quarta-feira, outubro 22, 2014

Porto 2 x 1 Athletic

Com Quintero e Brahimi a procurarem zonas interiores e Tello a destacar-se nas alas, o Porto fez uma boa primeira parte e, embora evidenciando sintomas da ressaca do jogo com o Sporting, justificou plenamente o golo de Herrera.

Na segunda parte, o Athletic subiu no terreno, acentuou a pressão sobre a defesa portista e voltou a tremideira dos últimos jogos, que culminou com o golo do empate basco, no período de maior desorientação portista. Quaresma saltou do banco para calar os assobios e conseguir o golo decisivo, que só não foi egoísta porque Iraizoz decidiu partilhá-lo.

A vitória coloca o Porto mais perto do apuramento, mas a exibição da segunda parte esteve longe de conseguir afastar os fantasmas que têm assombrado a equipa, nos últimos tempos.

PS - Mais 5 alterações em relação ao onze inicial anterior. Rotatividade? Isso é coisa que não existe.

4 comentários:

Zé Pelé disse...

Apesar da vitória na segunda parte o FC Porto perdeu o controlo do jogo. E é preciso não esquecer a má forma da equipa do Athletic nos últimos jogos.

Carlos disse...

Mas se no jogo anterior o técnico optou por descansar parte daqueles que ele considera titulares como é que não haveria de haver rotatividade ?

Ou o facto de hoje o benfica apresentar um 11 totalmente diferente do da taça também vai ser apelidado de rotatividade ?

littbarski disse...

Carlos, abaixo tens 11 transições entre onzes iniciais. A transição entre o jogo com o Braga e o jogo com o Sporting é uma delas. Antes, tens, por exemplo, 6 alterações entre os jogos com o BATE e o Boavista. Qual destes dois jogos não era importante?

Se Lopetegui fez poupanças a pensar no jogo com o Bilbao, não devia, porque não há ideias que se consigam implementar sem estabilidade e não há estabilidade sem resultados, ainda por cima em casa, contra um rival.

O Jesus mudou 8 contra o Covilhã e por pouco não se lixou. Eu não gosto de ver estas alterações radicais, seja em que jogo for. Mas uma coisa é mudar contra uma equipa da Segunda Liga, outra é mudar num clássico, contra o Sporting.

Carlos disse...

Se devia ou não ter poupado é outra questão

ainda hoje se fala em rotatividade daí só ter pegado nos últimos 4 jogo