domingo, fevereiro 07, 2010

Onze milhões de euros depois

Saberá José Eduardo Bettencourt que o Sporting alinhou ontem com uma média etária de aproximadamente 26 anos?

Para gáudio e tranquilidade de uma ampla corrente de opinião, o leão recebeu a Académica com apenas dois produtos da academia no onze inicial. Um deles (R Patrício) ofereceu o primeiro golo ao adversário num frango inaceitável a este nível; o outro (J Moutinho, hoje com 23 anos e quase 250 jogos na equipa principal) repôs a igualdade ao romper na zona do ponta-de-lança.

Da linha titular, no entanto, constavam os 11 milhões de euros (Pongolle + J Pereira + P Mendes) que transformaram o clube no mais gastador da Europa este Inverno, além dos 3,75 milhões da superstar de Verão (Matigol), que segundo o presidente andava a ser vítima de homicídio em prestações pela comunicação social, e ainda os 4 milhões com que o AC Milan enganou uns papalvos em Lisboa (Grimi) ou, por exemplo, os 2 milhões que custou uma perna de Vukcevic, a mesma que anda à deriva no balneário desde que alguém se lembrou que o montenegrino só tem olhos para o umbigo, embora, aparentemente, não tenha ocorrido à mesma pessoa vendê-lo, ao menos para recuperar o investimento na perna, a esquerda.

Onze milhões de euros depois, praticamente sem vestígios da academia no onze titular, com uma média de idades de 25,8 anos, com todos os jogadores entre os 23 e os 32 anos, excepto Rui Patrício, com Polga em vez de Carriço, Pedro Mendes em vez de Adrien e Pongolle em vez de Saleiro, o Sporting voltou a perder.

Até o treinador que não se conseguiu contratar quando carregava a lanterna vermelha vence em Alvalade. E agora ainda ninguém arrisca que Villas Boas é mesmo bom, mas já muita gente garante que Carvalhal não presta.

kovacevic

8 comentários:

J. disse...

Kovacevic, como bem disseste antes, nao ser com milhões que se resolvem agora as coisas.Precisamos de outro um rumo desportivo, de uma estrategia mais eficaz, enfim, precisamos de novas gentes no departamento de futebol.
Um director desportivo, e um treinador tb.
Lembro so que a clausula de rescisao de Villas Boas era superior a um milhao de euros.
Achas que deveriamos ter pago esse valor por um desconhecido?

kovacevic disse...

não

mas também acho que para contrapor ao peso da herança de paulo bento nunca devíamos ter contratado um nome como carvalhal

JLC disse...

O anterior presidente do Sporting era melhor que este. Mas não se podia recandidatar, era enganar os Sportinguistas.

O anterior treinador do Sporting era melhor que este. Diz-se que era um lampião filho da puta que "não tinha condições para continuar no sporting". Era lampião como um tal de José Mourinho que também não nos treinou devido a um momento de inspiração de Juve Leo e amigos.

Não temos director desportivo e entretanto destruimos dois simbolos do sporting (Barbosa e Sá Pinto). O primeiro, diz-se, é um mamão filho, que cá esteve de férias durante 5 anos. A solução para os sportinguistas era o segundo simbolo, que já saiu duas vezes do clube porque não é capaz de manter as mãos nos bolsos.

Ontem o Vukcevic já foi assobiado. Enquanto havia divergencias entre o treinador e um jogador com fama de burro e mimado alimentaram o ego do super-Vuk. O sporting não ganhava porque não tinha o melhor jogador em campo. Cantava-se o nome do super-heroi duas ou 3 vezes por jogo. Ontem, numa fase em que o jogador pode decidir o sucesso que terá no resto da carreira, assobiaram-no.

Há uns anos foi considerada uma vergonha mamar 5 golos num jogo amigável com o Real Madrid. Nessa época a taça de portugal não valia nada. Nós não queremos essas tacinhas de merda, queremos é campeonatos. Mamamos 5 para a tacinha que há uns anos não interessava a ninguem... o campeonato é que nada.


Entretanto aplaudiram o Ruben Micael, que assinou pelo Porto dois dias depois. Aplaudiram o Ronaldo que cá nos pode ter lixado uma qualificação aos quartos de final da champions. Continuemos a assobiar o Moutinho e o Patricio que depois podemo-nos redimir se os voltarmos a encontrar num jogo para a champions.


De há um ano para cá, temos pior presidente, pior treinador e pior director desportivo. Mudou-se a estratégia de contratações a meio de uma época que já estava perdida.


Os adeptos vão continuar a dizer que são os melhores do mundo e que mereciam melhor. Será que mereciam? Será que não temos culpa?

kovacevic disse...

sim ... a culpa é dos adeptos ... parece-me provável

kovacevic disse...

em relação ao vukcevic, o seguinte:

- não está a jogar nada, por isso é que tem sido habitualmente suplente e ninguém se rala muito

- no tempo, do paulo bento, pelo contrário, era dos mais produtivos e influentes, até que alguém se lembrou de dizer que ele não pensava no colectivo e começou a fazer-lhe a vida negra. Se calhar por isso é que colheu a simpatia de muitos adeptos.

Leão de Alvalade disse...

Kovacevic:
11 milhões para ficar tudo na mesma, mas com uma equipa mais velha. A tal da experiência que faltava, mas que pelos vistos não impede de perder.

Não vou discutir o preço mas no entanto parece-me que o plantel saíu reforçado. Se se pagou em demasia para tal?...

Pongolle é ainda uma incógnita mas pelas caracteristicas parece-me mais capaz de jogar ao lado de Liedson que Saleiro. Este é mais posicional e não raras vezes disputa os mesmos espaços que Liedson, e é mais lento que o francês. São diferentes, não me parece que concorram pelo mesmo lugar no actual modelo.

Pedro Mendes é um bom jogador mas sem ritmo. Deu um grande estouro ontem, quando me pergunto se não teria sido mais conveniente ter começado no banco.

Sobre JP já falamos.

Sobra CC. Não o teria escolhido, mas tem o mérito que me parece indiscutível de ter tido coragem para pegar numa equipa de rastos, num clube sem rei nem roque, e conseguido fazê-la voltar aos serviços mínimos, sem contudo precisar de dividir (como se preciso fosse) mais os sportinguistas entre bons e maus. E fala e futebol, que é a sua profissão.

kovacevic disse...

LdA

estamos de acordo

começando pelo fim: não teria escolhido carvalhal, como dizes, mas também lhe reconheço trabalho. O problema é que o Sporting órfão de paulo bento precisava de um super nome para injectar confiança no plantel

quanto ao pedro mendes: parece-me uma boa contratação e por valores aceitáveis, embora para uma zona do terreno onde o sporting costuma ter facilidade em encontrar soluções na academia

pongolle: ou muito me engano ou vai-nos sair caro. E acho um disparate, num clube que quer reconstruir o plantel, estoirar 6,5 milhões (ou 7,5) num único reforço.

joão pereira: melhor do que abel, muito melhor do que pedro silva, considero-o caro e acho que já demonstrou no sporting preocupantes fragilidades a defender

Sporting Eterno disse...

Sporting afinal foi apanhado numa escuta telefonica entre JEB e Dias Ferreira!

Escuta na integra em:

http://sportingeterno.blogspot.com/