa, sim, fez uma boa prestação.

Fredy disse...

vimaranes..mas não são os sócios que vão encher um estádio de 30 mil pessoas..mais valia fazerem como faz o guimaraes e assim tinham o estadio cheio e a apoiar! mas o gajo do braga tem a pdm de por sempre preços altos e depois ter a lata de se vir queixar por falta de apoio lol é um hipocrita.

lol e o patricio nunca vai cheirar na seleção..espero eu, senão tamos bem lixados!

Aver Vamos disse...

Obrigado Braga por teres um novo Ricardo.

camarao disse...

É sempre bom ver confirmar em campo as escolhas de Queirós: EDUARDO, EDUARDO, EDUARDO, EDUARDO, EDUARDO, EDUARDO.

Só um tonto olha para o Eduardo e vê nele um guarda redes de Selecção.

master kodro disse...

MRV, quase no fim? E tirava quem? Assumia a defensiva depois de passar o jogo a atacar? Percebes o meu ponto de vista? E o Stélvio é grande mas ainda tem muita relva para correr.

zefidalgo disse...

bem...quando um guarda-redes não der abébias é porque não é guarda-redes! é mais ou menos como "cão que não tem pulgas, não é cão"!
é verdade que o Eduardo num jogo falha sempre pelo menos uma ou 2 saídas a cruzamentos, já no ano passado aqui em Setúbal, no meu Vitória, não havia jogo algum em que não falhasse 1 ou 2 cruzamentos, por sorte não davam em golo ;-)
mas já agora digam-me, conhecem algum guarda-redes que não falhe? ou já ouviram falar em algum guarda-redes infalível?
claro que não são obrigados a gostar do Eduardo, mas devem ser justos e imparciais nos vossos comentários e julgamentos...para mim o Eduardo continua a ser o melhor guarda-redes português no activo e a minha opinião deve ser tão válida como a vossa!

master kodro disse...

Claro que não há guarda-redes infalíveis, zéfidalgo. Mas, ora porra, essa estatística de 1-2 cruzamentos falhados por jogo, não é suficiente para, pelo menos, coçarmos a cabeça?

zefidalgo disse...

claro que é, mas consegues arranjar melhor?
é que é exactamente aí que reside o problema e o que é mais grave é que em Portugal os guarda-redes, na generalidade não sabem sair aos cruzamentos...e dos últimos que me lembro que o faziam com mestria eram estrangeiros (Meszaros e Mlynarzick não sei se estão bem escritos mas vocês sabem quem são ;-)