quarta-feira, novembro 17, 2010

Portugal 4 x 0 Espanha

Vitória (com goleada sobre o campeão europeu e mundial) e exibição excelentes, alicerçadas numa rara - para não dizer única - atitude competitiva absolutamente extraordinária (contrastando claramente com a do adversário), principalmente porque estamos a falar de um jogo de preparação. E nós sabemos bem qual é o nosso historial neste tipo de partidas e a enorme perda de tempo que costumam revelar-se. Não houve um momento em que todos os jogadores não estivessem em movimento, transformando o tiki-taka (enquanto Xavi e Iniesta estiveram em campo) no cutchi-cutchi (que julgo que o infante baptizou). Mérito inteirinho de Paulo Bento.

master kodro

25 comentários:

Virgílio disse...

"Não há milagres, tivemos muito pouco tempo para preparar a equipa e a vitória deve-se à qualidade e desempenho dos JOGADORES"

Paulo Bento na flash interview...

último! disse...

:) Não era por aqui que defendiam o Queiroz?

É certo que não passamos a ser os melhores pela vitória mas quando ouvia desculpas porque a equipa não era tão boa como no passado e via nela CR7, Nani, Pepe, Ricardo Carvalho, Coentrão, Martins, Danny, Meireles, etc... perguntava-me sempre, tirando um verdadeiro avançado o que falta afinal?

Simples, motivação o PB sem ovos fez o que fez agora está a demonstrar que com ovos podemos no mínimo contar com ele.

Com ou sem motivação o Queirós não ganhava este jogo isso é garantido

low desert puke disse...

A mim parece-me que Paulo Bento està a fazer o que fez Humberto Coelho.

Entrega-lhes a bola e diz: "Joguem e divirtam-se."

Pedro disse...

Volta Queiroz...ou não!
:)

filomeno2006 disse...

Parabéns, Portugal

Zé Luís disse...

eh, eh, somos os maiores, outra vez. E desta vez nem atribuem demérito ao adversário, que bão...

Mauro Nunes disse...

Paulo Bento é um visionário e fez coisa nunca vistas no futebol moderno. Pasme-se, a defesa direito colocou um.. defesa-direito. A trinco colocou... um trinco. Nas alas colocou... dois extremos. No meio campo colocou... dois médios de construção. A ponta de lança colocou... um ponta de lança. É este grau de visão que não está ao alcance de qualquer um.

Escárnio disse...

A defesa esquerdo colocou um.... defesa direito... fantástico Mauro....

Deko disse...

O Queirós não ganhava este jogo ?!
Então porquê ?!

E o PBento ganhava os jogos ao Chipre e à Noruega com o mesmo Eduardo que o Queirós 'apanhou' ?!

A verdade é que quando interessa a Espanha 'papa-nos' e quando é a feijões damos-lhes goleada.

Parece-me bem...

Mr. Shankly disse...

"E o PBento ganhava os jogos ao Chipre e à Noruega com o mesmo Eduardo que o Queirós 'apanhou' ?! "

A culpa foi só do Eduardo, não foi? Jogámos tão bem e ele deu 5 frangos, não foi?

Jorge disse...

Deko:

O Queiroz nao estava impedido de treinar a seleccao nesses dois jogos que referiste?

último! disse...

Não ganhava porque não tinha essa capacidade, simples!

Os mesmos jogadores rendem o triplo é isso que marca os grandes treinadores. Com o Queirós empatamos com os Albaneses em casa e está tudo dito

Sérgio X disse...

Não somos os maiores mas, para jogos a feijões, entre levar 6 do Brasil e dar 4 à Espanha, se calhar é melhor a segunda hipótese.
Os factos estão à vista, com Queiróz só ganhamos a coitadinhos. Quem ainda defende o incompetente que antecedeu Paulo Bento, do onze titular de ontem todos os jogadores estavam dispoíveis para o Mundial tirando o Bosingwa mas naõ é para todos chegar à conclusão que J. Pereira é melhor defesa direito do que Ricardo Costa, que o Pepe é Central, que o C. Martins é a unica alternativa de jeito ao Deco e que o Moutinho encaixa em qql convocatória. Já nem falo na capacidade de motivação dos jogadores mas infeliznmente para o professor isso não é ensinado nos livros.

Jorge disse...

O Paulo Bento conseguiu motivar e unir os jogadores, alem de me parecer fazer escolhas bastante acertadas nos jogadores que coloca em campo, mas parece-me que se tem dado pouco valor ao muito valor tactico acrescentado pelo Paulo Bento.
Quero ver como vai continuar a evoluir a seleccao do Paulo Bento.

Pedro Almeida disse...

Parece-me que estes 3 jogos da era Paulo Bento enterram definitivamente a carreira de treinador de Carlos Queiróz, partindo do princípio de que ele tinha uma, claro.

master kodro disse...

Esta merda é inacreditável.

td disse...

A melhor prova da boa capacidade de PB é o recuo de 2 jogadores,Raul Meireles e Pepe.Recuando Pepe,mete o jogador a jogar na sua posiçao natural e com dupla fixa e com rotinas diarias de grande clube como o R Madrid.A maior dificuldade desta mudança está no "encostar" Bruno Alves que acredito que é uma decisao dificil.O recuo de Meireles(medio int.direito/esquerdo) para "trinco" é de mestre pois,ganha um bom medio defensivo e principalmente abre uma vaga no meio para um/dois medios box-to-box Carlos Martins/Moutinho.

Zé Luís disse...

inacreditável, também acho. só artistas e visionários. água benta...

atribodofutebol disse...

Inacreditável é haver quem ainda defenda o Queirós. Isso sim é visionário.

Jorge disse...

Eu nao acho incompativel elogiar o Paulo Bento e defender o Carlos Queiros.
Alias cada dia que passa fico mais convencido que lhe fizeram a folha de uma forma muito pouco correcta... se bem que ele pareca mostrar uma predisposicao para "se por a jeito."

SamM disse...

Inacreditável é ler os comentários de à uns meses atrás, onde se alegava com unhas e dentes neste nobre espaço, que a nossa Selecção não tinha nível para lutar com os tubarões do futebol internaional... Ora bem, mesmo sendo a feijões nunca vi nos ultimos anos uma exibição e resultado deste nível, quer em particulares ou em jogos oficiais...

Deste modo, a citada "atitude competitiva absolutamente extraordinária" não é nada mais que a demonstração da incompetência de um tal senhor CQ para o cargo, pois os jogadores são praticamente os mesmos...

Paulo Bento irá certamente perder alguns jogos na Selecção, como é normal, mas agora todos nós teremos sempre expectativas quando virmos esta equipa jogar contra qualquer adversário, o que desde já prova a diferença de mentalidade dos jogadores, a qual é transposta para o exterior.

Ricardo disse...

Inacreditável, mesmo. Há gente que parece mais feliz por dizer mal do Queiroz do que pela Selecção ter jogado muito e ganho por goleada à campeã do Mundo.

littbarski disse...

Apesar de ser um jogo particular (para ambas as selecções), de estar aí à porta um Barcelona x Real Madrid (onde estarão Ronaldo, Ricardo Carvalho e Pepe) - e, já agora, um Sporting x Porto, onde estarão Moutinho, Rui Patrício, João Pereira e Postiga -, a verdade é que só uma grande equipa, em termos de entrega e de qualidade de jogo, seria capaz de golear os campeões da Europa e do Mundo. Portugal foi essa equipa e deixou excelentes indicações para os jogos que realmente importam: os do apuramento para o europeu.

Hugo disse...

É assim tão difícil perceber que mais do que defender o Queiroz, aqui criticava-se com razão a forma como lhe foram "fazendo a cama"?

Filipe disse...

A mim o que me espanta é como o Postiga conseguiu marcar dois golos àquela defesa. Esse é que é o verdadeiro milagre.