sábado, julho 26, 2008

Cantinho do Vitória

Faltam 17/18 dias para a primeira mão da pré-eliminatória da Champions. O Vitória continua a mendigar na Luz, depois de ter mendigado no Dragão. O presidente do primeiros insinuou publicamente que o Vitória controlava árbitros e foi prontamente seguido nessa sua estratégia de comunicação pelo Correio da Manhã. O presidente dos segundos julga que o Vitória não tem personalidade jurídica própria, nem número de contribuinte. Portanto resolveu "castigar", julga ele, o Vitória com a recusa em participar no torneio de Guimarães e com a doação de Alan ao Braga (Jorge Jesus adorou, agora que estava a preparar um 4x4x2 em losango e ficou com Alan, Matheus e Wender...).

Voltando ao início. O Vitória continua a mendigar na Luz, aparentemente por Luís Filipe (o que resolvia um problema ao Benfica, para além de não me parecer que resolva a contento o problema do Vitória, mesmo que seja mesmo só para jogar a extremo, o que afasta grande parte das suas limitações) e Nuno Assis (já expliquei todas as razões que me levam a pensar que não é a solução ideal). Ambos continuam ao serviço do Benfica, a tentar impressionar o seu técnico. Ambos se lesionaram, ontem, ao serviço do Benfica, com níveis de gravidade distintos. Um resolve com gelo. O outro pode ter uma rotura muscular.

Voltando ao início. Faltam 17/18 dias para a primeira mão da pré-eliminatória da Champions. E o Vitória continua a mendigar.

master kodro

6 comentários:

Cósmico disse...

Por este andar vamos continuar a ser um clube entre tantos outros...

g4rf13ld disse...

Ninguém está contra a "personalidade jurídica", agora não podem é cuspir no prato de onde comem e esperar que fique tudo na mesma.

Ah, e diz lá ao Cajuda que se não fossem certos terroristas, para não chamar outra coisa, que até cocktails molotov lançaram contra o edifício, o FCP devia ter uma casa digna desse nome em Guimarães, por isso não acho que seja grande motivo de orgulho o facto de aí não haverem núcleos de outros clubes além do vosso. É a mesma coisa que um qualquer ditador gabar-se por não ter oposição.

Filipe disse...

"O Vitória continua a mendigar na Luz, depois de ter mendigado no Dragão."

Num empréstimo o benefício é supostamente mútuo, pois o Benfica precisa de colocar esses jogadores. Do lado do Guimarães também há poder negocial. Aliás a situação dos emprestados do Benfica é algo diferente da do Porto, onde tudo está decidido há muito. O Benfica ainda tem muitos jogadores a colocar.

master kodro disse...

Devemos ficar eternamente gratos por nos estenderem um prato, não é garfield? É exactamente isso que me leva a não querer empréstimos.

O Vitória tem o poder negocial de ficar à espera. Enquanto isso o nosso adversário da Champions, seja ele qual for, vai treinando com o plantel completo. Mas talvez - talvez - estendam um prato a tempo (e nós ficamos eternamente gratos, principalmente nas votações na Liga) para que possamos treinar com todos os jogadores do plantel... sei lá... uma semana inteira (!) antes da pré-eliminatória! Não, filipe. Não.

Pedro disse...

O Nuno Assis seria uma contratação soberba para o Guimarães...e falo à vontade pq sou daqueles q defende q ele é um belíssimo jogador.

g4rf13ld disse...

Claro que não têm que ficar eternamente gratos, que eu saiba isso não vem no contrato de empréstimo.
Só acho que ao tomarem uma posição na questão da champions (fosse ela qual fosse) poderiam ter benefícios e prejuízos, os quais devem ter sido tomados em conta, por isso não vejo que razão tenham para agora criticar o FCP ou vir com comentários irónicos acerca de castigos, etc.