quinta-feira, agosto 19, 2010

forever young

"Fizemos um grande esforço para rejuvenescer a equipa. Dos seis reforços, cinco são menores de 23 anos, o que prepara o futuro desportivo do clube"

O testemunho é de Jorge Valdano, do Real Madrid, o clube que pode comprar quem quiser, agora treinado pelo treinador que toda a gente quer.

Em Portugal, o campeão Benfica contratou 16 jogadores desde a entrada de Jorge Jesus, o novo Mourinho, segundo um ilustre benfiquista. Quando chegaram, 13 deles tinham 24 anos ou menos. Traore e Salvio, mais dois exemplos, apresentam ambos 20 anos.

Neste período, o FC Porto reforçou-se com 18 jogadores, sem contar Otamendi. Dos quais 15 com 24 anos ou menos.

Felizmente, no Sporting, as pessoas percebem o jogo e o negócio, não vão na conversa de apostar em jovens com talento que mais tarde podem vender pelo triplo do valor.

Os dirigentes do Real, Benfica e FC Porto é que se enganaram.

kovacevic

7 comentários:

Sérgio_alj disse...

lool

Mas se o Sporting apostasse em jovens eram criticados pela falta de experiencia...

@leo@ disse...

O Sérgio diz tudo....
Quando é o Sporting a fazer é sempre mau....quando são os outro são os maiores, é como os jogadores da formação, no Sporting são assobiados quando vão para os outros já são os maiores!

Leão de Alvalade disse...

Kovacevic:
Estou de acordo contigo.

Felizmente, no Sporting, as pessoas percebem o jogo e o negócio.

Os resultados falam por eles.

PLF disse...

Leão de Alvalade,

quais resultados? Os desportivos ou os financeiros?

É que esta nova orientação estratégica (também conhecida por "vamos pôr os radicais com 3 neurónios operacionais a decidir") é recente e ainda não nos permitiu constatar a qualidade dos resultados desportivos, nem no curto prazo (a médio ou a longo prazo interrogo-me se a ideia é constituir uma equipa de veteranos).

Há coisa de um mês atrás (um pouco mais...) elenquei as razões pelas quais seria ineficiente contar com um plantel com uma dose excessiva de jogadores "experientes" e uma delas aparece aqui:

http://dn.sapo.pt/desporto/sporting/interior.aspx?content_id=1644080

Curiosamente fiz chegar esse post em que fundamentava porque, a meu ver, a contratação de jogadores em final de carreira - considerando os que o Sporting já tinha no seu plantel (e que não parecem querer ir embora) - tinha custos elevadíssimos e irrecuperáveis, a alguém (por quem até nutro bastante antipatia) que está no Conselho Fiscal e a resposta foi "é um exercício teórico engraçado mas o Sporting não tem dinheiro para mais".

É este o nível (intelectual e/ou argumentativo) a que temos de nos habituar. O Sporting não tem dinheiro mas dá €6M por 2 jogadores que nunca poderá revender.

Ao mesmo tempo vê jogadores como o Sílvio, o Emídio Rafael, o Lima, o João Ribeiro, o Paulo Sérgio, todos jogadores com qualidade, que poderiam compor o plantel com um custo baixíssimo, partir (e brilhar) para outros clubes.

Só me pergunto... quem subscreverá valores mobiliários de quem gere uma empresa assim?

Leão de Alvalade disse...

PLF:

Basta olhar para o que se tem gasto para perceber que o problema não é a falta de dinheiro.

E quando quem ocupa cargos da importância que são os do conselho fiscal e se atreve a responder dessa forma pouco ou nada temos que esperar.

ricardo disse...

Eu cada vez percebo menos de futebol. Ja disse aqui num anterior comentário que nao percebia como é que se anda a preparar uma equipa desde Janeiro para chegar a 1º jornada da liga e perder com os homens do movel...e hoje com os jalows da dinamarca.....Afinal Matias e para jogar na direita ou no centro ou e para nao jogar mais ? Os centrais afinal quem sao ? Postiga pagou mais uma vez ao SCP para jogar ? Zapater veio passar ferias a Portugal ou ja perceberam que é mau e nao o colocam a jogar ? O central argentino de nome esquisito tbem veio passar férias ? E o Vuk é ou não uma aposta ? O Djaló sem os seus amigos é para ficar ou nao interessa ? O Pongolle veio para sessoes de psicoterapia ? O Nuno andre coelho para dar orgasmos ao Pinto da Costa ? E o Rui Patricio, e por se chamar patricio que joga ? O servio veio para dar porrada nos directores desportivos ? E o russo para arranjar os arames do joelho ou é apenas uma birra porque se quer ir embora ? O moutinho afinal porque e que quis ir embora para 300km de Lisboa ? E o Paulo Sergio veio porque ficamos com pena de não ter conseguido em casa na ultima jornada assegurar a europa do guimaraes ? E o Costinha veio para dar uma imagem moderna do clube com os seus 50 fatos ? e o bettencourt para fumar uns charutos nas tribunas VIP dos estadios deste país ? E...E...mais perguntas ainda se podiam fazer mas digo-vos amigos sportinguistas : ESTOU FARTO !!!! Como e que assim convenço o meu puto de 6 anos a ser do SCP ?

miguel_canada disse...

Leo, tudo depende dos jovens em que se aposta. Claro que quando se aposta em cepos como o Rui Patrício ou o Djaló, não resta muito a opinião publica que não seja criticar.

Dizem os experts que uma grande equipa de futebol se constrói de trás para a frente e o Sporting tem dois adolescentes no centro da defesa e um guarda redes miserável.

Como não sou Sportinguista, não consigo entender o fenómeno do guarda redes Sérvio. Paulo Sérgio é o terceiro treinador que é "impedido" de o utilizar. Enquanto isso, Rui Patrício vai continuando a coleccionar perus como os dois que sofreu hoje. No primeiro não esboçou uma única reacção e no segundo larga uma bola que lhe veio a figura.

O PLF refere e muitíssimo bem alguns jogadores que jogam em Portugal e que tem qualidade mais do que suficiente para jogar no Sporting mas, e isto é um defeito congénito geral, comprar lá fora é que dá pica...(e boas comissões).!

O Lima vale por 3 Postigas mais dois Djalós e meio. O Sougou, com um terço do ordenado do Vuk fazia muito melhor figura.
O João Tomás, com 34 anos marca que se farta.
O Nilson e o Paiser... até fica feio comparar com o cepo do Patrício.
O Berger, da Académica é um belíssimo defesa central, experiente e barato.
O Éder, também da Académica, muito bom ponta de lança. Não vai ficar lá muito tempo.
O Bruno Gama, do Rio Ave, acrescentaria qualidade e opções ao treinador de certeza absoluta.
O Djalma e o Kanu do Marítimo.

O JEB e o Costinha, em vez de olharem para o FCPorto que ainda vai tendo mais poder económico, deviam era aprender com o Braga que tem muito menos dinheiro que o Sporting e tirou-lhes o lugar no podium nacional.