quinta-feira, outubro 03, 2013

O PSG redesenhou fronteiras

O tratado geográfico do PSG desviou, principalmente, duas:

1. A fronteira "connosco comem a relva | com os outros abrem as pernas". O Benfica teve dificuldades com quase todos os adversários, incluindo o meu renovado Vitória com menos 48 horas de descanso.

2. A fronteira "melhor plantel dos últimos 30 anos". Para além de estúpida, é um tremendo desrespeito pela história, mesmo a recente, do clube.

No entanto desconfio que, mesmo com a geografia realinhada, a cagança continuará.

2 comentários:

Costa disse...

Também a fronteira: "Com o Proença não é possível ganhar a nenhuma equipa de jeito", acaba de ser derrubada, pois mesmo sem o Proença continuam sem conseguir sequer pontuar...

Infante disse...

Para sermos completamente sinceros, a primeira fronteira - as queixinhas parvas do "connosco comem a relva" - acontece em praticamente todos os clubes.

Basta ler os textos do MST, por exemplo.

Até já ouvi adeptos do Belenenses a dizer isso.