quinta-feira, abril 02, 2009

Perder sem jogar

Nunca esperei que vitórias dos adversários sobre Malta e Albânia, em casa, servissem para dizer que a situação de Portugal na fase de apuramento se complicou. Principalmente tendo em conta que Portugal não jogou, ao contrário dos adversários. Mas é assim que isto está. Com tantas certezas, o melhor seria os adeptos de Scolari, perdão, os adeptos da selecção nacional incentivarem a auto-exclusão da equipa de todos nós (?), como fizeram os suíços austríacos, em abaixo-assinado. Afinal, esta equipa não vai (fazer nada) à África do Sul. Falta-lhe mística.

kovacevic

15 comentários:

luissm disse...

Bem, já irrita esta coisa do Scolari.

O Queiroz é suficientemente mau para se poder dizer mal dele sem ser preciso compará-lo com ninguém.

E o resultado da Dinamarca tem um pormenor importante, apesar de ser banal ganhar à Albânia: fez melhor que nós!

JLC disse...

Dizer que o Queirós é mau, é diferente de dizer que o Scolari é bom, mas tu continuas a insistir na mesma conversa.

TU é que continuas a querer comparar os dois, dividindo isto em anti-scolari e pro-scolari.

Os resultados do Queirós são PÉSSIMOS. Não preciso de o comparar com Scolari, Ferguson, ou Maradona, para o concluir.

Filipe disse...

Quem sabe, talvez o Queiroz desate a ganhar jogos. Mas que o homem tem uma carreira de falhanços sucessivos em selecções seniores é verdade.

kovacevic disse...

Caros amigos,

obrigado pelos vossos comentários.

Obrigado, sobretudo, porque são reveladores.

Reparem que no post não se fala uma única vez em Carlos Queiroz. Nem uma.

Se lerem - leram? - concluem que se fala, isso sim, em "Portugal", "selecção nacional" e "equipa de todos nós".

Não se fala em Carlos Queiroz.

Apesar disso, os vossos comentários centram-se, todos, em Carlos Queiroz e na comparação Queiroz vs Scolari.

Melhor ainda: criticando a comparação Scolari vs Queiroz que não existe no post.

Há coisas fantásticas.

Filipe disse...

Eu não falei no Scolari :)

Até porque acho que a comparação que faz mais sentido é antes e depois da saída do Figo. Deixámos de ter estaleca mesmo para equipas medianas.

JNF disse...

Os suiços não, os austríacos...

cparis disse...

As vitórias dos adversários, servem para os adeptos de Portugal que ainda acreditavam, acreditassem menos.
Vários adeptos de Portugal já tinham dito que Portugal precisava de ter 5 vitórias para ter esperança.
Quem não acreditou nisso, por ter dificuldade em fazer contas, viu as contas mais facilitadas agora e passou a acreditar.
Sim, anda aí muito nabo a matemática. É um facto.

kovacevic disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
kovacevic disse...

as vitórias de dinamarca e hungria em casa sobre albânia e malta eram realmente imprevisíveis

katanec disse...

Cparis, realmente discutir contigo é um passatempo complicado. O que é que ainda não percebeste das minhas contas? Isto não é subjectivo: eu disse que Portugal pode ficar em segundo lugar e chegar ao playoff sem ganhar todos os jogos. Podes PROVAR que isto é falso? Agradeço.

luissm disse...

O que há no post, kova, é uma referência aos adeptos do Scolari; além duma insinuação que quem ataca o CQ não é adepto da selecção nacional.

A frase "falta-lhe mística" vem também na sequência duma crónica mencionada no post anterior do blog em que se comparava CQ com Scolari.

As coisas têm contexto, sabias? E são para serem interpretadas nesse contexto. Digo eu.

E sabes o que tem mais piada? É que num post sobre a selecção nacional tu falas do Scolari mas não falas do seleccionador nacional.

Há coisas fantásticas, não há?

Pedro disse...

Gostava de saber onde estavam estes pruridos todos qd se atacava forte e feio o Scolari?

cparis disse...

katanec,

??

Não percebi, essa agora. Tu disseste:

Portugal tem possibilidades matemáticas de vencer o grupo, podendo até chegar ao play-off mesmo sem ganhar todos os jogos.

Mas pensava que já estava ultrapassado isto. Tens esta opinião, eu tenho outra: acho que Portugal precisa de ganhar todos os jogos. Dificilmente algum conseguirá provar o que quer que seja.

A minha resposta ao kovacevic, tem a ver com a histeria dos jornais. Também não a percebi e só a compreendo por quem não soube fazer contas. Porque quem as fez bem (eu e tu) estes jogos em nada mudaram a posição. Tu (e eu) continuamos a pensar o mesmo que pensavamos antes dos jogos dos adversários.

katanec disse...

Correcto,cparis. Entendi mal o teu comentário.

luissm disse...

Só para vos chatear :) (katanec e cparis):

Não precisamos de ganhar a Malta para ficarmos em segundo!