terça-feira, setembro 22, 2009

Jardim de Rodin # 7 - Chest of steel

Enquanto os caros benfiquistas, portistas e sportinguistas se insultam nas caixas de comentários relativamente ao nobre assunto de quem é o mais beneficiado (dos três, claro, que podem aspirar a esse título), o 442 prossegue na busca dos melhores momentos e imagens da nossa Liga. E dos mais estúpidos também. Enquanto prossegue a discussão sobre se Mamadou Tall pode ou não tocar na bola com a canela na própria área, quando um adversário, de lado para a bola e de olhos fechados, está por perto, mostramo-vos o que se passou meio segundo depois dessa bárbara entrada. Mamadou está encaracolado a caminho do chão, tendo as suas pernas ricocheteado com uma força proporcional à aplicada no inexpugnável peito do mago Pablito Aimar. Esse, o peito, parece ter absorvido o impacto de uma forma extraordinária, algo apenas ao alcance dos predestinados. Contudo não podem passar em claro os efeitos secundários devastadores que aquela centrifugadora el niñica provocou no argentino. Mas comecemos pela bola. Lá para cima, só Diego Gaúcho conseguiu segui-la. Foi a que menos se queixou, ainda assim. Após violentamente pontapeado no peito, Aimar manteve a verticalidade do tronco. Mas a que custo? Reparem na vulnerabilidade daquelas pernas que se curvam para trás perante tão nefasto impacto. Sim, o peito aguentou, mas aqueles joelhos que fraquejam demonstram toda a violência do lance. E os braços? Os braços de Aimar cederam à ignóbil entrada, sendo propulsionados para o céu, como que rogando aos deuses. Eu já tinha visto isto em qualquer lado e não foi o Futre. Ficamos a saber que um violento pontapé no peito aplicado pela face lateral do gémeo da perna direita de Mamadou Tall tem um efeito equivalente a meia dúzia de rajadas de metralhadora nas costas de um bravo do pelotão. Bem sei que um é artista e que vive da ilusão que causa no público, mas os senhores do Platoon também sacaram alguns óscares.

master kodro

49 comentários:

pitons na boca disse...

Ficamos a saber que se um jogador estiver "de lado" (aparentemente) e momentaneamente de olhos fechados (talvez por ver os pés do adversário passarem a centimetros da cara) não pode sofrer jogo perigoso. Outra coisa ainda: a maneira de um jogador cair ou reagir num lance é determinante para que anteriormente tenha sofrido falta? Quantas vezes vês um jogador ser puxado pela camisola e deixa-se cair nos oelhos a pedir falta? Achas mesmo que esse puxão de camisola era suficiente para ele perder as forças nas pernas e ficar de joelhos? E isso significa que não foi puxado pela camisola?

Mas isto de pegar em instantaneos fotográficos tem muito que se lhe diga: (já que quiseste usar uma imagem um tanto ou quanto bélica)pode-se pegar numa fotografia de alguem com as mãos atadas nas costas, uma venda nos olhos e um pelotão de fuzilamento à sua frente. No momento em que a foto é tirada as balas estão no ar, será que daí se pode concluir que o coitado não foi fuzilado?

Já sei que não discutes arbitragens, por isso não te pergunto se o arbitro devia ou não ter assinalado falta/penalty.
Pergunto-te antes se o lance do defesa do Leiria foi limpo ou até uma forma inteligente de se fazer à bola dentro da area...

Hugo disse...

"a maneira de um jogador cair ou reagir num lance é determinante para que anteriormente tenha sofrido falta? "

Em resposta ao pitons deixo este excerto do acordão do CD da Liga quando castigaram o Lisandro

"Em rigor, ao contrário do sustentado pelo jogador arguido quando inquirido, a sua queda nunca poderia ter ocorrido como ocorreu: para a frente e de corpo direito".

LC disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
LionHeart (o autêntico) disse...

Eh, eh, eh.

Resta acrescentar, de acordo com os fanáticos cegos do costume, a falta de Mamadou Tall, e passo a citar, "arrancou a cabeça do Aimar".

Alvíssaras para quem descobrir quem foi o fanático cego do costume que atirou esta pérola.

Priceless...

rui disse...

Hugo simplesmente brilhante. Ficamos entao à espera do castigo ao aimar. (acho que vou buscar uma cadeira pk vou ter de esperar mmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm mto!)


ruibonga

humanista disse...

epá estranho andaste calado dobre o benfica até agora e de repente pumba, já é interessante. Não era aqui que se dizia que queriam um benfica forte e tal... porque não fizeste um post nos 8.1 ou nos 4.0...

Hattori Hanzo disse...

O mais engraçado é que supostamente foram os três grandes beneficiados nesta jornada mas ele só fala do do costume. Ficamos agora a saber que um fotograma passa a ser mais importante que o lance todo (a propósito este já ´o 2º, ontem andava nos blogues, acho que vinha do Jogo, outra foto que supostamente provava que não era falta. Irão ser quantas fotos esta semana?)E sim este lance é igualzinho ao do Lisandro. Acho que por causa disso o Aimar devia levar meio ano de castigo.

Red_Devil disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
jose garcia disse...

Presumindo que és suficientemente inteligente para compreender as leis do jogo no que diz respeito ao "jogo perigoso activo", só posso concluir que és DESONESTO ao escrever a TAMANHA IDIOTICE que é este post.

luis disse...

Quando nos socorremos a uma foto para demonstrar um movimento, estamos conversados.

E como o MK nao comenta arbitragens, escusam de tirar conclusoes, pois no texto, nao se concluiu absolutamente nada.

No fundo, insinua-se, para promover algo que ainda na anterior caixa de comentários foi criticado pelo próprio MK.

O jogo perigoso nao engloba, necessariamente, pontapé na tromba, patada no peito ou coisa que o valha. Muito menos engloba a intensidade do gesto considerado jogo perigoso.

Quando algumas alminhas entenderem isto, podemos passar para uma segunda fase da avaliacao do lance.

O defesa da Leiria fez jogo perigoso. Por isso mesmo, quem promoveu o contacto, foi o próprio defesa, que cometeu uma ilegalidade.

Aimar nao cometeu ilegalidade alguma.

Livre directo, por jogo perigoso com contacto. Independentemente de ter cegado o Aimar ou nao. Isso está nas regras, mesmo para aqueles que as desconhecem.

A violencia do gesto do defesa nao foi availada disciplinarmente (com vermelho) porque isso seria absurdo, pois nao existiu, claramente, intensao de lesionar o Aimar. Houve sim uma tentativa de corte mal sucedida.

Red_Devil disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Red_Devil disse...

Para o Master Kodro, Penalty a favor do Benfica = Quando acontecer na area adversaria o mesmo que aconteceu ao Willem Dafoe. De outra forma, nunca.
Tem doido, Master Kodro, tem doido bastante nao tem?

Rui Costa Report!!!!! Eles andam ai!!!1

Peter of Pan disse...

É penálti, deixem-se de merdas!

Eu sou lagarto e aquilo para mim é penálti. Por muito que eu gostasse que não tivesse sido...

JNF disse...

Por essa ordem de ideias, ontem, o jogador do Olhanense que jogou a bola COM O PEITO, afinal deve te-la jogado com a mão, uma vez que o braço, aquando do impacto da bola no peito, vai para trás.

Como explicas isso? Física não é o teu forte.

Kaiser disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
ratogoleador disse...

É engraçado que a discussão esteja centrada no Benfica pois é o único lance onde a penalidade foi bem assinalada (por muito que custe aos adversários) no mínimo é jogo perigoso e todos concordamos que há contacto o resto é como dizia o outro:
"Todos os golos do Benfica são polémicos pois doem a muita gente..."

Até pelas discussões (absurdas) uma coisa temos a certeza é um lance (e dou esta de barato), discutível, logo o árbitro tem legitimidade para o interpretar como sendo penalidade.

Já a penalidade em Braga (há duvidas), ou a outra em Alvalade não são para aqui chamadas por desonestidade.

A mesma desonestidade que utilizou ontem o Aguiar ao ser o único a ver um toque nas pernas do Hulk quando o artista resolve mandar-se como habitualmente para o chão, cada um vê os lances conforme lhe convêm, o normal.

Fredy disse...

meu deus..os lampiões conseguem ser tão hipócritas!! e depois ainda têm lata de dizer que são os outros que descem baixo para ganhar!

tenham vergonha pah! sejam coerentes!!

Luciano Rodrigues disse...

For god sake, isto já enjoa. Aquilo é um penalty claríssimo em qualquer parte do mundo, ponto final. É que nem há discussão possível.

Houve um outro lance esta jornada que foi o mais patético de todos e que passou em claro, tendo inclusivé o resumo da RTP congratulado o árbitro pela decisão: a expulsão do jogador do Nacional no lance da lesão do Kanu.

O árbitro só pode ter expulso o jogador do Nacional por ter visto a perna do outro dobrada ao meio. Como raio é que é marcada falta a um gajo que tem a bola dominada e é pontapeado pelo outro???

Para quem não viu, o Kanu adianta muito a bola e vai em desequilíbrio. O defesa do Nacional apanha a bola e segue com ela controlada em direcção oposta, e o Kanu, em queda, estica a perna para tentar chegar à bola, mas acaba por acertar com muita força nas canetas do defesa do Nacional. A força foi tal que partiu ao meio e de forma feia a sua própria perna. Resultado? Vermelho para o gajo que levou a arroxada. Os árbitros em Portugal são muito maus, essa é que é a verdade.

ilustre.anonimo disse...

Para quem não comenta lances, este post nem está mau.

Pelo contrário, os comentários ao post têm a qualidade de (independentemente da visão de cada um, do português utilizado e da correcção com que o fazem) de não serem hipócritas.
Quem o faz comenta o lance sem metáforas cinematográficas, sem se esconder atrás de uma pseudo-independência e com a coragem de saber que, no futuro, pode ser confrontado com as suas próprias palavras. E, também gostam de futebol!

Mr. Blue disse...

O cinema é um mundo de ensinamentos, não é MK?

JoniBeGod disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
JoniBeGod disse...

Dor de corno PASSA, MK!

Leão de Alvalade disse...

MK:
Não é por acaso que o 442 é viciante...

Ontem levantei aqui a questão do penalty que não foi sobre o Aimar, e porque me recuso a ver o futebol de palas, deixo o que escrevi hoje sobre os 2 lances mais polémicos ontem Alvalade:

"Ponto de ordem: dizer que não foi penalty é um pleonasmo desnecessário. Assim como não me parece que a bola na mão de Miguel Garcia – é assim que a vejo – merecesse punição. A questão é saber se na nossa área o árbitro, este ou outro, não teria marcado. Mas isso são outros… quinhentinhos."

Acrescento: na jornada em que perdemos com o Braga o lance na área dos bracarenses aos 4m de jogo, em tudo semelhante a 2 que deram penalty a favor de slb e fcp, foi o único cujo critério do árbitro não entendeu como castigo máximo.

Obrigado pelo link MK!

Filipe disse...

Como eu disse no post sobre o jogo do Benfica, percebo que se discuta se o Aimar fez fita ou não. O que não compreendo é os que vinham com a coisa do jogo perigoso activo não ser penalti.

Quanto ao post do MK, é claro que o Aimar exagera a queda, mas a questão é se foi tocado ou não. É que no jogo perigoso o toque não tem que fazer o adversário cair ou ficar magoado (é diferente de um empurrão ou encosto em que a periculosidade do toque não está em causa e a intensidade conta). Aliás, até acho que o árbitro não foi na fita, se fosse o jogador da Leiria tinha que ser expulso.

E folgo em ver o Leão de Alvalade a reconhecer que seria forçado marcar penalti na mão do Miguel Garcia. O árbitro numa jogada em que podia beneficiar o Sporting sem dar muito nas vistas ajuizou bem. A seguir aconteceu um erro grave, mas provavelmente não mais do que isso.

Mas não deixa de ser frustrante o Sporting aguentar-se na corrida devido a um erro do árbitro.

zlatan disse...

Muito bom MK... mais uma vez parabens.

abraços

Zlatan...

pitons na boca disse...

"Acrescento: na jornada em que perdemos com o Braga o lance na área dos bracarenses aos 4m de jogo, em tudo semelhante a 2 que deram penalty a favor de slb e fcp, foi o único cujo critério do árbitro não entendeu como castigo máximo."


Não concordando com a leitura que fazes da diálise "mão na bola"-"bola na mão" (esta ficou bonita, não ficou?) mas vendo por esse prisma, não podes dizer que o Sporting foi o unico que não viu assinalado um penalty, quando tens uam jogada quase identica a favor do Benfica, nos ultimos minutos contra o Maritimo.

Apesar de eu achar que nenhum foi, nem o que foi marcado contra o Benfica nesse mesmo jogo com o Maritimo (com isto quero dizer que com um criterio justo, não seria nem o que foi assinalado nem o que "teria ficado por assinalar").

pitons na boca disse...

Lendo de novo o teu comentário não fiquei com a certeza se te referias apenas àquela jornada em particular ou não.

Se tal foi o caso, podes ignorar o meu comentário.

humanista disse...

luciano concordo por completo com o luciano na questão do maritimo. tb eu pensei como é possivel expulsar o jogador do nacional quando o do maritimo é que provoca o contacto... mas o que importa isso quando o benfica ganhou só por um com um penalty a favor?

Virgílio disse...

Laughing Out Loud!

Soberbo!

Dando de barato o argumento, nunca antes visto, do 'jogo perigoso activo' ser considerado penalty, fico bastante curioso e aguardo com muita expectativa para o critério que se seguirá no resto do campeonato com lances deste tipo dentro da área... Cautela, Luisão! Cuidado, David Luiz! ;)

Já tivemos um exemplo: ontem, em Alvalade, houve um pé em riste (jogo perigoso, portanto) dentro de uma grande área no jogo de Alvalade... Se foi activo ou passivo deixo pra os experts neste tipo de lances (todos os benfiquistas, claro está)analisarem. O que é certo é que nada foi marcado, nem penalty, nem livre indirecto!!! Pois é...

Cumprimentos!

luis disse...

Mas Virgilio, o que é que os benfiquistas têm a ver com o facto de não ter sido assinalado jogo perigoso em Alvalade?

Brilhante raciocínio.

Virgílio disse...

Ò luis, ai não têm? Mas já têm a ver com o facto daquele panilas do Rui Bosta marcar ou deixar de marcar um penalty inexistente...

Brilhante raciocínio.

luis disse...

Virgilio,

Falas no lance do Aimar e depois dizes que em Alvalade se passou uma situacao identica.

O facto de nao ter sido assinaldo em alvalade, nao tem qualquer resposabilidade dos adeptos encarnados.

E isso é o que parece que queres passar. Posso nao ter entendido.

Outra coisa.

Referes que "Dando de barato o argumento, nunca antes visto, do 'jogo perigoso activo' ser considerado penalty".

Atencao: está na Lei, que o jogo perigoso activo é considerado LIVRE DIRECTO.

Pénalti, só se for dentro da área, como sabes.

Se pensares bem, é muito raro vermos entradas daquelas dentro da área, mas até é frequente fora dela. E, normalmente, é assinalado jogo perigoso passivo pois quase nunca há contacto entre os jogadores.

Mas acontece ser marcado LIVRE DIRECTO mas, por exemplo, a meio campo, onde foi feita a falta.

Bruno Ribeiro disse...

Comentário do séc. do Red Devil:
"Ver o Master Kodro espumar depois de 4 semanas a ser vergastado com sodomia anal por parte do Benfica"

Tu deves andar há 4 anos a Halibut só pode! Tal as vezes que escreves sobre o assunto quando se refere a outros clubes.

Hattori Hanzo disse...

Virgílio não vi, admito que tenha acontecido. Se foi o que é que o Benfica tem a ver com isso? E já vai em dois lances em que
"foram prejudicados" ... Na realidade o Rui Costa prejudicou-os e muito em marcar aquele penalti que não era, não foi? Quanto a mim nenhum dos dois é(o toque de Miguel Garcia é casual), mas como ao contrário de outros não mudo conforme as marés admito perfeitamente que ao Rui Costa lhe pareça que foi mão na bola no lance da grande penalidade marcada (como aliás já tinha dito noutro post).

JNF disse...

Há aqui gente que cita o Coroado quando fala do Benfica, mas hoje ainda não vi ninguém faze-lo.

Grilo Falante disse...

Regresso de Florença, onde passei um fim-de-semana esplêndido e o que encontro? Um país que em três dias regrediu 40 anos e está novamente no salazarismo. Os clubes de Lisboa beneficiados escandalosamente, e tudo na santa paz do senhor. Porque é que não perdi o avião que me trouxe de volta?
P.S.1 - O delgado da bola demonstra à evidência que tem uma ligação directa entre o intestino delgado e o cérebro;
p.s. 2 - mais uma vez o LC mostra o alto gabarito dos seus comentários. Aprendo sempre qualquer coisa quando os leio... não sei o quê, mas certamente aprenderei qualquer coisa...ou não!

Filipe disse...

Já agora, alguém viu a capa do Jogo? Dragões de Olhão?

Filipe disse...

E já que o tema do post era a arbitragem, alguém me explica como é possível meter o Duarte Gomes a arbitrar um jogo do Sporting? Ainda por cima um jogo importante?

Francisco disse...

O Master Kodro critica (e com plena razão) o pessoal por preferir ficar a insultar-se e trocar acusações sobre arbitragens em vez de comentar sobre futebol jogado, mas quanto ao futebol que o Benfica vem praticando desde o início do campeonato nada havia comentado até agora.

Quando finalmente dedica algumas linhas ao Benfica, de que decide tratar? De considerações táctica? Dos números da estatística ofensiva da equipa? Da prestação de algum jogador? Das filosofia de Jorge Jesus ou das alterações por ele efectuadas durante a partida? Da pressão alta que a equipa emprega? Não, justo da polémica em volta de um lance duvidoso. Frisa sempre que não comenta arbitragens, mas não resistiu a comentar um lance polémico que envolve o Benfica. O futebol jogado que espere...

Repito a acertadíssima pegunta: "Vocês não gostam de futebol, pois não?"

Virgílio disse...

Luis:

Não falo em responsabilidade. Falo de comentários de experts neste tipo de lances. De repente tds os benfiquistas parecem uns entendidos neste tipo de lance e todos os outros uns pacóvios...

Raros lances de jogo perigoso dentro da grande área??? Quantos desarmes já não se fizeram de carrinho dentro da área? Incontáveis! E o critério (até pode estar errado) mas era sempre este: se joga primeiro a bola não existe falta. No jogo UL-SLB avaliei exactamente da mesma maneira. Mas parece, segundo os tais experts, que toda a vida se andou a analisar mal...

A minha ironia, Luis (nada contra ti até pq admiro a tua correção à prova de bala), consta em verificar qts lances passiveis de jogo perigoso 'activo' (agora tb aqui há activos e passivos... porra que esta terminologia futeboleira cada vez mais se assemelha a conversa de panisgas, LOL) serão assinalados no futuro... É aí q entra o q se passou em Alvalade... No dia imediatamente a seguir ao penalty que permitiu ao Benfica ganhar em Leiria, voltamos logo ao critério de sempre: jogo perigoso dentro da área (pé em riste) e nada foi marcado...

Cumprimentos.

joemorales disse...

De tão ridículo que foi, mais um, este post, vou já apagar este 442 do lista de blogs.

Virgílio disse...

Hatori:

Os lances de mão dentro da área são lances quase sempre polémicos. O critério que acho como correcto é o seguinte:

Só é penalty em caso de existir intenção deliberada de cortar a bola com a mão ou braço. Por isso, concordo contigo: Dos três lances polémicos no jogo de ontem em Alvalade, os três na área do Olhanense, nenhum, repito, nenhum era penalty. O primeiro é casual. A bola ressalta no poste e vai ao braço de Miguel Garcia. O lance é mt rápido e nota-se pela reação que o defesa olhanense não tem intenção de desviar a bola ilegalmente. No segundo a bola bate no peito de Anselmo. Incrível como se marca aquele penalty... O terceiro lance, já na segunda parte, resulta de uma disputa aéria que o Liedson ganha de cabeça em cima do defesa adversário, ressaltando a bola, primeiro na cabeça e logo a seguir no braço do defesa. Também me parece casual até pq o cabeceamento do levezinho é mt em cima do defesa.

Por acaso, existe um lance sobre Postiga, ainda antes das várias 'mãos', qd o avançado leonino cai dentro de área e que me deixa bastantes dúvidas... Na repetição durante a trasnsmissão televisiva parece-se que o defesa não corta a bola e atinge o pé direito de Postiga... Mas não fiquei cabalmente esclarecido, pelo que até admito que não tenha ocorrido falta dentro da área. Como, infelizmente as tvs não repetiram outra vez o lance (sonegação de imagens?) fico com esta dúvida por esclarecer...

Sabes o que te digo? Se na segunda-feira, nós sportinguistas, ainda tínhamos razão para falar (conforme podes notar no meu comentário acima, considero que não existe penalty em Leiria), nesta terça-feira, deviamos (vermelhos e verdes) estar todos caladinhos...

Cumprimentos.

Luciano Rodrigues disse...

Virgílio, só vi os 2 primeiros lances. Só quem nunca jogou futebol pode achar que mão do Garcia é intencional, a bola ressalta no poste a um metro dele, o gajo desvia-se todo pa não tocar na bola, como é possível marcar mão???

E o 2º lance, enfim...

Hattori Hanzo disse...

Virgílio eu sobre o lance do Aimar por acaso até de inicio achava que estava mal marcado, que era apenas jogo perigoso. Mas o que é facto é que a lei diz que caso acha toque no adversário passa a ser como uma falta normal e dai ser neste caso penalti. Não teria problemas em dizer que o Benfica foi beneficiado (sou dos poucos por exemplo que acha que no Benfica- Marítimo o lance a acabar o jogo não é penalti, porque é casual e também não marcaria o que foi marcado sobre o Saviola), e como já disse anteriormente embora não seja aquele em Alvalade pela forma como o defesa do Olhanense reage e pela posição do Rui Costa compreendo que a ele lhe parecesse ter havido mão. Posso é aí criticar a sua má posição nessa jogada.

O Anti Lampião disse...

http://oantilampiao.blogspot.com/2009/09/droga-de-justica.html

Littbarski disse...

De facto, só mesmo um um acto selvagem (por pouco Mamadou não arrancou a cabeça de Aimar, colando-lhe a barriga nas costas) poderia derrubar um guerreiro desta natureza. Não sei como o Pablito não foi parar à urgência do hospital. Ou isso, ou é urgente um corte de cabelo adequado à flexibilidade das pernas de El Mago.

ps - Gostaste desta, Gabriel? :)

Littbarski disse...

* "um um"? Pareces o presidente do "glorioso"...

António Pista disse...

E a azia voltou!!
Master Kodro ao seu nível...baixo!

http://aguia-de-ouro.blogspot.com/

LC disse...

"p.s. 2 - mais uma vez o LC mostra o alto gabarito dos seus comentários. Aprendo sempre qualquer coisa quando os leio... não sei o quê, mas certamente aprenderei qualquer coisa...ou não!"

É propositado, para filhos da puta como tu e o "dono" deste blog não há qualquer tipo de palavras decentes a utilizar.