sábado, março 08, 2014

Paga o que deves ao bronco, Júlio

A última reunião da Liga ou dos presidentes dos clubes da Liga - já nem sei -  foi mais um espectáculo degradante, com os habituais protagonistas sempre muito interessados em controlar tudo o que é o futebol português. Seja numa reunião de pares, seja na escolha das listas para as federações e lugares nos conselhos que depois escolhem árbitros ou atribuem castigos ridículos aos seus representantes, seja a diminuir o valor dos adversários impedindo a utilização de jogadores próprios ou, melhor ainda, que já nem fazem parte dos seus quadros, Porto e Benfica estão sempre lá.

São geridos por gente imunda, sem qualquer tipo de noção de decência ou de legalidade e gostam de usar outros semelhantes que continuam a preferir ser condicionados por grunhos e pelos seus objectivos.

Enquanto lia o "paga o que deves" do bronco do presidente do Benfica, lembrei-me do que aconteceu ao bronco do ex-presidente do Vitória quando o meu clube cometeu o sacrilégio de andar a lutar pelo mesmo lugar do que o Benfica. Ao mesmo que tempo que, em reuniões de presidentes de clubes, o bronco do presidente do Benfica sugeria que o Vitória andava a pagar a árbitros, os amigos jornalistas do bronco do presidente do Benfica colocavam em jornais e blogues histórias incongruentes e ridículas, mas com títulos sugestivos, apesar de martelados, sobre o envolvimento do parolo do Vitória em casos de arbitragens. Tudo o que possa ser pago, o bronco e não menos parolo, está lá, veja-se o que sucedeu com o árbitro cabeludo, com a ex-puta execrável e outras quantas figuras e alvos de agressões e burla (à boa maneira do seu ídolo).

Era importante que o presidente do Vitória esclarecesse que dívida é essa, se é que existe. No último relatório e contas anual do Benfica, a certa altura, refere-se o seguinte:

"Os movimentos ocorridos na rubrica de imparidade para devedores de cobrança duvidosa em base consolidada e individual são os que a seguir se apresentam (...) A redução diz essencialmente respeito à anulação da imparidade constituída no período transacto para fazer face a um adiantamento  efectuado ao Vitória de Guimarães, que foi regularizado no decorrer deste período."

Era importante saber que dívida é essa, de quando e de quanto, e, no caso de não existir outra para além da que resultou da fraude Targino, pôr o filho da puta (em sentido não familiar) que tem 500 milhões de passivo em tribunal.

11 comentários:

O Anti Lampião disse...

«Vê se pagas é o que deves!»
Ontem, segundo a imprensa, o presidente da agremiação corrupta terá soltado em jeito de desabafo e dirigindo-se ao presidente do Vitória de Guimarães:
"Já estou arrependido de ter emprestado dinheiro ao V. Guimarães. Vê se pagas é o que deves!"

Será este apenas uma ponta do iceberg da enorme teia montada pela agremiação corrupta que subjuga a grande parte dos clubes das duas ligas profissionais aos seus interesses.

Na mesma semana em que vimos confirmadas as suspeições à volta da ingerência na utilização ou não de determinados jogadores em jogos frente à agremiação corrupta; vemos também confirmada que essa ingerência vai para além dos jogadores, assumindo também a vertente de empréstimo financeiro.

Que favores foram pagos com este 'empréstimo' ?
Que favores esperava a agremiação obter com este 'empréstimo' ?

http://oantilampiao.blogspot.pt/2014/03/ve-se-pagas-e-o-que-deves.html

Pedro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Filipe Araújo disse...

Eh pá, parece que as palavras de LFV entraram em força neste blog... Tanta raiva pode ter vários significados. Mas um que não me escapa é a do vosso presidente ter-se tornado um pau mandado de Pinto da Costa. Até percebo esta tentativa de tomar o lugar de António Salvador nessa posição, mas não será fácil. Mas pronto, que ele está a tentar com muito afinco, isso é verdade, e é um mérito que não se lhe pode tirar...

Bradpiteu disse...

Factos:

-Um blog vitoriano ao seu serviço dos porcos

-O presidente dos vitorianos ao serviço dos porcos(pau mandado)

Cambada de apre gaitinhas....

Fredy disse...

que engraçado..se têm a mesma opiniao que o PC são paus mandados, se têm a mesma opiniao que o LFV são honestos e pela verdade desportiva.

----> Lampiões frustrados no seu melhor!! lol

Pedro disse...

A puta da ironia. O clube que se odeia salvar o clube que se ama.

:)

master kodro disse...

Pedro, quando quiseres que eu te explique alguma coisa avisa e evitas passar por ignorante. Eu sei que é difícil, mas podes começar a aprender a evitá-lo.

-=amadorjp=- disse...

Estranho não falarem do Tiago Rodrigues por exemplo... Estranho não falarem dos jogadores "patrocinados" pelo António Araújo (o tal que é pau mandado no Apito Dourado!). Estranho não falarem dos emprestados que se lesionam sempre contra a casa mãe... e agora falam de algo que parece que alguém ouviu... Também já vos chamaram vendidos e não contestaram.
Confesso que tenho pena, pois sempre vi o Guimarães como uma equipa da Europa do futebol português, mas a bem do futebol português, que se limpem este vassalos subjugados ao clube que foi condenado oficialmente por corrupção e nem sequer contestou (só contestou o castigo do seu presidente).
Quanto ao caso que citas, não sei onde reside a dúvida... houve um adiantamento de dinheiro que foi inclusive publico. O Jogador acabou por não ir para o Benfica, logo havia a devolução do respectivo dinheiro. O valor que está oficialmente em divida, pelo que se sabe,diz respeito a danos praticados no Estádio da Luz que é pago pelo clube.

Quanto ao passivo do Benfica e às dívidas, olhem para o vosso clube, para os processos em tribunal contra o anterior presidente por exemplo... ao dinheiro desviado, aos negócios estranhos como o do Bebé... é que o activo do Benfica é acima dos 500 milhões...

Pedro disse...

Deve doer-te tanto...mas tanto.
LOL

O Anti Lampião disse...

'é que o activo do Benfica é acima dos 500 milhões... '
assim sendo não há nada a recear

master kodro disse...

A idiotice e a estupidez devem ser uma benção. Não sei qual é o pior, se o que acha que um pagamento para contratar um jogador é salvar um clube, se o outro que não sabe o que quer dizer "regularizado"; se é o que não sabe quem é o Miguel Rosa, se é o que poupa no português, or falta de ideias. Visto daqui é triste, mas estas bestas sentem-se abençoadas, aparentemente.