quarta-feira, março 12, 2014

O outsider e os hereges

O Atleti não tem vedetas, não tem o futebol avassalador que, por exemplo, o seu rival de Madrid consegue apresentar, mas tem uma equipa bastante coesa que disputa cada jogo como se fosse o ultimo da sua vida. E tem Diego Costa, um avançado completo, capaz de fazer a diferença, quando as coisas estão mais apertadas. Um osso para os principais candidatos à vitória na Champions.

Da Baviera, continuam a chegar vozes que não se identificam com o ADN do Bayern actual, apesar da eficácia ser a mesma: «vamos ser como o Barça e acabaremos por aborrecer com tanto toque na bola que ninguém nos quererá ver. Estes jogadores até passariam a bola em cima da linha de golo...» - Beckenbauer, no final do Bayern x Arsenal.

4 comentários:

Mike Portugal disse...

Queria ele "acabar" como o Barcelona e.....ganhar champions seguidas.

DC disse...

O Beckenbauer precisa dum Paulo Fonseca para aprender.

Quanto ao Atlético nem consigo perceber como acabou de arrumar a última equipa do "campeonato mais evoluído tacticamente do mundo", da Champions. Estranho...

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

o atletico parece o benfica da liga europa do ano passado, só bolas nos postes

Hugo disse...

O Atlético é uma versão melhorada do Boavista de Jaime Pacheco com a diferença que em vez do Silva tem o Diego Costa como avançado