domingo, novembro 06, 2011

"Aqui não tem cagalhão"

Diz Tite, treinador do ainda líder Corinthians, mesmo depois da derrota contra o último do Brasileirão. Não sei se Scolari será da mesma opinião, lá para os seus lados, depois de mais uma derrota. Podiam ser as declarações da semana? Podiam. Mas Jorge Jesus falou:

"Depois, também fomos penalizados por um penálti estranho"

"Não dominamos o jogo todo porque a primeira parte só teve 20 minutos"


A primeira frase explica-se com facilidade: quando a bola bate no peito, na cabeça ou no abdómen, um gajo compreende. Agora... no braço? Isso é muito estranho. A segunda frase... é só para especialistas (que acredito que apareçam).

ps - viram o golo que o Vítor Pereira falhou, de cabeça?

master kodro

11 comentários:

Joao disse...

Foi um excelente cabeceamento!

Entretanto uma data de gente vai dizer que aquilo não era penaltie...

Braga assume-se cada vez mais como um 4 grande!

Gosto muito do Rodrigo, aquela recepção de bola não é para todos!!!!

Acho piada ao Aimar, o homem está-se sempre a rir...

Um Porto péssimo consegue estar ainda na frente do campeonato, parece que já são 49 jogos sem perder para o campeonato...

Abraço

miguel_canada disse...

A visão benfiquista sobre o futebol é e sempre será um case study...
Engraçado como aquelas 3 palhaçadas contra o Guimarães em 20 minutos eram muito mais fáceis de explicar!!!

Filipe disse...

É penalti não há muito a dizer.

O que o JJ está a fazer no Benfica, com a equipa que tem, é um crime. O Benfica neste jogo rematou 5 vezes à baliza! Ainda por cima esta dificuldade em produzir jogo atacante não é consequência de um modelo de jogo que ofereça segurança defensiva.

ps Aqui há uns tempos havia quem apostasse que o Wolfswinkel iria marcar 20 golos sem ser de penalti. A questão neste momento é se ele chegará aos 20 golos de penalti.

Infante disse...

Lol, só tu e o Pinto da Costa é que continuam a falar no Scolari. Referir uma pessoa completamente a despropósito do que se disse antes é mesmo sinal de obsessão. Cada vez mais percebo essa defesa inveterada do Queiroz.

littbarski disse...

«viram o golo que o Vítor Pereira falhou, de cabeça?»

Se não viram, vêem agora. Já estou a imaginar a próxima palestra: «Hulk, assim, ó, assim!» (E o jornalista em frente que guarde o sapato de recordação.)

Sentinela um Estremecer disse...

Voltamos sempre à questão da interpretação da lei. E nem é muito isso que me custa, mas sim a diferença de critérios que aparentemente depende unica e exclusivamente de qual o clube que pode sair lesado ou beneficiado com esses "critérios". E normalmente o critério parece ser sempre para o mesmo lado. Pelos vistos, hoje chega-se facilmente à conclusão que ficou mesmo outro penalty por assinalar a favor do Benfica, contra o Guimarães- e isto mesmo apesar de as posições dos braços serem diferentes: um, de Guimarães, com o braço ligeiramente afastado do corpo, este agora com o braço encolhido e encostado ao corpo, ambos com a infelicidade de a bola ir lá bater, apesar de a intenção ser nula nos dois casos). Se fosse o Rolando, era assinalado? Claro que era, já tivemos uns casos desses para se perceber como funciona.
Já nos penalties com "encostos" a conversa parece ser a mesma, a dos critérios. E, curiosidade das curiosidades, o sentido de decisão também parece depender da mesma coisa: os tais "critérios" que acabam por puxar para o mesmo lado. Temos os casos do Porto, nesta semana e no inicio do campeonato, do Sporting há poucas semanas, todos assinalados. Será que esta semana o todo-poderoso se sentiu mal no avião, outra vez?
O Vitor Pereira jogou em que posição, nos campeonatos do Inatel em que participou? Não me parece que tenha estaleca de ponta de lança. Só me vem à cabeça um lateral fraquinho.

Grilo Falante disse...

Em Braga esperei ver os aspersores ligados...É que apagões e aspersores de relva ligados dão-me muito boas recordações...

Mr. Shankly disse...

Claro que foi penalty. O que é menos claro é que haja quem diga que quando é ao contrário não é, e este foi, ou vice-versa. Pelo critério normalmente utilizado, é penalty.

Zé Luís disse...

Eu coloco a questão de outra forma:
- qual foi a equipa que não beneficiou de um penálti por mão na bola nos jogos dos grandes este fds?

Jorge disse...

Nao acho que tenha sido penalty ja que nao vi intencionalidade nenhuma de jogar a bola com a mao.
Acho que estes lances estao a ser assinalados de uma forma altamente subjectiva sem qualquer reparo das instituicoes que gerem as competicoes (as intervencoes da UEFA e da FIFA tambem nesta area sao ridiculas e dao a entender que nao percebem as leis de futebol que sao poucas e simples) e isto so complica a vida aos jogadores e aos proprios arbitros.

karlos disse...

tanta besta a zurrar mas com oculos da cor do alcool ,sera possivel tirar os antrolhos uma vez na vida ...