quinta-feira, junho 19, 2014

La Roja es nuestra

Não sei se o problema é dos intérpretes ou de um modelo de jogo que até as cabras já aborrece. Talvez baste trocar o sortudo do Del Bosque por alguém capaz de transformar o 1x5 contra a Holanda no 0x5 do Bayern, nos dois jogos contra o Real de Casillas, Sergio Ramos e Xabi Alonso. Ou então é apenas uma fase má de uma selecção que já ganhou tudo. O certo é que o Chile aproveitou esta crise existencial espanhola para reclamar a Roja e conseguir aquilo que nunca antes tinha conseguido: vencer a Espanha; juntando-se, assim, à Holanda nos oitavos-de-final. Falta saber quem joga com o Brasil.

Sem comentários: