sábado, agosto 30, 2008

Benfica x Porto ao intervalo

1. Não percebo Jesualdo. Sapunaru, Rolando, Costa, Fernando e Rodriguez (este, o primeiro e o terceiro não por serem titulares mas pelo conjunto de peças novas) neste jogo? Abdicar da táctica que dava superioridade? Com tanto homem de características defensivas, arrisca-se a que o Benfica, mesmo com dificuldades, lá chegue.

2. Do outro lado, para além da dificuldade para atacar, a inépcia a defender. Lucho (e Lisandro e Rodriguez) são poucos mas fazem pouco menos do que aquilo que querem. Lucho joga a passo e ninguém tem mão nele.

3. Está longe de estar decidido.

ps - katanec, a bola é tua.

master kodro

13 comentários:

Filipe disse...

O que vale é que o Jesualdo é muito mau a mexer na equipa...

Fredy disse...

este treinador é mesmo uma vergonha..é tao mau tao mau que nem sei porque continua à frente do clube! provavelmente porque se sujeita à politica das comissoes..so pode :(

Filipe disse...

O que mais me espantou no jogo foi a miserável forma física das duas equipas. No Benfica foi mais óbvio, por causa das cãibras, mas muitos jogadores do Porto jogaram os últimos 15 minutos a passo.

João disse...

A grande questão agora é em que estádio se vai disputar o Benfica-Sporting daqui a duas jornadas. No Algarve, em Braga, no Dragon?

master kodro disse...

Acho que alguns dos problemas musculares foram mais para parar o cronómetro (exceptuando os do Aimar e do Leo). E o Lucho rebentou completamente. Afinal nem foi preciso o Hulk abrir a boca, foi só desviar a bola. Ele tem é o problema de achar que continua a jogar na segunda divisão do Japão.

Não é só o estádio, joão. É a dupla de centrais. Provavelmente vai ser David Luiz/Sidnei, porque, como o ambiente está, o Luisão também não deve jogar na próxima jornada.

master kodro disse...

Olha que uma leitura atenta do regulamento me faz pensar que só vai haver multa e não interdição. É mais uma peculiaridade do futebol português. Vai ler, vai ler. É nos 140 e toma atenção a todas as palavras dos artigos...

master kodro disse...

Vai tornar-se moda, se se aplicar o artigo que estou a pensar (148).

Filipe disse...

MK, caramba, temo pelo que pode suceder daqui para a frente. Custa-me a acreditar que os árbitros aceitem apitar jogos nestas condições.

Gabriel disse...

é frustrante não conseguir ganhar contra 1 Benfica tão fraquinho... mas enfim!

galvao99 disse...

Hoje e sempre, fiscal de linha, a profissão mais ingrata (e mais dificil, e com mais responsabilidade e risco, e com menos estatuto, respeito, direitos, protecçao e recompensas monetarias) do mundo do futebol.

Nuno disse...

"Acho que alguns dos problemas musculares foram mais para parar o cronómetro (exceptuando os do Aimar e do Leo)"

A sério? O Di Maria fingiu caimbras? O Yebda andava a coxear sempre que tentava um sprint e foi a fingir? Faz todo o sentido, isso. Ainda bem que há gente que alerta para isso, se não ia pensar que os jogadores do Benfica estavam mesmo debilitados.

master kodro disse...

Nuno, "alguns", sabes o que quer dizer a palavra? O Di Maria esteve meio minuto para se atirar para o chão e estava a meio metro da linha de fundo. Se o principal problema fosse muscular, rodava.

Nuno disse...

Já tiveste uma cãimbra, master? É que não parece...

E a palavra "exceptuando", sabes o que significa? É que se dizes que "exceptuando o Aimar e o Léo", o resto fez fita, parece-me legítimo achar que incluis o Yebda nesse saco...