quinta-feira, agosto 27, 2009

Os oito e a formação

Como se sabe, o Sporting concluiu o jogo de ontem em Itália com oito produtos da formação. Tratou-se, para muitos, da prova definitiva da incapacidade do clube para competir com as mesmas armas dos adversários. Não tem cão, caça com gato. Mas será mesmo assim?

Não deixa de ser uma leitura curiosa, se atendermos, por exemplo, à última chamada de Carlos Queiroz: estão lá João Moutinho, Miguel Veloso e Rui Patrício.

Depois há Daniel Carriço (julgo que ninguém duvida da qualidade deste), Pereirinha (tinha certamente lugar nos plantéis de FC Porto e Benfica) e Djaló (é a quarta escolha do ataque leonino e mesmo assim chegou para desconstruir a defesa do quarto classificado da série A em 2009).

Ainda jogaram André Marques e Saleiro. Se do último não se espera mais do que uns minutos na Taça de Portugal e na Taça da Liga, em relação ao primeiro há duas leituras inevitáveis: a jogar assim não acrescenta nada, mas o potencial para ser reforço está lá.

Voltando a Veloso, Moutinho, Rui Patrício, Pereirinha e Djaló, convém notar que somam 130 jogos nas competições europeias (ou 26 em média para cada um). Não estamos propriamente a falar de atletas inexperientes.

Perante isto, só há uma conclusão: não são os putos, certamente, os culpados das más exibições que o Sporting teima em apresentar.

O que parece é que em Alvalade continuam a trabalhar pessoas que abdicariam da formação na primeira oportunidade. São as mesmas que usam o orçamento como desculpa para o mau futebol.

kovacevic

13 comentários:

Jorge disse...

So vi a primeira parte e fiquei com muito ma impressao do Djalo nao nao achei a sua movimentacao deficiente mas a escolhas que faz quando tem a bola raramente me pareceram as melhores, mas o pior foi a forma como falhou o remate numa ocasiao criada pelo Liedson, para um avancado foi muito mau.

Leão de Alvalade disse...

Os que sustentam o futebol do Sporting são precisamente os tais da formação. O seu valor individual é reconhecido até pelo mercado, uma vez que as propostas de aquisição incidem sobre eles, enquanto aqueles que foram contratados para conferir maturidade engordam, de forma literal, no banco ou na bancada.

Infelizmente a sua qualidade individual só muito remotamente se vê revertida no futebol praticado.

Quanto nos custaria comprar um Moutinho, Carriço etc? Avaliando o que andamos a pagar por Tiuís, ou 10 milhões pela opção por um jogador como Caicedo, uma verdadeira maquia!!!


Quando dá jeito diz-se que PB lança mts jogadores, para depois se dizer que a equipa é inexperiente. Se se for comparar o numero de jogos na CL dos nossos jogadores e da Fiori de certeeza que os italianos ficariam a perder.

Imaturidade porque se joga com a formação ou porque não se potencia o seu valor?

JLC disse...

Por acaso tinha interesse de ver estatistica sobre a experiencia dos jogadores da fiore nas comp. europeias.

E nas selecções também tinha piada.




Kovacevic, se quiseres avaliar alguma coisa pelas chamadas do Queiros, podes começar por dizer que não temos hipoteses de chegar ao cameponato. Este ano, ou no anterior.


Compara os numeros do meireles com os de moutinho ou veloso. Podes comparar as do bruno alves com os centrais do sporting que quiseres. Junta-lhe o rolando.

Internacionais argentinos contam? E brasileiros?


E pensar que o pereirinha tinha lugar no benfica ou no porto é uma ilusão. Bonita, mas uma ilusão. Já o vi fazer bons jogos, mas também já o vi falhar passes aos 5 e 6 de cada vez.

kovacevic disse...

JLC,

um dias vais explicar-me como é se falham 5 e 6 passes de cada vez

em relação às chamadas do Queirós, se achas que internacionais portugueses já não são sinónimo de qualidade, não sei que dizer

os números do Bruno Alves: 34 jogos europeus. Moutinho tem 43. Veloso 27. Polga 46. Rolando 12.

Não percebi.

Aliás, não percebi qual a ideia contida no teu comentário.

Há alguma? O que é que estás a defender, exactamente?

último! disse...

Pereirinha cabia onde?

Não entendo nem nunca entendi jogador banal

JLC disse...

de cada vez = seguidos.


Claro que não é sinonimo de qualidade. Nem me vou dar ao trabalho de procurar as primeiras convocatorias do queiros que me dá dores de cabeça.

JNF disse...

Gosto do Pereirinha. Discreto, mas não dá barraca. Nunca será um Ronaldo, um Simão nem um Moutinho, mas é um jogador que serve perfeitamente para um plantel campeão.

Gabriel disse...

A formação é uma falácia, tal como o orçamento.
Eu também gostava de ver o Porto campeão com um plantel 100% formado nas escolas...
Mas de que me serve 10 gajos das escolas onde só metade é realmente bom e os outros estão a encher porque não há orçamento pra mais contratações?
O exemplo do Patrício é gritante... até tem valor mas é melhor que o Stojkovic? Não gozem comigo!
O Sporting só não faz a politica de empréstimos do Porto porque não tem orçamento pra isso.

JLC disse...

Gabriel, quantas vezes viste o Stojkovic jogar?


O homem deve ser dos maiores mitos de sempre, no futebol portugues.

José Ribeiro disse...

Off-topic:
Juntamente com alguns amigos criamos um novo projecto para falar de futebol nacional e internacional, desde noticias, opiniões etc tudo sobre futebol aqui:

http://tm-toquemagico.blogspot.com/

se puderem visitar, comentar, fico muito agradecido!

Dark Helmet disse...

"O que parece é que em Alvalade continuam a trabalhar pessoas que abdicariam da formação na primeira oportunidade. São as mesmas que usam o orçamento como desculpa para o mau futebol"

Frase chave e lapidar! Dizem que a aposta é na formação mas constantemente menosprezam a equipa dizendo que não há dinheiro... A mensagem tem de ser "não compramos porque acreditamos nos nossos". E só comprar jogadores que não existem na formação.

david disse...

"Os que sustentam o futebol do Sporting são precisamente os tais da formação. O seu valor individual é reconhecido até pelo mercado, uma vez que as propostas de aquisição incidem sobre eles"

Leaodealvalade, estás a falar precisamente de que jogadores?

É que até hoje só me lembro de 5 que realmente deram algum dinheiro ao Sporting em 15 anos.

david disse...

6, que o barrete Viana também conta.

PS: Espero que não estejas a falar do Moutinho ou do Veloso, porque a esses ninguém quer.